Gustavo Soares adota novo estilo e inicia implantação do nazismo em Assú

O famoso corte de cabelo teve seu pico durante o Holocausto, liderado pelo mundialmente famoso Adolf Hitler durante a Segunda Guerra Mundial. Naquela época, usar a linha fina do couro cabeludo era sinônimo de lealdade ao líder em questão, o Führer.

O prefeito turista Gustavo Soares depois de receber ordens expressas do seu pai, o hitlerista Ronaldo Soares, para intimidar através de nota de repúdio o popular que fez uma reclamação sobre a situação do pronto socorro municipal e também a população assuense, vem se reunindo com sua equipe técnica para implantar de vez em Assú a ideologia nazista, pois, o hitlerista Ronaldo Soares já disse a seus filhos, que não há mais tempo a perder.

Essa implantação está tão séria e evoluindo cada vez mais rápido, que até o corte de cabelo nazista já foi adotado pelo prefeito Gustavo Soares. E segundo se comenta nos bastidores, também já está acontecendo na sua equipe técnica à designação de cada um do seu secretariado com os personagens reais da história nazista.

E um deles seria Samuel Fonseca, chamado Samuel Rico, homem de confiança de Ronaldo Soares, que como na história nazista se assemelha a Joachim Von Ribbentrop, homem de confiança e amigo de Hitler, que obrigava as pessoas a adotar medidas repressivas contra os judeus e pobres, e para que fosse aceito por eles a implantação de políticas de apoio nazista, sob pena de diversas torturas.

Embalado nesse espírito, segundo informações de populares, o Secretário Samuel Fonseca vem querendo cumprir as determinações e já passou a adotar medidas repressivas contra os pobres, agindo com truculência contra uma pobre feirante, que se instalou as margens da Avenida Sen. João Câmara, para vender suas frutas, querendo expulsa-la, sob o argumento de que estava atrapalhando o acesso de pedestre, quando na verdade, o referido terreno que a pobre feirante estaria é um terreno que pertence a um primo de Ronaldo e compadre dele.

O nazismo foi um dos grandes males que aconteceu na terra, e não pode ser tolerado que em pleno século XXI, depois do reconhecimento do principio da dignidade da pessoa humana, se possa conceber que exista pessoas que apoiem ou simpatizem com essa ideologia, muito menos que queiram implanta-lo em qualquer município do brasil, como induz a crer que é o que está fazendo o ex prefeito Ronaldo Soares, e seus filhos, George e Gustavo, na querida terra dos poetas.

Ezequiel Ferreira busca reforma e reabertura do Hospital de Canguaretama

A interdição do Hospital Regional de Canguaretama, pela Subcoordenadoria da Vigilância Sanitária da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), deixou a população da região Agreste ainda mais preocupada com a deficiência do suporte médico hospitalar dos municípios. Diante do problema, o deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, entrou em contato com a governadora Fátima Bezerra (PT) para buscar a reforma e a reabertura da unidade.

“A questão da saúde pública é uma preocupação constante para toda a população potiguar, e interromper o funcionamento de uma unidade hospitalar é preocupante. O Hospital de Canguaretama é fundamental para toda a região do Agreste. Estamos em busca da reforma necessária para o local e a sua reabertura o quanto antes”, disse Ezequiel Ferreira.

Na manhã desta segunda-feira (29) houve uma reunião da equipe da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) sobre o tema. Segundo a Sesap o Hospital foi interditado por não atender as normas sanitárias. O órgão identificou que o local está com estrutura física muito precária, déficit de equipamentos e insuficiência de pessoal.

Leia maisEzequiel Ferreira busca reforma e reabertura do Hospital de Canguaretama

MPRN firma acordo com Estado para retomada de projeto visando recuperação da RN 288

O Ministério Público do Rio Grande do Norte, por intermédio da Promotoria de Justiça de Jardim de Piranhas, do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Defesa da Cidadania (Caop Cidadania) e do Núcleo Permanente de Incentivo à Autocomposição (Nupa), firmou Termo de Acordo Interinstitucional com o Governo do Estado, através do Departamento Estadual de Estradas e Rodagens (DER/RN), para retomada de contrato com empresa que elabora projeto executivo de recuperação da RN 288.

A rodovia estadual precisa de recuperação a partir do encontro com a BR 427, passando pela área urbana no município de Jardim de Piranhas até a divisa com a Paraíba, o que foi objeto de ação ajuizada pelo Ministério Público, com sentença favorável deferida e acordo homologado em juízo em meados do ano passado.

Devido a um impasse entre a empresa licitada e contratada para o serviço, a RW Engenheiros Consultores, e o Estado, com atraso na entrega do projeto executivo e atraso no pagamento, o MPRN buscou articular novamente o diálogo para uma solução consensual.

O Termo de Acordo Interinstitucional foi assinado na última segunda-feira (22) em sessão de negociação realizada na sede da procuradoria-geral de Justiça, em Natal, pelo promotor de Justiça de Jardim de Piranhas, Vinícius Lins Leão Lima, a promotora de Justiça Fladja Raiane Soares de Souza, coordenadora do Caop Cidadania, o diretor-geral do DER/RN, Manoel Marques Dantas, e o procurador do Estado Carlos José Fernandes Rêgo.

O acordo prevê a retomada do contrato para o projeto executivo da obra de recuperação da RN 288; que o valor bloqueado judicialmente de R$ 500 mil seja creditado para que o DER efetue a ordem de serviço e o pagamento à empresa contratada; e que o saldo remanescente desse dinheiro seja utilizado na própria manutenção regular da RN 288, com a chamada operação tapa-buracos, amenizando a situação da estrada até sua recuperação definitiva.

Risco de morte por febre amarela pode ser identificado mais cedo

Pesquisa desenvolvida pela Universidade de São Paulo (USP) e Instituto Emílio Ribas identificou quatro fatores que indicam risco de morte em pacientes com febre amarela.

Idade avançada, contagem de neutrófilos elevados (células sanguíneas que fazem parte do sistema imune inato), aumento da enzima hepática AST e maior carga viral são os marcadores que apontam o risco de uma evolução grave da doença. O estudo destaca que, de cada 100 pessoas que são picadas por mosquitos infectados com o vírus da febre amarela, 10% desenvolverão sintomas da doença, e 30% podem morrer.

“O que mais nos deixava perplexos é que a maioria dos pacientes chegava bem, apenas se queixando de mal-estar, dor pelo corpo e febre, e, dias depois, alguns deles morriam. É uma doença de evolução muito rápida. Era um desafio determinar, na entrada do paciente, qual seria aquele que evoluiria muito mal da doença e qual seria aquele que teria uma evolução mais favorável. Foi isso que a gente abordou nesse trabalho”, explicou Esper Georges Kallás, professor do Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias da Faculdade de Medicina da USP.

Outros 19 pesquisadores, apoiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), assinam o estudo, publicado na revista científica Lancet.

Leia maisRisco de morte por febre amarela pode ser identificado mais cedo

Mais de 90% dos usuários avaliam Procon Legislativo com nota máxima no primeiro semestre

O balanço das atividades do primeiro semestre do Procon da Assembleia Legislativa revelou um alto grau de satisfação por parte da maioria dos seus usuários. Isso porque, dos 390 entrevistados, 357 pessoas (92%) atribuíram nota 10 ao atendimento do órgão do Legislativo Potiguar.

As estatísticas detalhadas mostram que, na avaliação do atendimento à demandas e das audiências, foram entrevistados 390 consumidores, dentre os quais 357 (92%) deram nota 10 ao Procon Legislativo; 23 avaliaram o órgão com grau 9; e nove pessoas deram nota 8. Além disso, 0% dos entrevistados atribuiu grau 7 ou menos ao atendimento do órgão de defesa do consumidor da Assembleia Legislativa do RN.

Ainda de acordo com dados da instituição, foram realizados 2.265 atendimentos no semestre, de forma presencial, telefônica, na unidade móvel ou via Whatsapp. Com relação aos processos abertos, eles totalizaram 239, dentre os quais 139 foram conciliados (54,33%).

Segundo o coordenador do Procon Legislativo, Dary Dantas, essa avaliação de satisfação dos usuários é feita desde 2016, e ele atribui os índices sempre elevados à capacidade de acolhimento da equipe do Procon da AL.

“Esses altos índices se devem principalmente à maneira como nos preocupamos e escutamos as pessoas. Porque cada um que nos procura tem um problema. Então é essencial você saber ouvir, dar atenção e resolver adequadamente as demandas desses consumidores. Isso é o que faz eles ficarem tão satisfeitos”, avaliou o coordenador.

Leia maisMais de 90% dos usuários avaliam Procon Legislativo com nota máxima no primeiro semestre

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: