Em Baraúna, Robinson anuncia nova edição do Microcrédito e inauguração de Restaurante Popular e Café Cidadão

Durante realização do Vila Cidadã em Baraúna, na manhã desta sexta-feira (28), o governador Robinson Faria confirmou que a cidade receberá a 33ª unidade do Restaurante Popular e a 7ª unidade do Café do Cidadão, todas ações desenvolvidas pela Secretaria de Estado do Trabalho, Habitação e Assistência Social.

Até agora, o Vila Cidadã já atendeu 38 mil pessoas em cinco bairros de Natal e em 12 municípios do estado. Nesta edição, a ouvidoria da Segurança Pública também estará presente para recebimento de denúncias, reclamações, sugestões sobre a Segurança no RN.

No evento, o governador destacou pleitos da população que já estão sendo atendidos, como a construção do abatedouro público, aumento do efetivo da Polícia Militar e a finalização de um projeto próprio, em fase de licitação, para a implantação e pavimentação de uma rodovia em Baraúna, na via conhecida como Estrada do Melão. A obra terá 19 km de extensão e a estimativa de investimento é de R$ 26 milhões, via Governo Cidadão.

Robinson Faria também destacou que ainda neste ano o Programa Microcrédito do Empreendedor beneficiará novamente Baraúna, e lembrou de outras ações. “O Microcrédito já chegou em Baraúna no ano passado, com 350 cheques, e agora vamos entregar mais 500. Também no município, mil famílias que são atendidas pelo Programa do Leite terão, depois de anos de espera, o abatedouro público.

Essas não são promessas, são compromissos que assumi com o povo e que estou cumprindo”, garantiu o governador, dizendo que adutora do Juremal, um investimento de R$ 6 milhões, será construída para regularizar de vez o abastecimento de água na cidade, atendendo também as localidades de Campestre, Juremal, Vertentes, Assentamento e Primavera.

A titular da Sethas, Julianne Faria, reforçou a importância da realização do Vila Cidadã fora da capital, e fez um breve histórico dos investimentos no município.

“O nosso dever como gestores é levar o governo para os que mais precisam e evitar grandes deslocamentos para realizar ações simples, como fazer a carteira de identidade. Este também é um momento de fazer uma prestação de contas porque vocês pediram e nós trouxemos o Vila Cidadã, o Café Cidadão e o Restaurante Popular”, projetou a secretária.

Segurança alimentar

Em Baraúna, a 7ª unidade do Café Cidadão será inaugurada oficialmente no próximo dia 7 de agosto, no prédio da Guaíba. Atualmente, a ação serve cerca de mil refeições matinais ao valor de R$ 0,50 por pessoa. A 33ª unidade do Restaurante Popular ainda será licitada. Quando aberta, oferecerá almoços ao preço de R$ 1 real cada. Os dois programas são importantes ações que garantem a segurança alimentar para a população mais carente.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: