UFRN diploma setenta mulheres com nível técnico em saúde

Setenta mulheres do Rio Grande do Norte, participantes do Programa Mulheres Mil, foram diplomadas na noite dessa quinta-feira, 11, pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), como técnicas em Agente de Combate às Endemias, Higienista de Serviço de Saúde e Recepcionista de Serviço de Saúde.

Os cursos foram ofertados pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC) da Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ), em parceria com a Escola de Saúde da UFRN (ESUFRN). O Programa Mulheres Mil do Ministério da Educação (MEC) profissionaliza mulheres em risco social, para mais acesso ao mercado de trabalho.

Presidida pela reitora da Universidade, Angela Maria Paiva Cruz, no auditório da Reitoria, no campus central, em Natal, a solenidade foi prestigiada por docentes e gestores das três unidades escolares, além dos familiares das formandas dos três cursos. Em nome das colegas, a concluinte Joaquina Elizete Cardoso da Silva, do curso de Agente de Combate às Endemias, falou das mudanças que essa formação traz para a vida de todas elas e recebeu simbolicamente os certificados de todas. Após os relatos de experiências exitosas, a fala de Joaquina convergiu para um único ponto: a gratidão aos professores pelo privilégio de dividir com elas novos saberes.

Em nome da Universidade, a reitora da UFRN destacou o papel social da instituição ao atuar, também, para a reposição de pessoas com menos possibilidades de emprego. Saudaram igualmente os concluintes a Coordenadora Geral do PRONATEC da ESUFRN, Cleide Oliveira Gomes; o Coordenador de Planejamento da Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias e Coordenador Geral do PRONATEC da Escola Agrícola de Jundiaí, João Inácio da Silva Filho; o Diretor de Articulação e Execução de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação (MEC), Geraldo Andrade de Oliveira, e a Coordenadora Geral de Articulação e Execução de Programas do mesmo ministério, Francismara Alves de Oliveira Lima.

Histórico

No Rio Grande do Norte, 49 mil e 880 alunos de 134 municípios já passaram por algum dos 92 cursos técnicos ofertados pelo PRONATEC da EAJ do Campus Macaíba, da UFRN. Isso representa 80,2% dos municípios do Estado com cobertura de formação técnica da UFRN. O PRONATEC foi instituído pela Lei n.º 12.513, de 26 de outubro de 2011, para ampliar a oferta de programas de educação profissional e tecnológica, e atender prioritariamente estudantes do ensino médio da rede pública, inclusive da educação de jovens e adultos (EJA), trabalhadores e beneficiários dos programas federais de transferência de renda.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: