Mãe do vereador João Paulo que está contra os servidores, é a presidente do Sindicato em Assú

De Assu, chega a informação que Eurian Nobrega Leite, que anunciou nas redes sociais que vai acionar a justiça através do sindicato para obrigar o prefeito Gustavo Soares. aumentar o salário dos servidores Municipais, não é o presidente do do Sindicato dos Servidores Municipais (Sindsep), em Assú.

Ele é o coordenador financeiro da entidade e a presidente do Sindsep, é Joana Fernandes, mãe do vereador João Paulo, do Solidariedade, que recebeu ordens expressas do prefeito Gustavo Soares, para incentivar os colegas e abafar o caso durante as sessões plenárias da Câmara Municipal do Assú.

Tribunal de Justiça paga R$ 40 milhões a juízes do RN

O custo do pagamento retroativo do auxílio-moradia aos magistrados do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte alcançou R$ 39, 5 milhões. A decisão da Corte estadual que autorizou o desembolso em benefício de seus juízes foi suspensa pelo corregedor nacional de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, na última quinta-feira, mas o dinheiro já havia sido liberado.

A decisão do Pleno do Tribunal potiguar foi tomada no dia 27 de setembro e publicada no Diário de Justiça Eletrônico em 4 de outubro. Dados obtidos no Portal da Transparência da Corte apontam que a movimentação começou a ser realizada antes da divulgação.

Os pagamentos foram divididos em quatro documentos: dois relativos a juízes do primeiro grau nos valores de R$ 25,1 milhões e R$ 9,6 milhões, e os demais em referência a magistrados do segundo grau, nos valores de R$ 1,5 milhão e R$ 3,2 milhões. As informações são do jornal O Tempo, de Minas Gerais.

Leia maisTribunal de Justiça paga R$ 40 milhões a juízes do RN

Alta cúpula da AGU recebe vencimentos acima do teto

d

A ministra da Advocacia Geral da União (AGU), Grace Mendonça, e outros 36 integrantes da cúpula da pasta receberam, no mês passado, vencimentos acima do teto constitucional de R$ 33,7 mil, valor fixado pelo salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). O estouro se deve aos chamados honorários de sucumbência, benefício que passou a engordar as remunerações dos advogados públicos a partir deste ano e não está sujeito ao limite.

Somente em 2017, já chegam a R$ 400 milhões os recursos repassados aos servidores da AGU. Antes, esse montante ficava nos cofres públicos. A AGU não considera que o benefício possa ser considerado salário. O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) tem resolução que autoriza magistrados a também receberem benefícios que elevem seus vencimentos a valores acima do teto.

A remuneração bruta de Grace Mendonça na folha do mês de agosto, paga em setembro, foi de R$ 43.503. Aplicou-se um desconto a título de “abate-teto” no valor de R$ 9.740. A ministra, no entanto, recebeu R$ 5.898,60 a título de honorários sem que esses valores tenham sofrido desconto por extrapolar o valor pago aos ministros do STF.

Além de Grace, outros dez servidores que ocupam cargos de destaque no órgão já recebem como salário bruto os R$ 33,7 mil e têm como adicional os valores pagos a título de honorários, no mesmo valor do recebido pela ministra. Os demais 26 servidores que ocupam os principais cargos da pasta têm vencimentos entre R$ 30 mil e R$ 32 mil, extrapolando o teto em menor escala.

Leia maisAlta cúpula da AGU recebe vencimentos acima do teto

Fábrica de peças de caça brasileiro fica na promessa

Divulgação/Saab/Folhapress

Quatro anos após ser anunciada, ainda não saiu da promessa a construção de uma fábrica de peças de fuselagem para o novo caça brasileiro em São Paulo.

A Prefeitura de São Bernardo do Campo, cidade que havia sido anunciada pela fabricante Saab como destino de uma fábrica de peças da versão brasileira do Gripen NG, ameaça ir ao Ministério Público Federal para saber se a intenção é para valer ou não.

“O anúncio da unidade foi público, de conhecimento da FAB e do Ministério da Defesa. Se isso não se consolidar, serei obrigado a levar a questão ao Ministério Público”, afirma o prefeito da cidade, Orlando Morando (PSDB).

A versão de dois lugares do avião será projetada em conjunto com a brasileira Embraer, e a fábrica de peças de fuselagem é parte central do projeto –o caça tem uma configuração diferente em relação ao modelo monoposto. As informações são de IGOR GIELOW, Folha de São Paulo.

Leia maisFábrica de peças de caça brasileiro fica na promessa

Alvo de inquérito sobre Temer atua sem contrato em porto

O presidente Michel Temer, que entregou a defesa nesta quarta

Pivô da mais recente investigação aberta sobre o presidente Michel Temer, o grupo Rodrimar ocupa uma área no porto de Santos “sem respaldo” de contrato com o poder público, segundo o governo federal, e tem autorização apenas de liminares para atuar em outros dois terminais.

Os contratos do grupo em três setores do porto expiraram em 2013 e 2014, o que obrigou a empresa a buscar medidas judiciais para continuar operando. O plano do governo federal, ainda na gestão Dilma Rousseff, era licitar e fazer novos contratos nas áreas ocupadas pela companhia no litoral paulista.

Documento de consultoria jurídica do governo Temer, anexado aos autos do inquérito, diz que o terminal operado pela empresa Pérola, da qual a Rodrimar é sócia com parceiros dinamarqueses e canandenses, não tem mais contrato vigente. “Pode-se supor que a empresa está explorando a área irregularmente”, diz o texto.

O contrato original tinha sido firmado em 1999 e expirou em 2014. A empresa então pediu a extensão do acordo como compensação por ter tido suas operações prejudicadas devido a um vendaval ocorrido em 2009. As informações são de FELIPE BÄCHTOLD, Folha de São Paulo.

Leia maisAlvo de inquérito sobre Temer atua sem contrato em porto

Na Festa do Boi, Robinson diz que já investiu mais de R$ 150 milhões no setor agropecuário

Mesmo em meio a uma estiagem que perdura sete anos e diante de uma crise econômica no país, a agropecuária potiguar vem apresentando resultados de excelência e avanços positivos. Como prometido em reunião anterior com representantes do setor, o governador Robinson Faria esteve na 55ª edição da Festa do Boi, neste domingo (8), e apresentou um balanço das ações no setor agropecuário.

“Temos muito a prestar contas. São mais de R$ 150 milhões investidos no setor nos últimos anos”, destacou Robinson. O chefe do Executivo estadual ressaltou que o RN vem batendo anualmente o recorde nas exportações de frutas. Em 2016, por exemplo, o estado registrou o valor de U$S 135 milhões em volume de frutas exportadas. “Os fruticultores estão migrando de outros estados para o RN por encontrar um ambiente favorável e com segurança jurídica para produção”, disse Robinson. Ele recordou que mais de cinco municípios potiguares foram reconhecidos como livres de Moscas das Frutas, ampliando a área para produção e exportação.

Além disso, o RN está apto a exportar frutas para novas fronteiras como Argentina, Chile, EUA e China, com negociações em curso. A comercialização local também ganhou investimento com a abertura da Central da Agricultura Familiar, beneficiando diretamente 1.200 agricultores.

Leia maisNa Festa do Boi, Robinson diz que já investiu mais de R$ 150 milhões no setor agropecuário

%d blogueiros gostam disto: