Projeto de Nelter incluiu ensino de xadrez nas escolas públicas do Estado

Com o objetivo de desenvolver o raciocínio lógico de alunos; estimular o interesse dos discentes para atividades intelectuais; aprimorar suas habilidades de observação, reflexão, análise e síntese; compreender e selecionar problemas pela análise do contexto geral em que se valoriza a tomada de decisões e melhorar o desenvolvimento dos estudantes em todas as áreas de ensino, o deputado estadual Nelter Queiroz (PMDB) protocolou Projeto de Lei (PL) na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte com o intuito de introduzir o Projeto Xadrez na Escola nas escolas públicas do Estado.

De acordo com o Projeto em questão, o ensino do xadrez seria direcionado a alunos do 5° ao 9° ano do ensino fundamental, nas disciplinas de matemática e educação física. Além de introduzir o ensino do xadrez, o PL também possibilita a criação de comissões nas escolas públicas potiguares com o intuito de coordenar, planejar e fiscalizar os trabalhos de implantação do Projeto; realizar torneios e outros eventos relacionados ao xadrez, e propiciar a capacitação contínua dos professores e monitores envolvidos na iniciativa.

“Nos países desenvolvidos o xadrez já faz parte da grade curricular dos alunos. Esta matéria é de extrema importância para o desenvolvimento de nossos jovens, pois ajuda o estudante a aprimorar seu raciocínio lógico, sua tomada de decisões, suas atitudes de liderança e sua interação social; o que acaba facilitando a integração deste jovem no atual contexto de competitividade do mercado de trabalho”, destacou Nelter.

Deixe um comentário