Desembargador aposentado vira réu em processo por corrupção na Justiça Federal

Resultado de imagem para desembargador francisco barros

Francisco Barros Dias está em liberdade desde o dia 14 de setembro

A Justiça Federal acatou a denúncia contra o desembargador aposentado Francisco Barros Dias pelos crimes de exploração de prestígio, corrupção passiva, corrupção ativa e lavagem de dinheiro. A decisão, da 2ª Vara Federal, torna Barros Dias réu no processo.

Francisco Barros Dias foi preso no dia 30 de agosto, quando foi deflagrada a operação Alcmeón, pelo Ministério Público Federal (MPF). Ele estava em liberdade deste o dia 14 de setembro, após o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) acatar dois pedidos de habeas corpus.

O desembargador é acusado de receber R$ 250 mil para tentar anular ou diminuir penas de pessoas presas e liberar bens apreendidos em operações da polícia. Entre os casos investigados está o pagamento de R$ 150 mil, em 2012,
para votar em favor de Rychardson de Macedo, um dos condenados na Operação Pecado Capital. As informações são da Tribuna do Norte.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: