Servidores do hospital regional estudam protestar contra nomeação de Liduina

Enquanto os servidores municipais estão festejando a saída da atual diretora do Pronto Socorro Municipal Liduina Melo, os servidores do hospital regional Dr. Nelson Inácio em Assu, estudam encaminhar a governadora Fátima Bezerra, um abaixo assinado para protestar e repudiar a nomeação dela para tomar conta da unidade de saúde estadual.

Enfermeiros e médicos do hospital regional não aprovam os métodos autoritários e arrogantes de Liduina Melo, apadrinhada política do líder do governo do PT e deputado estadual do PR George Soares. eles estudam solicitar um médico ou alguém com capacidade técnica de gerenciar a unidade ou o diretor administrativo Andrierio Lopes Pereira Sobrinho, um profissional competente e com comprovasa experiência administrativa,já tendo exercido o cargo como diretor do hospital de Jucurutu.

Na avaliação de servidores do hospital regional, a nova diretora Liduina Melo, tem apenas proteção política assim como foi na direção do PSM, que pegava carona nas ações do hospital regional para se promover como boa gestora da unidade municipal. Se tivesse competência mesmo, Liduina teria sido antes a secretária municipal de saúde da Prefeitura do Assú e que o prefeito Gustavo Soares se recusou nomeá-la a pedido de Nuilson, o Pavão.

Marido de Inês do PT do Assú pode ganhar secretaria de presente

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo
Vai começar o jogo do toma lá da cá entre Soares e petistas em Assú

Com a desistência dos petistas assuenses famosos nomeados para cargos comissionados importantes no governo do RN, de medir força política com o líder da governadora Fátima Bezerra na Assembléia e deputado do PR George Soares – para indicar nomes de companheiros do PT para a direção do hospital regional DR Nelson Inácio em Assú, o partido vai ganhar em troca uma secretaria municipal no governo do prefeito Gustavo Soares.

O empresário Paulo Morais, marido da sindicalista da diretoria do Sinte/Assí e assessora pessoal da governadora, Inês Almeida, deverá ocupar o comando da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, a mesma que ja foi secretário na gestão do ex-prefeito Ivan Júnior, quase durante oito anos, mas outro petista insatisfeito da cúpula do partido na cidade pode ser nomeado como presente e gentileza do deputado do PR.

O contrato do lixo com a empresa do cunhado do presidente do diretório do PT em Assú Volclene Bezerra com a prefeitura também foi garantido pelo deputado George Soares, o que representa uma mina de ouro para a empresa ANCHIETA & FONSECA que já embolsou mais de R$ 15 milhões em dois anos do mandato do prefeito Gustavo Soares.

O MDB do Assu deve ficar chupando o dedo, enquanto o PT vai mamar com força no governo municipal.

Apesar da crise, STF eleva gastos aéreos de ministros

SUPREMO

Em tempos de ajuste fiscal e corte de gastos, o Supremo Tribunal Federal (STF) elevou em 24,4% as despesas com passagens aéreas de ministros, considerando a emissão de bilhetes nos últimos dois anos, segundo levantamento feito pelo Estado.

Além das passagens dos ministros do tribunal, a Corte também custeia bilhetes de auxiliares, juízes e até mesmo de colaboradores eventuais. As despesas do STF com passagens aéreas do universo total de beneficiados cresceram 49% no mesmo período, chegando a R$ 1,2 milhão.

O custo com as viagens (nacionais e internacionais) dos magistrados saltou de R$ 272.979,18 para R$ 339.637,24 comparando os dados de 2018 (de janeiro a novembro) com os números do mesmo período do ano anterior. Teo Cury e Rafael Moraes Moura, O Estado de S.Paulo

Leia maisApesar da crise, STF eleva gastos aéreos de ministros

Ameaçada de cassação, Zenaide vai para o PT da governadora

Resultado de imagem para zenaide e fatima

A senadora eleita e diplomada Zenaide Maia Calado Pereira dos Santos (PHS), mulher do ex-prefeito Jaime Calado (PMB), de São Gonçalo do Amarante, e atual secretário Estadual de Desenvolvimento Econômico, pode ter o mandato cassado pela Justiça a pedido do Ministério Público Eleitoral e do PSDB do RN.

O Tribunal Regional Eleitoral, por unanimidade, reprovou as contas de Zenaide Maia Calado, no último dia 21. A Justiça encontrou várias irregularidades, entre elas, um depósito em cheque feito pelo marido da então candidata e secretário estadual da governadora Fátima Bezerra.

A deputada Zenaide Maia Calada foi eleita pelo PR, em 2014, mas rompeu com os republicanos e ingressou no inexpressivo PHS, legenda que acolheu sua candidatura ao Senado, em 2018. Como não atingiu as cláusulas de barreiras, Zenaide deve ir para o PT, partido da governadora Fátima Bezerra, segundo o jornalista Alexandre Cavalcanti, do Blog Pinga Fogo.

Bolsonaro ficará afastado do cargo até 48 horas após cirurgia

Os primeiros passos do governo Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro encaminhou uma mensagem à Câmara e ao Senado avisando as duas Casas Legislativas de que estará impedido de exercer a Presidência da República nos primeiros dias da próxima semana.

O texto foi publicado em edição extra do DOU (Diário Oficial da União) desta sexta-feira (25).

“Comunica a Câmara dos Deputados/Senado Federal, que se submeterá a cirurgia, sob efeito de anestesia geral, no dia 28 de janeiro de 2019, o que, conforme atestado médico, impedirá de exercer a Presidência da República pelo período de quarenta e oito horas”, diz a mensagem.

Bolsonaro será internado no hospital Albert Einstein no domingo (27) para a realização de exames pré-operatórios. A previsão é de que ele seja submetido a um procedimento cirúrgico às 6h de segunda (28) para a retirada de uma bolsa de colostomia. Talita Fernandes – Folha de São Paulo

Leia maisBolsonaro ficará afastado do cargo até 48 horas após cirurgia

Governo do RN deve mais de R$ 700 milhões em precatórios

No Rio Grande do Norte, 75% da dívida total de precatórios é do Estado. O valor totaliza R$ 736,2 milhões. Isto porque o valor anterior, até o final de 2018, de R$ 541,3 milhões, recebeu o acréscimo em 2019, de mais R$ 195 milhões em dívidas referentes ao exercício do ano em curso.

O valor médio da dívida de precatórios por processo – que pode ter mais de um credor – é de R$ 167,8 mil. São 4.387 processos e seus credores que aguardam que o Estado salde seus débitos. E o Tribunal de Justiça só pode pagar se o Poder Executivo repassar o dinheiro correspondente.

O Município de Natal responde por 15% do montante e demais municípios e autarquias ficam com 10% da dívida total.

Ex-prefeitos de Baraúna são denunciados por fraude na Justiça

Resultado de imagem para ex-prefeito Antônia Luciana da Costa Oliveira

O  Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) ajuizou ação de responsabilização contra dois ex-prefeitos de Baraúna, dois ex-servidores e duas empresas por atos de improbidade administrativa, na qual pede que a Justiça condene o grupo ao pagamento solidário de R$ 237.041,04 – montante referente à lesão causada ao Município. O MPRN também está oferecendo denúncia contra seis pessoas à Justiça. 

Foram denunciados os ex-prefeitos Isoares Martins de Oliveira e Antônia Luciana da Costa Oliveira; a ex-presidente de Comissão Permanente de Licitação do Município, Josete Araújo Fernandes de Queiroz; e as empresas Poly Construções e Empreendimentos Ltda (Edgard Cesar Burlamaqui) e a Produtor Agrícola e Locação de Máquinas Eireli Me-Prolocar (Yasmim Fernandes Barbosa e Francisco Marcelo Franco Barboza). Na ação de responsabilização, também foi incluído o ex-Secretário Municipal de Infraestrutura, Rosan Soares da Costa. 

Em maio de 2015, a Promotoria de Baraúna instaurou um inquérito civil para apurar possíveis irregularidades em um processo licitatório cujo objeto era a contratação de empresa especializada em engenharia para manutenção e restauração das edificações da rede de saúde pública – deflagrado em 2013. A empresa vencedora foi a Poly Construções e Empreendimentos Ltda, porém, ela sublocou de forma irregular os serviços à Prolocar. 

Isso quer dizer que a Promotoria de Justiça encontrou indícios de que, de 22 de abril a 22 de maio de 2013, Isoares Martins de Oliveira e Josete Araújo Fernandes de Queiroz, frustraram e fraudaram, mediante combinação, o caráter competitivo do procedimento licitatório, com o intuito de obter para outrem, vantagem decorrente da concessão do objeto da licitação. 

Leia maisEx-prefeitos de Baraúna são denunciados por fraude na Justiça

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: