Governo do PT libera R$ 4,4 milhões para Nuilson, o Pavão no Diba

Presidente do Diba e supér secretário Nuilson Medeiros, na reunião com petista
futuro secretário de Gestão de Projetos, Fernando Mineiro

O presidente do Diba, Nuilson Medeiros, atual super secretário da Prefeitura do Assú e apontado como candidato a prefeito nas eleições de 2020, vai gerenciar
R$ 4,4 milhões liberados pelo Governo do RN, para equipar os lotes de terras com sistemas de irrigação automatizados, sistema de filtragem e bombeamento de água, novas tubulações, tratores, veículos e novas tecnologias para produzir.

Homem forte da patota de Ronaldo Soares, pai do prefeito do Assu Gustavo Soares e o líder do governo do PT, deputado George Soares, o presidente do Diba Nuilson Medeiros, é réu na Justiça por diversas acusações de corrupção e outros crimes como afilhado da oligarquia Soares, assim como por credores que foram lesados pela empresa Profértil que gerenciou e faliu em Assú.

George Soares defende governo do PT para manter emprego do sogro na Ceasa

O líder do Governo Fátima Bezerra, do PT e deputado do PR, George Soares, trabalha para manter o cabide de empregos do seu sogro na Ceasa e de afilhados para fazer sua politicagem como chefe do hospital regional do Assu, defende que a “Assembleia precisa ser parceira, os 24 deputados precisam pactuar com o Governo e tomar medidas com celeridade para o Rio Grande do Norte sair do caos”.

Em reunião nesta quarta-feira, 30, a governadora Fátima Bezerra, acompanhada da equipe econômica e jurídica do Governo do Estado informou aos deputados estaduais os motivos e a necessidade de aprovação das medidas integrantes do Plano de Recuperação Fiscal. Fátima Bezerra ressaltou o ‘espírito público’ e os compromissos que os deputados devem ter com o Rio Grande do Norte, com os servidores, com os empresários e com a população em geral.

“Nós do Governo, e a população do Estado, contamos com o apoio e o entendimento pela aprovação das medidas para estabelecermos o equilíbrio fiscal e financeiro”, afirmou Fátima Bezerra aos 21 deputados presentes.

Lula autorizado pelo STF não irá a SP para ver família após enterro

Enterro de Genival Inácio da Silva,conhecido como Vavá, irmão de ex-presidente Lula
Enterro de Genival Inácio da Silva,conhecido como Vavá, irmão de ex-presidente Lula – Marlene Bergamo/Folhapress

Após a morte de seu irmão mais velho, Genival Inácio da Silva, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva desistiu de viajar a São Paulo para encontrar seus familiares e deverá conversar pessoalmente com eles somente nesta quinta-feira, em Curitiba, durante visita de rotina na carceragem da Polícia Federal, onde está preso desde abril passado.

Lula somente foi autorizado a participar do velório do irmão, morto nesta terça-feira (29), momento antes de acontecer o enterro, em São Bernardo do Campo.

A decisão favorável ao petista, assinada pelo presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Dias Toffoli, ocorreu por volta das 12h40, cerca de 20 minutos antes do enterro e após uma sequência de decisões judiciais contrárias ao pedido dos advogados de Lula. 

Pela decisão de Toffoli, Lula não teria podido ir ao cemitério nem ter acesso ao público que estava no enterro. Ele poderia se encontrar somente com familiares em uma unidade da polícia próxima do local do sepultamento e sem direito a filmagens ou declarações públicas. Folha de São Paulo

Justiça pode cassar prefeito, mas PT do Assú faz acordo suicida

Resultado de imagem para gustavo soares e sandra
Prefeito Gustavo e a vice Sandra podem ter seus mandatos cassados a qualquer momento pela Justiça Eleitoral

Por puro oportunismo político, ganancia e ambição imediata por mais poder para aumentar renda de familiares, o PT do Assú que não tinha um ASG até no governo do prefeito Gustavo Soares, orientado pela sindicalista do SINTE RN em Assu Inês Almeida, que exerce cargo de assessora especial da governadora Fátima Bezerra (PT), vai acabar aceitando um acordo político suicida, por uma ou duas secretarias na Prefeitura do Assú, com o líder do governo petista e deputado do PR George Soares.

Sem nunca ter comido uma bolacha seca e dura na gestão desastrosa do prefeito Gustavo Soares, o PT do Assu, concordou com o veto de George Soares, a advogada Liana Fonseca, irmã do petroleiro petista João Nogueira para a direção do hospital regional, em troca de um emprego para o marido da professora Inês Almeida, que cansou da vida de não ter uma boquinha que o partido recebeu no governo do ex-prefeito Ivan Júnior.

Comenta-se nos bastidores que o prefeito Gustavo Soares e a sua vice-prefeita Sandra Alves (MDB), poderá ter seus mandatos cassados a qualquer momento pela Justiça Eleitoral, por causa do recebimento de doação ilegal e proibido pelo STF na campanha de 2016. As contas dos dois já foram reprovadas pela juíza
Aline Daniele Belém Cordeiro Lucas, da Justiça em Assu e o Ministério Público pediu a anulação do diploma e a inelegibilidade da dupla por oito anos, ao atual juiz eleitoral Marivaldo Dantas.

Governo de Gustavo Soares em Assú está igual a cantiga da Perua

A administração a distancia do prefeito do Assú Gustavo Soares, que mora em Natal e construiu uma clínica luxuosa de ortopedia em Mossoró, irmão do líder do governo do PT na Assembléia e deputado do PR, George Soares, está ficando cada dia de pior a pior igual a cantiga da Perua.

Governo do PT quer reabertura de postos fiscais do governo Aluízio Alves

Carlos Eduardo Xavier, secretário de Tributação do Rio Grande do Norte — Foto: Igor Jácome/G1

Para combater a ‘sonegação de empresário do RN’, a governadora Fátima Bezerra, do PT, está apostando no seu líder na Assembléia e deputado do PR, George Soares, apoio político para reabrir os postos fiscais que foram criado no governo do ex-ministro Aluízio Alves, na década de 60 e que serviam até para perseguir comerciantes e empresários adversários políticos, segundo acusações e depoimentos da época.

O Governo do PT vai reabrir dois postos fixos de fiscalização – um na BR-101, próximo à Paraíba e outro na BR-304, perto da divisa com o Ceará que foram fechados em 2012, durante um momento de modernização da fiscalização, que se tornou eletrônica. Porém o secretário considera que hoje “a inadimplência cresceu muito e a gente faz uma avaliação que foi uma escolha equivocada.”

Os postos físicos, segundo o secretário, facilitam o combate ao transporte de mercadorias não declaradas, além do uso de empresas laranjas. “São empresas criadas, mas que não existem de fato, e você emite uma nota fiscal no nome delas, quando na prática aquela mercadoria vai para outro estabelecimento. A mercadoria dá entrada sem nota naquele estabelecimento”, explica.

Vazamento provoca suspensão de abastecimento de água em Assu

Por falta de manutenção, um vazamento de grandes proporções na adutora Jerônimo Rosado afetou o abastecimento de água da cidade de Assu, nesta terça-feira (29).

A Companhia de Águas e Esgotos do RN (Caern), começou o conserto, com previsão de término às 18h. A distribuição de água no município de Assu deverá ser normalizada em até 48 horas após o término do serviço.

Mistério grosso ronda Câmara de Vereadores do Assú

Resultado de imagem para Cãmara de vereadores Assu

A Câmara de Vereadores do Assú, começa a ficar envolta em denso mistério na gestão do novo presidente Francisco de Assis Souto, o Tê, do Solidariedade, que comandará o destino do legislativo assuense, durante o biênio 2019/2020.

O jogo é alto. Eles escondem um segredo a sete chaves. Os vereadores governista e da oposição, preferem o silêncio e evitam conversar sobre o tema que abalou os alicerces de aparente lisura moral de um dos 15 imaculados do Poder Legislativo Municipal.

nNa política, é muita hipocrisia nesse vai e vem para se manter ou permanecer no poder e explicar situações extremamente embaraçosas. Muita mentira em notas e afirmações, são ditas sem o menor escrúpulo moral cristão para não cumprir promessas a sociedade, a comunidade religiosa, a família e a população em geral.

Desistir não certo, é preciso continuar mentindo de cara lavada.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: