Estados Unidos negam retirada de tropas do Iraque

Resultado de imagem para trump

Os Estados Unidos não têm planos de retirar as tropas americanas do Iraque, disse nesta segunda-feira (6) o secretário de Defesa americano, Mark Esper. Ele negou as informações divulgadas horas antes que davam conta de que, em uma carta, os EUA tinham avisado ao segundo homem no comando militar iraquiano que iriam “reorganizar” as forças da coalizão para fazer uma retirada “segura e eficaz” do Iraque.

O documento, obtido e divulgado pelas agências Reuters e AFP,  estava assinado pelo comandante das operações militares americanas no Iraque, William H. Seely. “Respeitamos sua decisão soberana que ordena nossa saída”, dizia o texto.

A carta indicava ainda que haveria “aumento no número de helicópteros sobrevoando a Zona Verde e suas imediações” —e o movimento aéreo já foi intensificado no centro de Bagdá.

“Ainda não há decisão de deixar o Iraque”, disse Esper, que afirmou desconhecer o conteúdo da carta. “Estamos tentando descobrir de onde isso veio, o que é isso.”

Leia maisEstados Unidos negam retirada de tropas do Iraque

Em novo ataque à imprensa, Bolsonaro diz que jornalistas são ‘raça em extinção’

Resultado de imagem para bolsonaro

Em mais um ataque à imprensa, o presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (6) que os jornalistas brasileiros são uma “raça em extinção” e acusou a Folha de escrever mentira.

Na entrada do Palácio do Alvorada, onde cumprimentou um grupo de eleitores, ele disse que cada vez menos pessoas confiam na imprensa e que a leitura diária de jornais envenena e desinforma.

“Quem não lê jornal não está informado. E quem lê está desinformado. Tem de mudar isso. Vocês são uma espécie em extinção. Eu acho que vou botar os jornalistas do Brasil vinculados ao Ibama [Instituto Brasileiro do Meio Ambiente]. Vocês são uma raça em extinção”, afirmou.

O ataque do presidente foi feito ao criticar uma reportagem do UOL, que tem participação acionária minoritária e indireta da Folha.

Leia maisEm novo ataque à imprensa, Bolsonaro diz que jornalistas são ‘raça em extinção’

Iranianos lotam as ruas de Teerã para homenagear o general Suleimani

TEERÃ – Uma multidão de pessoas inundou as ruas de Teerã nesta segunda-feira, 6, para prestar homenagem ao general Qassim Suleimani, líder militar morto em um ataque dos Estados Unidos no Iraque. A multidão se reuniu na Universidade de Teerã, onde o líder supremo do país, o aiatolá Ali Khamenei, dedicou orações ao herói iraniano.

Na manhã desta segunda, uma maré humana invadiu as avenidas Enghelab (“Revolução” em persa), Azadi (“Liberdade”) e seus arredores, portando bandeiras do Irã, do Líbano e do Iraque, além de outras vermelhas, que simbolizam o “sangue dos mártires”.

Visivelmente emocionado, o aiatolá Khamenei fez uma breve oração em árabe perante o caixão de Suleimane, do iraquiano Abu Mehdi Al Muhandis (o segundo no comando da coalizão paramilitar e pró-iraniana Hashd Al Shaabi), e de outros quatro cidadãos iranianos mortos no mesmo ataque dos EUA.

Tanto o líder supremo quanto outros dirigentes, como o presidente Hassan Rohani, o presidente do Parlamento Ali Larijani e o general Hosein Salami, saíram rapidamente do local, antes que a multidão tomasse as ruas de Teerã.

Leia maisIranianos lotam as ruas de Teerã para homenagear o general Suleimani

Sérgio Rocha e partido CIDADANIA declaram apoio a pré candidatura de Ivan Júnior nas eleições de 2020


O presidente do diretório do CIDADANIA em Assú, Sérgio Rocha, declarou em entrevista à Rádio Princesa FM, no último sábado(04), apoio a pré candidatura de Ivan Júnior nas eleições desse ano.

“Acompanhamos o projeto político do ex prefeito e pré candidato Ivan Júnior, por entendermos que nesse momento é o melhor nome pra cidade do Assú, por entendermos também que ele ficou 8 anos à frente da cidade, e fez muito”, declarou Sérgio na entrevista.

Sérgio ainda esclareceu, que o nome de Ivan foi escolhido através de uma consulta dentro do partido, e essa escolha foi quase unânime, 22 filiados, e Ivan obteve 21 votos, que entendem que foi o prefeito que mais fez pelo Assú.

No programa, ainda falaram diversos pré candidatos a vereador, todos em pé de igualdade, com trabalho prestado seja para seus bairros e/ou comunidades, e que estão realizando reuniões periódicas, e discutindo o melhor pra cidade. Há uma expectativa no partido, de que elejam entre 2 a 3 pré candidatos, nas eleições desse ano.

O nome de Paulo Henrique do movimento EU ACREDITO, também foi citado por Sérgio, como um filiado e possível nome para formar chapa com o ex prefeito Ivan.

Limite de juros para cheque especial começa a valer hoje

Modalidade de crédito com taxas que quadruplicam uma dívida em 12 meses, o cheque especial terá juros limitados a partir de hoje (6). Os bancos não poderão cobrar taxas superiores a 8% ao mês, o equivalente a 151,8% ao ano.

A limitação dos juros do cheque especial foi decidida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) no fim de novembro. Os juros do cheque especial encerraram novembro em 12,4% ao mês, o que equivale a 306,6% ao ano.

Ao divulgar a medida, o Banco Central (BC) explicou que o teto de juros pretende tornar o cheque especial mais eficiente e menos regressivo (menos prejudicial para a população mais pobre). Para a autoridade monetária, as mudanças no cheque especial corrigirão falhas de mercado nessa modalidade de crédito.

Conforme o BC, a regulamentação de linhas emergenciais de crédito existe tanto em economias avançadas como em outros países emergentes. Segundo a autoridade monetária, o sistema antigo do cheque especial, com taxas livres, não favorecia a competição entre os bancos. Isso porque a modalidade é pouco sensível aos juros, sem mudar o comportamento dos clientes mesmo quando as taxas cobradas sobem.
Tarifa

Para financiar em parte a queda dos juros do cheque especial, o CMN autorizou as instituições financeiras a cobrar, a partir de 1º de junho, tarifa de quem tem limite do cheque especial maior que R$ 500 por mês. Equivalente a 0,25% do limite que exceder R$ 500, a tarifa será descontada do valor devido em juros do cheque especial.

Cada cliente terá, a princípio, um limite pré-aprovado de R$ 500 por mês para o cheque especial sem pagar tarifa. Se o cliente pedir mais que esse limite, a tarifa incidirá sobre o valor excedente. O CMN determinou que os bancos comuniquem a cobrança ao cliente com 30 dias de antecedência.

Foguetes atingem área de embaixada dos EUA em Bagdá; Trump reitera ameaças

Em meio à escalada das tensões no Oriente Médio, foguetes atingiram a Zona Verde de Bagdá, região onde fica a embaixada dos EUA na capital do Iraque, no fim da tarde deste domingo (5), segundo as forças de segurança locais.

Minutos depois da divulgação dos ataques, cuja autoria e alvos ainda são desconhecidos, o presidente americano, Donald Trump, reiterou suas ameaças de uma resposta militar a eventuais investidas do Irã contra alvos ou cidadãos americanos. Segundo Trump, se isso ocorrer, os EUA reagirão “rapidamente e com força total, e talvez de forma desproporcional”.

Na noite de sábado (4), Trump já havia feito ameaças de atacar 52 alvos iranianos caso o país atingisse um alvo americano. O número é uma alusão ao número de pessoas feitas reféns no sequestro da embaixada americana em Teerã em 1979, ano da Revolução Islâmica que transformou o Irã em uma teocracia.

No momento, não se sabe ao certo o número de foguetes disparados em direção à Zona Verde de Bagdá, onde ficam outras embaixadas estrangeiras e o Parlamento iraquiano.

Segundo o canal de notícias americano CNN, foram dois foguetes. De acordo com a agência Reuters, que cita fontes militares iraquianas, seis foguetes atingiram Bagdá, sendo três deles na Zona Verde, e seis pessoas ficaram feridas.

Leia maisFoguetes atingem área de embaixada dos EUA em Bagdá; Trump reitera ameaças

Governo Fátima cumpre apenas sete promessas de campanha no primeiro ano de governo

Das 53 promessas feitas pela candidata Fátima Bezerra nas eleições 2018, apenas sete foram cumpridas; 36 sequer foram iniciadas e oito foram realizadas parcialmente. Saúde, educação e segurança foram as que receberam mais promessas e poucas ações

No primeiro ano de mandato, a governadora Fátima Bezerra (PT) cumpriu apenas 13,2% das promessas feitas durante a campanha eleitoral de 2018. Áreas como Administração, Educação, Direitos Humanos e Sociais, Segurança, Infraestrutura, Economia, Saúde, Meio Ambiente e Agronegócios ficaram esperando uma ação eficaz do governo, o que não aconteceu em 2019.

Levantamento feito pelo site de notícia G1, do sistema Globo de comunicação, mostra que das 53 promessas de campanha de Fátima, apenas sete foram cumpridas integralmente no primeiro ano, 13,2%. Outras oito (15,1%) foram cumpridas em parte e 36 não foram cumpridas, 67,9%. Duas promessas não foram avaliadas pelo site.

O desempenho do governo Fátima está abaixo da média nacional, que foi 18% das promessas cumpridas nos demais estados e no Distrito Federal. O site considerou os 1.158 compromissos assumidos pelos então candidatos antes de serem eleitos.

A área da Educação e Cultural foi praticamente ignorada pelo Governo do RN, apesar de Fátima Bezerra ser professora de origem profissional. Das sete promessas avaliadas, nenhuma foi realizada. Apenas a proposta de ampliação do número de escolas em tempo integral foi cumprida em parte. As demais promessas foram ignoradas, como Transformar prédio do Memorial Câmara Cascudo em sede administrativa do Centro Educacional Norte-rio-grandense de Artes, Centro Experimental de Teatro e da Escola de Artes Visuais; Realizar Conferências Regionais e Estadual de Cultura; Criar o Conselho Estadual de Políticas Culturais; Implementar o Plano Estadual de Assistência Estudantil; Retomar a Rede Estadual dos Pontos de Cultura. Já a promessa de fazer parceria com Municípios para ampliar vagas de creches não foi avaliada pelo site.

A área do Turismo também foi esquecida. As três promessas feitas por Fátima Bezerra em campanha foram ignoradas pelo governo: Concluir as obras do Centro de Convenções e Museu da Rampa; Criar o Sistema de Gestão da Informação do Turismo Georreferenciado; Implementar Clubes de Produtos Turísticos em cada pólo turístico.

Leia maisGoverno Fátima cumpre apenas sete promessas de campanha no primeiro ano de governo

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: