Com Geddel preso e pedido de prisão de Joesley, Temer oferece almoço a ministros no Jaburu

O presidente Michel Temer recebe, neste sábado, ministros e aliados para um almoço no Palácio do Jaburu. Oficialmente, trata-se de um encontro de confraternização.

No entanto, devem ser discutidos assuntos como o pedido de prisão do empresário Joesley Batista; a prisão do ex-ministro da Secretaria de Governo Geddel Vieira Lima (PMDB-BA); e a denúncia da cúpula do PMDB do Senado pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

Entre os convidados para o almoço, estão os ministros Moreira Franco (ministro-chefe da Secretaria-Geral), Henrique Meirelles (Fazenda), Torquato Jardim (Justiça), Antonio Imbassahy (ministro-chefe da Secretaria de Governo) e os presidentes do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ).

A presença de Meirelles indica que as reformas econômicas, como a Previdência, também deverão ser destacadas nas conversas. As informações são de O Globo.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: