Justiça condena ex-prefeito de Paraná por uso de bem público para serviço particular

A juíza Maria das Graças de Araújo Limão, da Comarca de Luís Gomes, condenou o ex-prefeito do Município de Paraná, Geraldo Alexandre Maia, pela prática de Improbidade Administrativa por ter, em setembro de 2008, na condição de gestor público e candidato à reeleição, utilizado trator pertencente ao poder público em favor da realização de um serviço particular.

Com isso, ele foi condenado a pena de suspensão dos seus direitos políticos pelo prazo de oito anos, bem como está proibido de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de dez anos.

Leia maisJustiça condena ex-prefeito de Paraná por uso de bem público para serviço particular

Deputado Galeno do PSD recebe doação de R$ 200 mil de Fábio Faria

Resultado de imagem para galeno e fabio faria

O deputado estadual Galeno Torquarto, demorou para entrar na lista de doações do PSD, mas valeu apenas esperar. Ele recebeu uma bolada do deputado federal Fábio Faria no valor de R$ 200 mil para para gastar na sua campanha a reeleição.

No total, o deputado estadual Galeno Torquarto, tem até agora um total de R$257.799,58. Fábio Faria, filho do governador sozinho doou 200 mil para Galeno e o deputado do PSD fez a sua própria doação no valor de R$  57.799,58 segundo dados da Justiça Eleitoral.

A candidata a deputada estadual pelo PSD  Ederlinda Dias, ex-secretária adjunta de Saúde do RN e ex-secretária municipal de Saúde de Macaíba,  foi a primeira a receber 200 mil do PSD.

Os deputados do PSD Vivaldo Costa e Jacó Jácome, não receberam um centavo de doação da cúpula do PSD, a exemplo dos candidatos a deputado estadual pelo PSD Ivan Júnior e Gustavo Costa.

Servidores do Detran entram em greve

Sede do Detran RN em Natal — Foto: Detran/Divulgação

Os servidores do Detran/RN entraram em greve nas primeiras horas desta quarta-feira (12), de acordo com o Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta (Sinai). De acordo com o sindicato, todos os serviços do Departamento de Trânsito estão sendo afetados pela paralisação. A direção do órgão recomenda a utilização do atendimento ao público na unidade do Natal Shopping.

“Mais de 90% dos trabalhadores aderiram ao movimento, apenas os que têm relação com a direção que não o fizeram”, afirmou o diretor de Formação Política do Sinai e funcionário do Detran, Alexandre Guedes.

A categoria exige que o governo cumpra integralmente a lei do PCCR (Plano de Cargos, Carreira e Remuneração), bem como faça as devidas incorporações salariais, implante as promoções que deve e cumpra os processos já vencidos relativos aos aposentados do Órgão.

Leia maisServidores do Detran entram em greve

A ‘Paixão’ de Lula

Editorial – O Estado de S.Paulo

Ganha cada vez mais contornos místicos a narrativa do PT sobre os dissabores político-penais de Lula da Silva. É verdade que o próprio ex-presidente, em mais de uma ocasião, comparou-se a divindades, mas agora, oficialmente impedido de concorrer à Presidência, o demiurgo faz o que pode para encarnar a figura de um “messias”.

Na carta em que anunciou a candidatura de Fernando Haddad à Presidência, escrita em seu escritório eleitoral em Curitiba e lida por seus fiéis como se fosse a palavra divina revelada, Lula, depois de reafirmar pela enésima vez que se considera vítima de um julgamento político, declarou que “um dia a verdadeira justiça será feita e será reconhecida minha inocência” – e então, como se fosse um versículo sobre a “Paixão” de Lula ressuscitado, emendou: “E nesse dia eu estarei junto com o Haddad para fazer o governo do povo e da esperança. Nós estaremos lá, juntos, para fazer o Brasil feliz de novo”.

O tom manifestamente religioso da mensagem mal disfarça o verdadeiro sentido dessa pregação lulopetista: anunciar que, se Haddad for eleito, Lula espera ser beneficiado com a liberdade e, ato contínuo, tornar-se o presidente de fato, enquanto o ex-prefeito de São Paulo estará lá apenas para fazer figuração.

Uma campanha eleitoral feita nesses termos não tem como ser encarada com seriedade. É absolutamente inútil discutir as ideias do candidato do PT à Presidência, porque se trata somente de um regra-três – mencionado apenas a partir do 12.º parágrafo da tal carta de Lula que, em tese, deveria servir para apresentar Haddad aos eleitores.

Leia maisA ‘Paixão’ de Lula

Robinson Faria é recebido com festa durante a Caravana da Verdade em Jardim do Seridó

A Caravana da Verdade, do candidato da Coligação Trabalho e Superação, Robinson Faria (PSD) esteve, nesta quarta-feira (12), na região Seridó, começando com uma grande carreata pelos municípios de Equador, Santana do Seridó, Parelhas e Jardim do Seridó, onde a mobilização foi encerrada com um comício com a presença de várias lideranças políticas, como o deputado federal Fábio Faria e o ex-governador e candidato ao Senado Federal, Geraldo Melo (PSDB).

Em seu discurso, Robinson enalteceu a parceria com o prefeito de Jardim do Seridó, José Amazan Silva, destacando várias ações que beneficiaram a população, como: a construção do Centro Cultural de Múltiplo Uso; projetos de acesso à água para as comunidades rurais; calçamento de ruas; construção da adutora emergencial; programa do Microcrédito, resultando em mais de 300 financiamentos; e a reabertura do Mercado Municipal, que estava fechado há sete anos.  “A ordem do povo é para ser cumprida e assim foi feito. Junto com Amazan, os projetos foram direcionados às necessidades populares”, observou Robinson.

STF considera ensino domiciliar ilegal no Brasil

Resultado de imagem para STF considera ensino domiciliar ilegal no Brasil

Por maioria, o Supremo Tribunal Federal (STF) não autorizou a possibilidade de haver homeschooling no Brasil, ou seja, que alunos possam ser educados em casa, sem a necessidade de frequentar a escola.

Esse julgamento, finalizado nesta quarta-feira, 12, foi marcado por três correntes de entendimento sobre o tema, mas a maioria considerou que o ensino domiciliar precisaria ser regulamentado pelo Congresso Nacional, e não pela Suprema Corte. Como o caso julgado tem repercussão geral, a decisão terá de ser seguida por todos os juízes do País.

O julgamento teve uma única posição favorável à prática, a do relator Luís Roberto Barroso; houve um grupo pela corrente que considera o ensino domiciliar inconstitucional; e uma ala de ministros que entendeu que o parlamento seria o local adequado para discutir a prática – posição vencedora.

O primeiro voto sobre o tema foi o do relator, Barroso, proferido na semana passada. Em sua análise, o ministro estabelecia parâmetros para a possibilidade de pais educarem seus filhos em casa, como a notificação das Secretarias Municipais de Educação, submissão das crianças a avaliações periódicas e a determinação de matrícula oficial, caso não houvesse melhoria no rendimento do aluno. Amanda Pupo, Rafael Moraes Moura e Teo Cury, O Estado de S.Paulo

Leia maisSTF considera ensino domiciliar ilegal no Brasil

Cuba deve US$ 20 milhões ao BNDES

O governo de Cuba deixou de pagar US$ 20 milhões (R$ 83 milhões) ao BNDES nos últimos três meses e corre o risco de ser levado a calote.

Pagamentos ao Banco do Brasil, no programa de apoio à exportação de alimentos, também estão falhando, e a conta em aberto já soma € 30 milhões (R$ 143,87 milhões).

No caso do BNDES, a maior parte da dívida se refere ao financiamento da obra do Porto de Mariel, conduzida pela Odebrecht durante os governos Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff.

O Brasil, por meio do banco estatal, emprestou US$ 682 milhões (R$ 2,230 bilhões) para a construtora ampliar e modernizar o porto, em um financiamento até 2034.

Com isso, esperava-se impulsionar a presença de empresas brasileiras em Cuba no momento em que o país começava a abrir a economia.

O empreendimento se tornou um dos emblemas da política externa de Lula, que apostou na aproximação com países latino-americanos, africanos e com os Brics em um alinhamento que na época se chamou Sul-Sul.  Mariana Carneiro e Laís Alegretti – Folha de São Paulo

Leia maisCuba deve US$ 20 milhões ao BNDES

Bolsonaro passa por cirurgia de emergência em hospital

Resultado de imagem para Bolsonaro passa por cirurgia de emergência em hospital

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) foi submetido a uma cirurgia de emergência na noite desta quarta-feira (12) no hospital Albert Einstein, em São Paulo. O procedimento durou pouco mais de uma hora e o candidato passa bem.

A informação da cirurgia de emergência foi confirmada à Folha inicialmente pelo presidente da UDR (União Democrática Ruralista), Nabhan Garcia, que é amigo e apoiador de Bolsonaro.

De acordo com o hospital Albert Einstein, Bolsonaro teve náuseas e foi submetido a uma tomografia. O resultado levou a equipe médica a submetê-lo a uma nova cirurgia, que durou cerca de uma hora, conduzida pelo médico Antônio Macedo.

Foram retiradas aderências que obstruíram o intestino delgado, e corrigida uma fístula surgida em uma das suturas feitas na operação inicial após o atentado em Juiz de Fora, na quinta (6).

Os médicos decidiram pela operação quando ficou claro que o quadro evoluiu para ou uma obstrução completa do intestino delgado ou para o risco de necrose de partes do órgão. São decorrências comuns em casos assim, e graves.

Leia maisBolsonaro passa por cirurgia de emergência em hospital

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: