TSE quer que Aécio preste esclarecimentos sobre doação da Andrade Gutierrez

TSE quer que Aécio preste esclarecimentos sobre doação da Andrade Gutierrez

Executivo da empreiteira investigada na Lava-Jato apontou que pode ter doado dinheiro por fora na campanha de 2014

POR ANDRÉ DE SOUZA – O Globo

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinou que o senador Aécio Neves (PSDB-MG) preste esclarecimentos sobre doações feitas pela empresa Andrade Gutierrez à sua campanha presidencial em 2014. O pedido foi feito pelo Partido so Trabalhadores (PT). Segundo o partido, Otávio Azevedo, ex-presidente da empresa, disse em depoimento que a doação oficial registrada no site do TSE foi menor do que o efetivamente repassado para a campanha. Aécio foi o candidato do PSDB a presidente em 2014, mas foi derrotado no segundo turno pela ex-presidente Dilma Rousseff, do PT.

O caso está sendo analisado no processo que trata da prestação de contas da campanha de Aécio. O relator do processo é o ministro Napoleão Maia, mas o despacho determinando que Aécio se manifeste é de autoria do juiz auxiliar Diego Câmara. Os autos foram encaminhados à Assessoria de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias (Asepa) do TSE para que possa dar cumprimento à decisão.

Segundo o despacho, o PT apresentou notícia de irregularidade no depoimento de Otávio Azevedo, “pelo qual aduziu que teria feito um lançamento de doações, no site do TSE, em montante menor do que foi efetivamente doado pela empresa Andrade Gutierrez ao candidato Aécio Neves”.

Em 10 de outubro de 2016, a relatora do caso era a ministra Maria Thereza de Assis Moura, que já deixou o TSE. Ela determinou que a Asepa, com auxílio de órgãos como a Receita Federal e o Tribunal de Contas da União (TCU), checasse algumas informações sobre as empresas que prestaram serviço ou venderam produtos para Aécio. Terminada essa fase, determinou que a campanha se manifestasse.

Agora, o juiz auxiliar do atual relator determinou que a campanha também se posicione sobre o novo pedido do PT. O despacho é da última sexta-feira. Aécio já negou antes que tenha recebido doações ilegais da empreiteira.

Deixe uma resposta