Polícia Federal abre inquérito para investigar acidente que matou ministro da Lava Jato

Polícia Federal abre inquérito para investigar acidente que matou ministro da Lava Jato

Equipe de policiais de Brasília vai se deslocar à Delegacia da Polícia Federal em Angra dos Reis para descobrir as causas da queda do bimotor nas águas do mar de Paraty

Julia Affonso, Fausto Macedo, Fábio Serapião e Mateus Coutinho – O Estado de São Paulo

O chefe da Delegacia de Polícia Federal de Angra dos Reis, Adriano Soares, abriu inquérito para investigar as circunstâncias do acidente aéreo que matou o ministro da Lava Jato, Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, na tarde desta quinta-feira, 19.

Uma equipe de Brasília já está se deslocando para o Rio de Janeiro. O grupo é formado por um delegado, peritos e papiloscopistas para atuarem em conjunto em Paraty.

Teori ocupava com mais três pessoas um bimotor que decolou do Campo de Marte, aeroporto situado na zona norte de São Paulo. O avião espatifou-se no mar de Paraty por volta de 13h45. As causas do acidente serão investigadas pela PF.

Ler mais

Ministério Público Federal em Angra instaura inquérito para investigar morte de Teori

Ministério Público Federal em Angra instaura inquérito para investigar morte de Teori

Ao todo, cinco pessoas morreram na queda de avião em Paraty

POR CHICO OTÁVIO – O GLOBO

O Ministério Público Federal em Angra dos Reis instaurou um inquérito para investigar a morte do ministro do Supremo Tribunal Federal, Teori Zavascki, na queda de um avião, na tarde desta quinta-feira, no mar próximo a Paraty, próximo a Ilha Rasa, na Costa Verde do Rio de Janeiro. O pedido foi feito pela procuradora Cristina Nascimento de Melo. Nesta sexta-feira, serão feitas diligências no local do acidente.

Ao todo, cinco pessoas morreram na queda do avião. Os corpos de três delas estão na aeronave e os outros são dados como desaparecidos, de acordo com a Aeronautica.

A Infraero informou que o avião que caiu em Paraty era um modelo Hawker Beechcraft King Air C90, de matrícula PR-SOM. A assessoria do aeroporto, que serve para pousos e decolagens basicamente de aeronaves particulares, não divulgou quem estaria na aeronave.

Governador convoca GGI e determina a entrada da polícia em Alcaçuz

Governador convoca GGI e determina a entrada da polícia em Alcaçuz

O governador Robinson Faria convocou o Gabinete de Gestão Integrada (GGI) na Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), no início da tarde desta quinta-feira (19), e determinou a entrada das forças de segurança do Estado na Penitenciária Estadual de Alcaçuz. A operação, explicou ele, tem como objetivo a remoção dos presos, separando os membros das facções rivais para evitar um novo confronto.

“A ação do governo está tendo reações, mas o governo não vai recuar. E é preciso reafirmar: em nenhum momento, o governo autorizou qualquer tipo de negociação, seja com o PCC ou com o Sindicato. Não negociei, não aceito, não autorizo e não admito”, afirmou o governador à imprensa, após o início da operação.

O governador ainda afirmou que será feita a construção de uma barreira física, de concreto, para manter as facções isoladas dentro da penitenciária em Nísia Floresta. Compõem a operação agentes dos batalhões de Operações Especiais (Bope) e de Choque (BPChoque), e o Grupo de Operações Especiais (GOE) da Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania.

Prefeito de Ipanguaçu Valderedo usa mídia paga de George Soares para atacar o ex-prefeito Leonardo Oliveira

Prefeito de Ipanguaçu Valderedo usa mídia paga de George Soares para atacar o ex-prefeito Leonardo Oliveira

O prefeito de Ipanguaçu Valderedo Bertoldo, 51 anos, usou a sua mídia mercenária e paga pelo depurado George Soares em Assú que já está em campanha para reeleição, para atacar ferozmente a administração do ex-prefeito do PT Leonardo Oliveira, acusando o seu antecessor de falta de compromisso e responsabilidade da para quem busca assistência no município.

Um verdadeiro abandono foi  encontrado nos setores da saúde do município, por descaso do ex- prefeito que não deu a prioridade e urgência que a saúde merece, segundo o prefeito Valderedo Bertoldo.  Apesar de não ter publicado no Diário Oficial de Ipanguaçu, os ‘pistoleiros’ da mídia mercenária da oligarquia Soares, falam que Valderedo, vai decretar calamidade publica na saúde do município.

O atual Prefeito Valderedo Bertoldo, disse que pretende reorganizar a estrutura ampliando as melhorias necessárias de forma que a saúde do município seja revigorada atendendo as necessidades do povo ipanguaçuense.

Batalhão de Choque entra em presídio do RN após seis dias de rebelião

Batalhão de Choque entra em presídio do RN após seis dias de rebelião

O Batalhão de Choque da Polícia Militar iniciou na noite desta quinta-feira (19) a entrada no presídio de Alcaçuz, na região metropolitana de Natal, após seis dias de rebelião. Ainda não há informações de confrontos no local.

Antes da entrada dos policiais, os presos iniciaram um incêndio no pavilhão 3. As causas do fogo ainda são desconhecidas, mas muita fumaça ainda saia do local no início da noite. Os presos, que tomavam as áreas externas da penitenciária, também voltaram aos pavilhões.

O governador Robinson Faria (PSD) já tinha afirmado durante a tarde que as forças policiais do Estado estavam preparadas para entrar no presídio a qualquer momento.

 

Morte do relator da Lava-Jato deve atrasar processo no STF

Morte do relator da Lava-Jato deve atrasar processo no STF

Ministros do tribunal deverão decidir como será a escolha do novo relator

POR CAROLINA BRÍGIDO E ANDRE DE SOUZA – O GLOBO

Com a morte do ministro Teori Zavacki, o destino da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF) ficou incerto e as apurações deverão atrasar. O Regimento Interno da corte determina que, em caso de morte, os processos devem ser herdados pelo substituto, que será escolhido pelo presidente Michel Temer. No entanto, um outro artigo do regimento afirma que “em caráter excepcional”, a presidente do tribunal, ministra Cármen Lúcia, poderá sortear o processo para outro ministro que já integra a corte

Os ministros do tribunal deverão se encontrar em breve para decidir qual regra deve prevalecer. No entanto, o STF está em recesso e só retoma as atividades a partir de 1º de fevereiro. Enquanto o relator não é escolhido, quando terminar o recesso, deverá ficar a cargo do ministro Luís Roberto Barroso tomar decisões urgentes na Lava-Jato. Isso porque ele é ministro que foi nomeado para o tribunal logo depois de Teori. A regra também está expressa no regimento.

Ler mais

Com celas quebradas em rebelião, direção tenta isolar presos em Caicó

Com celas quebradas em rebelião, direção tenta isolar presos em Caicó

O diretor da Penitenciária Estadual do Seridó, o Pereirão, em Caicó, no Rio Grande do Norte, disse que os agentes penitenciários da unidade estão isolando os presos nas áreas que não foram danificadas para que sejam feitos reparos nas celas que foram quebradas durante a rebelião na noite desta quarta-feira (18). De acordo com Ubirajara Araújo, mais conhecido como Bira, um preso foi assassinado por outros detentos e cinco ficaram feridos.

Ele informou que o Pereirão tinha presos apenas de uma facção criminosa fundada no Rio Grande do Norte. No entanto, os detentos acabaram descobrindo que alguns presos de outra facção rival estariam na unidade e então decidiram se rebelar como resposta ao que aconteceu em Alcaçuz no final de semana.

Ler mais

Teori Zavascki, do Supremo, morre em acidente de avião

Teori Zavascki, do Supremo, morre em acidente de avião

Ministro responsável pela Operação Lava Jato no STF estava na aeronave que caiu no litoral do Rio de Janeiro. Ele tinha 68 anos e deve ser velado no STF e será enterrado em Santa Catarina

Por Ernesto Neves, Gabriel Mascarenhas, Mauricio Lima – VEJA

Confirmado pelo Corpo de Bombeiros: o ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki faleceu vítima do acidente aéreo em Paraty, no litoral sul do Rio, na tarde desta quinta (19) . Ele deve ser velado no STF e será enterrado em Santa Catarina.

Teori estava a bordo do avião modelo Beechcraft C90GT, prefixo PR-SOM pertencente a Carlos Alberto Filgueiras, dono do Hotel Emiliano, em São Paulo e no Rio. A aeronave, que tem capacidade para oito pessoas, deixou o Campo de Marte, em São Paulo, às 13h. O acidente aconteceu por volta das 13h.

A amizade entre Teori e Carlos Alberto Filgueiras começou a partir de uma tragédia pessoal: a morte da esposa de Teori. O juiz passou a frequentar o hotel e se aproximou do empresário.

Abalada, a presidente do Tribunal,  Cármen Lúcia, voltou a Brasília ao saber do acidente.

Gilmar Mendes tentou falar com Teori por uma hora.

Filho do ministro Teori confirma que pai estava no avião

Filho do ministro Teori confirma que pai estava no avião

Em uma publicação no Facebook, o filho do ministro Teori Zavascki, Francisco, confirmou que Teori estava no avião que caiu em Paraty. Francisco Prehn Zavascki pediu para que amigos rezassem por um milagre.

“Amigos, infelizmente, o pai estava no avião que caiu! Por favor, rezem por um milagre!”, disse.

A família do ministro já foi informada, além do presidente Michel Temer e da presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, que busca informações sobre os passageiros, segundo O Globo.

O presidente Michel Temer foi informado de que o ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki está na lista dos passageiros do avião que caiu nesta quinta-feira no mar próximo a Paraty, próximo a Ilha Rasa, na Costa Verde do Rio de Janeiro.

Assessores do Supremo Tribunal Federal (STF) confirmaram que Zavascki está na lista de passageiros. O avião saiu de São Paulo. Não há informação sobre o número de passageiros, ou se houve sobreviventes.

Ministro do STF Teori Zavascki estava na lista de passageiros do avião que cai em Paraty;

Ministro do STF Teori Zavascki estava na lista de passageiros do avião que cai em Paraty

Um avião modelo BE9L King Air caiu na tarde desta quinta-feira (19) com quatro ocupantes a bordo.

Segundo o Supremo Tribunal Federal, o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato na corte, estava na lista de passageiros, mas não há confirmação de que ele estivesse realmente a bordo.

Não há informações até o momento sobre mortes.

Teori é responsável por 7 mil processos como Relator da Lava-Jato.  O ministro do STF trabalha com três juízes nos casos sobre a corrupção na Petrobras.

Chega a 6 o número de mortos na penitenciária de Alcaçuz

Chega a 6 o número de mortos na penitenciária  de Alcaçuz

O Procurador-Geral de Justiça Rinaldo Reis Lima, disse que concordou com a invasão e durante entrevista a Globo News, agora há pouco, ele informou que extraoficialmente, o número é de seis novos mortos na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na região metropolitana de Natal.

“A curto prazo agora é evitar uma nova briga, uma nova matança entre eles. Por isso nós vamos entrar daqui a pouquinho, a operação vai começar já já. Em um segundo momento vamos transferir os presos das facções para presídios separadamente”, afirmou o governador Robinson Faria em entrevista à GloboNews.

O governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, disse nesta quinta-feira, em entrevista à GloboNews, que a Polícia Militar vai entrar na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na região metropolitana de Natal, e vai fazer um cordão de isolamento para separar as duas facções que estão em conflito.

Presos tentam assassinar diretor de Alcaçuz durante motim

Presos tentam assassinar diretor de Alcaçuz durante motim

Detentos da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na Grande Natal, tentaram matar na manhã desta quinta-feira, 19, o diretor da unidade, Ivo Freire.

Ele havia se deslocado para uma das guaritas da cadeia durante o início do novo motim dos presos.

No local, um tiro atingiu a parede, passando próximo a sua cabeça, e deixando ferimentos leves, segundo o Sindicato dos Agentes Penitenciários. Ele foi atendido e passa bem, segundo o jornal O Estado de São Paulo.

Procurador de Justiça Rinaldo Reis apóia invasão da penitenciária de Alcaçuz

Procurador de Justiça Rinaldo Reis apóia invasão da penitenciária de Alcaçuz

O Procurador-Geral de Justiça Rinaldo Reis Lima aprovou o anúncio do governador Robinson Faria autorizando a Polícia Militar a entrar na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na região metropolitana de Natal, como também fazer um cordão de isolamento para separar as duas facções que estão em conflito.

Para Rinaldo Reis durante entrevista a Globo News, a PM vai separar as facções criminosas para evitar nova chacina e permanecer dentro do presídio para procurar armas e celulares. As forças policias estão se preparando para invadir a penitenciária a qualquer momento.

PM vai entrar em penitenciária do RN para conter confronto entre facções

PM vai entrar em penitenciária do RN para conter confronto entre facções

Governo negou ter negociado com criminosos para tentar normalizar a situação

O governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, disse nesta quinta-feira, em entrevista à GloboNews, que a Polícia Militar vai entrar na Penitenciária Estadual de Alcaçuz, na região metropolitana de Natal, e vai fazer um cordão de isolamento para separar as duas facções que estão em conflito.

Faria negou que o governo tenha negociado com criminosos para normalizar a situação no presídio. 

– O estado tomou atitudes que desencadearam essa reação (dos ataques) – disse o governador, afirmando que, se tivesse negociado com as facções, não teria havido as depredações a ônibus e outros locais. – Não houve negociação e nem vai ter porque o governador não autoriza com quem quer que seja.

Temer diz que não afastará preventivamente ministros citados na delação da Odebrecht

Temer diz que não afastará preventivamente ministros citados na delação da Odebrecht

Presidente afirma que aguardará resultado de investigações em âmbito administrativo e judicial

POR THIAGO HERDY – O GLOBO

O presidente Michel Temer disse nesta quinta-feira não ter a intenção de afastar preventivamente ministros citados nas colaborações premiadas de executivos da Odebrecht, que o Supremo Tribunal Federal (STF) pretende tornar públicas em fevereiro deste ano.

Temer disse que o afastamento depende do “teor das delações” e será condicionado a resultados de investigação, tanto no âmbito administrativo quanto do Judiciário:

— Nas delações você tem alguém falando de outrem. E quando você tem alguém falando de outrem, você tem uma investigação. Vai depender das investigações que forem feitas, em primeiro lugar na área administrativa, depois na área judicial, e depois até na denúncia, a ser recebida ou não pelo Judiciário. Então, temos um longo caminho pela frente — afirmou o presidente.

Os depoimentos de 77 executivos da Odebrecht à Lava-Jato deverão ser homologados no início deste ano. Por citar dezenas de políticos com foro privilegiado, o caso está no Supremo Tribunal Federal. Entre os citados estão ministros do atual governo, como Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (secretário de Parcerias e Investimento), além de aliados do governo e integrantes da oposição.

Temer autoriza envio das Forças Armadas para ruas de Natal

Temer autoriza envio das Forças Armadas para ruas de Natal

Pedido de reforço ‘imediato’ foi feito pelo governador Robinson Faria

O presidente Michel Temer autorizou o envio de Forças Armadas para reforçar a segurança das ruas de Natal nesta quinta-feira, após pedido do governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria. Ainda não foi definido o contingente utilizado, mas boa parte deve vir do Exército, de acordo com o Palácio do Planalto.

Desta vez, os militares só ficarão nas ruas, para que a polícia militar do estado possa ir para o presídio de Alcaçuz, onde detentos estão em confronto. Desde quarta-feira, as ruas de Natal passam por uma onda de violência. As empresas recolheram a frota de ônibus nesta quinta-feira, após uma série de ataques, segundo Eduardo Barreto do jornal O Globo.

A autorização de Temer ao pedido de reforço “imediato” por Robinson Faria veio no início da tarde desta quinta-feira. Pela manhã, o presidente foi a Ribeirão Preto anunciar o pré-custeio da safra 2017/2018, e de lá já havia conversado com o governador do Rio Grande do Norte. Temer comunicou o ministro do Gabinete de Segurança Institucional, Sérgio Etchegoyen, e o ministro da Defesa, Raul Jungmann.

Apenas 77 de 6,1 mi de candidatos têm nota máxima na redação do Enem

Apenas 77 de 6,1 mi de candidatos têm nota máxima na redação do Enem

Apenas 77 pessoas tiveram nota mil, a mais alta na redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), na prova de 2016, conforme balanço divulgado nesta quarta (18) pelo MEC. O número de notas máximas foi bem abaixo das 104 registradas em 2015, segundo a Folha de São Paulo.

De acordo com o ministério, 6,1 milhões de estudantes fizeram o exame em 2016. Os participantes do Enem já podem consultar suas notas.

Os temas das redações do Enem foram “Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil”, nos dias 5 e 6 de novembro, quando a maior parte dos candidatos fez a prova; e “Caminhos para combater o racismo no Brasil”, nos dias 3 e 4 de dezembro. Em 2016, devido às ocupações de escolas e universidades por grupos contrários a mudanças educacionais no Brasil, o Enem foi adiado para alguns participantes.