BNB encerra na segunda inscrições para apoio a projetos sociais, de saúde e esporte

O Banco do Nordeste recebe, até segunda-feira próxima, 4, inscrições para seleção de projetos de cunho social e das áreas de saúde e esporte, voltados para crianças, adolescentes, adultos e idosos de baixa renda. As iniciativas selecionadas contarão com aporte de recursos não reembolsáveis, por meio de leis de incentivos fiscais.

As inscrições são feitas pela internet, podendo participar entidades governamentais ou não governamentais de comprovada experiência, estrutura e competência para desenvolvê-los. As propostas devem se enquadrar nas regras do Fundo da Infância e Adolescência (FIA), do Fundo de Direitos da Pessoa Idosa, da Lei de Incentivo ao Esporte, do Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica e do Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde de Pessoa com Deficiência.

Na avaliação, serão considerados aspectos como nível de organização da entidade, qualidade de atendimento, incentivo à formação educacional, fomento à iniciação profissional, quantidade de beneficiários, regularidade fiscal do proponente, tempo de permanência na atividade, abrangência geográfica e possibilidades de expansão na área de atuação do Banco do Nordeste (nove Estados da Região Nordeste, Norte de Minas Gerais e do Espírito Santo).

Leia maisBNB encerra na segunda inscrições para apoio a projetos sociais, de saúde e esporte

Assembleia fará homenagem pelos 100 anos do Seminário São Pedro no RN

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte realizará nesta segunda-feira (04) uma sessão solene pelos 100 anos do Seminário de São Pedro no Estado. O evento será a partir das 9 horas e foi proposto pelos deputados Cristiane Dantas (SDD) e o presidente da casa, deputado estadual Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB). Na oportunidade, serão homenageados nomes de destaque na Igreja potiguar ou que fizeram parte da história da instituição.

“Será um momento para reconhecermos o trabalho realizado pelo Seminário nestes 100 anos de história, atuando na formação de grandes nomes da sociedade e da Igreja em nosso Estado e contribuindo com o Rio Grande do Norte”, disse Ezequiel Ferreira.

A criação do Seminário São Pedro se deu oficialmente em 15 de fevereiro de 1919 com o 2º bispo de Natal, Dom Antônio dos Santos Cabral. Sua primeira turma contava com 12 alunos no Colégio Santo Antônio, ao lado da Igreja.

Leia maisAssembleia fará homenagem pelos 100 anos do Seminário São Pedro no RN

Prefeitura do Assú recebeu mais de 1 milhão e meio de royalties e população ainda amarga pior gestão até hoje


A Prefeitura do Assú no mês de outubro, recebeu a bagatela de quase um milhão e meio de reais, e é a cidade do Vale do Açú que recebeu a maior quantia. E enquanto isso, a população amarga a pior gestão já vista na cidade mesmo com tanto dinheiro em caixa.

O problema da gestão atual é que é governada não pelo prefeito eleito pelo povo, o fantoche Gustavo Soares, e sim, governada pelo seu pai, Ronaldo Soares, que tem um modus operandi retrogrado, que é de ao invés de criar oportunidades para o crescimento das pessoas e das empresas, prefere a velha política do pão e água, do assistencialismo que fez o município do Assú, ficar estagnada no desenvolvimento por mais de 30 anos.

Sem falar que a Prefeitura do Assú por lei, só deveria utilizar os recursos dos royalties para investimentos, e até hoje, a população não sabe para onde está indo os recursos recebidos desde de 2018, já que a cidade está um caos, falta segurança, médicos, medicamentos, educação, dentre tantas outras áreas que são tratadas com desprezo pela atual gestão.

Confira o que pode e o que não pode no Enem

Neste domingo (3) será aplicada a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em mais de 1,7 mil cidades de todo o país. O exame segue no próximo domingo (10). Quase 5,1 milhões de candidatos estão inscritos na edição deste ano. Desses, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 2,4 milhões, o que representa quase metade do total, farão a prova pela primeira vez.

É importante, portanto, estar atento às regras para não correr o risco de ser eliminado, nem de perder a prova. Uma das primeiras medidas é verificar o local do exame, disponível na Página do Participante e no aplicativo do Enem, disponível para que possa ser baixado nas plataformas Apple Store e Google Play. O local de prova está no Cartão de Confirmação da Inscrição.

No dia do exame, é preciso tomar alguns cuidados. Antes de entrar na sala, os estudantes receberão um envelope porta-objetos, onde deverão guardar tudo que não é permitido na hora da prova. Esse envelope deve ser fechado e lacrado e deve ficar debaixo da cadeira até o fim da aplicação.

Neste ano, se qualquer aparelho eletrônico emitir algum som durante a prova, mesmo estando dentro do envelope, o participante será eliminado.

Leia maisConfira o que pode e o que não pode no Enem

Chefe de MP recebe pedidos para afastar promotora bolsonarista

Resultado de imagem para Carmen Eliza Bastos de Carvalho

Carmen Eliza Bastos de Carvalho postou fotos com camisas estampadas com o rosto do presidente

A promotora Carmen Carvalho, membro da equipe do Ministério Público do Rio de Janeiro que investiga a morte da vereadora Marielle Franco (PSOL), fez campanha pela eleição do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Ela também postou em sua rede social foto abraçada com o deputado Rodrigo Amorim (PSL-RJ), que quebrou uma placa em homenagem à vereadora assassinada em 2018.

Carvalho é membro do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), que concentra o acompanhamento das investigações da Polícia Civil.

Ela participou nesta quarta-feira (30) da entrevista coletiva em que o Ministério Público do Rio de Janeiro classificou o depoimento do porteiro que envolveu o presidente Jair Bolsonaro no caso como uma informação falsa. Essa declaração foi dada pela promotora Simone Sibilio.

O procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro, Eduardo Gussem, recebeu pedidos para afastar a promotora Carmen Eliza Bastos de Carvalho de qualquer investigação que eventualmente envolva Bolsonaro.

Leia maisChefe de MP recebe pedidos para afastar promotora bolsonarista

Hacker prometeu invalidar Lava Jato e libertar Lula com diálogos vazados

Resultado de imagem para hacker brasil

Há cinco meses, a Polícia Federal tenta descobrir a motivação dos hackers que invadiram os celulares dos procuradores que atuavam na Lava-Jato, copiaram mensagens privadas e as entregaram ao site The Intercept Brasil, que divulgou o material em parceria com outros veículos de imprensa, incluindo VEJA. Segundo os criminosos, que já foram condenados no passado por estelionato e receptação, a incursão foi pautada exclusivamente pelo senso de justiça para atingir dois objetivos bem definidos: libertar o ex-­presidente Lula da prisão e anular os processos da maior operação de combate à corrupção de todos os tempos. Pelo menos foi isso o que eles ofereceram formalmente à ex-­deputada Manuela d’Ávila, conforme diálogos anexados ao inquérito que apura o caso, aos quais VEJA teve acesso. Parte da matéria-prima que seria utilizada para fulminar a Lava-Jato viria de conversas entre ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) interceptadas ilegalmente.

Candidata à Vice-­Presidência da República na chapa do PT que foi derrotada em 2018, Manuela serviu como intermediária entre os hackers e o jornalista Glenn Greenwald, diretor do Intercept Brasil. Em 12 de maio passado, às 12h14, de acordo com o que foi apurado até agora, ela recebeu uma mensagem de texto em seu Telegram: “Consegue confiar em mim?”. Após ver a foto e o número do celular do remetente, o senador Cid Gomes, Manuela não titubeou ao responder no mesmo instante: “Sim. 100%”. Cid Gomes é irmão de Ciro Gomes, ex-ministro do governo Lula e antigo aliado do presidente. O interlocutor continuou: “Olha, eu não sou o Cid. Eu entrei no telegram dele e no seu. Mas eu tenho uma coisa que muda o Brasil hoje. E preciso contar com você”. Naquele momento, segundo disse à polícia, Manuela estava num almoço de família, comemorando o Dia das Mães, e estranhou a abordagem. Suspeitou que poderia ser uma brincadeira ou um trote e permaneceu em silêncio, desconfiada, até que recebeu uma imagem de uma de suas conversas privadas com o ex-deputado Jean Wyllys. Isso provava que não era um blefe. “Cid”, então, explicou do que se tratava: “Eu entrei no telegram de todos membros da força tarefa da lava jato. Peguei todos os arquivos. Dá para soltar Lula hoje. Derrubar o MPF”, prometeu o hacker.

Leia maisHacker prometeu invalidar Lava Jato e libertar Lula com diálogos vazados

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: