DUVIDOSO: Instituto EXATUS que divulgou pesquisa em Assú foi criado poucos meses antes da Eleição

Toda eleição é a mesma novela, em que algumas pesquisas eleitorais com possíveis resultados muitas vezes absurdos e longes da realidade, são divulgadas com apenas um objetivo, de enganar o eleitor. O caso se repete desde em capitais até em municípios menores.

O instituto EXATUS, que divulgou pesquisa em Assú hoje, foi criada poucos meses antes da eleição, em Fevereiro desse ano, antes da pandemia acontecer, e quando as eleições ainda estavam previstas para começar a partir de julho de 2020.

A empresa EXATUS tem como umas das proprietárias, GABRIELA BINDERLI FRAGA VARELA, que sendo coincidência ou não, foi nomeada pela Câmara Municipal em 2018, e segundo fontes, parece ter ligações com o município de São Gonçalo do Amarante, terra dos aliados do deputado George, o prefeito Paulo Emidio, e da senadora Zenaide Maia.

Segundo burburinho na cidade, Os números deixam até os eleitores do prefeito Gustavo de orelha em pé, pois quando fazem a famosa “boca de urna”, percebem que a pesquisa não bate com a realidade exposta no município de Assú.

Vivaldo Costa sugere políticas públicas de atenção à saúde mental de crianças e adolescentes

Preocupado com os efeitos das medidas de enfrentamento da pandemia, o deputado estadual Vivaldo Costa (PSD) sugeriu a criação de políticas públicas de atenção à saúde mental das crianças e adolescentes. Em requerimento endereçado à Secretaria Estadual de Educação Pública (Sesap), o parlamentar destacou a importância do cuidado para esse público.

“Transtornos nessa área podem surgir já na infância, afetando indivíduos normalmente saudáveis em plena fase produtiva e de desenvolvimento, com prejuízos que podem perdurar até a idade adulta”, destacou Vivaldo.

O atual quadro pandêmico e o isolamento social, medida necessária para reduzir a contaminação pela Covid-19, constam nas justificativas do requerimento apresentado. “Além da clara crise na saúde e na economia, é possível observar uma maior exposição das crianças ao surgimento de transtornos mentais. Com isso, a saúde mental das crianças pode ser afetada por inúmeros motivos, dentre eles os efeitos da quarentena”, citou.

Completando as justificativas, Vivaldo Costa ressalta como é “imprescindível que haja um olhar especial, uma vez que as crianças demonstram mais dificuldades em expressar seus sentimentos e angústias”, e completa: “De acordo com psicólogos, o grande canalizador de emoções negativas são as interações sociais e as crianças perderam esse convívio em meio a pandemia, a ausência das escolas, o isolamento, a falta de atividade física e a reclusão por muito tempo em espaços pequenos, tornando fatores que contribuem com o surgimento de transtornos psicológicos”.

Hermano cobra ações para evitar segunda onda de Covid-19 no RN

O deputado estadual Hermano Morais (PSB) quer ações do Governo do Estado para evitar uma possível segunda onda da Covid-19 no Rio Grande do Norte. Para isso, o parlamentar requereu a instalação, no Aeroporto de São Gonçalo do Amarante, de estandes sanitários para contribuir com a contenção à possível disseminação do novo coronavírus.

No pedido, o deputado pede que os estandes tenham equipes de saúde munidas de folhetos informativos, equipamentos de aferição de temperatura e kits de testagem rápida de passageiros provenientes do exterior. A sugestão, de acordo com Hermano, é do Comitê Científico do Consórcio Nordeste.

“A segunda onda de Covid-19, que já preocupa Europa e Estados Unidos, pode atingir o Nordeste nos próximos meses. É o que alerta o Comitê Científico do Consórcio Nordeste. A entidade reforça que o risco é causado pelo relaxamento nos cuidados, aglomerações demasiadas e vinda de turistas europeus para o verão nas nossas praias”, alertou Hermano.

O parlamentar pontuou que o neurocientista e coordenador do comitê científico do Consórcio Nordeste, Miguel Nicolelis, alertou sobre o “risco real de que nos próximos meses tenhamos um fluxo de portadores do Sars-CoV-2, até de cepas diferentes das que aqui prevalecem”. O deputado explica que para frear a possibilidade, o comitê alerta que sejam implantados, em todos os aeroportos da região, estandes sanitários com equipes de saúde. O comitê ressalta que turistas vindos de regiões com aumento de casos da Covid-19 e que não apresentarem atestados que comprovem a ausência de infecção devem ser colocados em quarentena de 14 dias.

“Afinal, já passamos por essa situação de ver os acontecimentos primeiro na Europa e depois se reproduzindo aqui. A diferença é que agora temos uma oportunidade de não deixar isso acontecer. Portanto, diante deste cenário, solicitamos ao Governo do Estado e à Sesap, a implantação das medidas”, explicou o deputado.

O requerimento será analisado pelos deputados e, em caso de aprovação, será encaminhado em nome da Casa ao Executivo.

Ezequiel atesta liderança do prefeito Juninho Alves rumo à vitória no dia 15 de novembro

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), esteve nesta quinta-feira (5), no município de Caraúbas (RN), no Médio Oeste do Estado, para apoiar e estimular a reeleição de Juninho Alves (PSDB) e Paulo Brasil (DEM), vice-prefeito, que juntos contam formam a coligação “Caraúbas Mais Feliz” reunindo os partidos PSDB, DEM, PP, PT e PSD. O evento também contou com a presença do deputado Raimundo Fernandes (PSDB).

Como deputado, Ezequiel Ferreira tem trabalhado para ajudar no urbanismo, turismo e segurança da cidade. “Caraúbas mudou. Tem ações em todas as áreas. Tem melhorado a Saúde, a segurança e a educação, voltou a ter grandes eventos e uma imagem melhor. Por isto, com a ajuda do povo, Juninho e Paulo Brasil vão continuar fazendo muito mais por Caraúbas”, discursou Ezequiel.

O Instituto Consult fez a avaliação administrativa esfera municipal e a gestão do prefeito Juninho Alves foi aprovada por 70,4% da população. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo RN-05927/2020. O Instituto Consult também constatou que independente do voto, 69% acreditam na reeleição de Juninho; no levantamento estimulado Juninho tem 59,4% das intenções de voto.

“Juninho Alves tem um passado de trabalho desde criança. Começou vendendo confeitos, balinhas e chiclete no intervalo da escola, estudou e se tornou empresário do ramo de entretenimento com a Banda Saia Rodada. Mas sempre esteve no mundo da política. Primeiro no movimento estudantil, depois na política partidária. Foi vereador mais bem votado em 2008 com 1.525 votos, presidiu a Câmara entre 2005 e 2008. Foi eleito prefeito em 2016. E Tem seu trabalho destacado pelo povo e tem tudo para ampliar seu trabalho nos próximos quatro anos em Caraúbas”, salientou Ezequiel Ferreira.

O candidato a vice-prefeito, Paulo Brasil, foi padre em Caraúbas por mais de 15 anos. Formou família e entrou para a política. Foi eleito vereador em 2008, foi candidato a prefeito em 2012 perdeu por diferença de 200 votos. “Eleito vice-prefeito em 2016 tem forte apelo popular. É tido como o melhor vice-prefeito da história de Caraúbas”, acrescentou Ezequiel.

Nestas eleições, o deputado Ezequiel Ferreira está na estrada para percorrer mais de 100 municípios onde o PSDB apresenta candidatos a prefeito e está em composição em chapas como vice. “Esperamos vencer em 80% destas cidades. O partido vem crescendo muito com a ajuda também dos deputados Tomba Farias, Gustavo Carvalho, José Dias e Raimundo Fernandes. O PSDB apresenta mais de 900 nomes para as Câmaras Municipais”, detalhou.

MPRN denuncia duas pessoas por assassinato de irmãos durante ato politico em Pedro Velho

MPRN faz balanço positivo do período de trabalho remoto
O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) denunciou o policial militar da Paraíba Paulo Henrique Costa Silva e o compositor Denis de Oliveira Soares pelos assassinatos de dois irmãos durante um ato político na cidade de Pedro Velho. O duplo homicídio ocorreu por volta das 18h30 do dia 5 de outubro passado, em uma via pública da comunidade Cuité das Bocas, zona rural do município.
Segundo apurado em inquérito policial, havia um ajuste prévio entre Paulo Henrique e Denis de Oliveira para que ambos fizessem a segurança privada e armada do evento político que ocorria no local onde houve os crimes. Incomodados com a movimentação de Gilson Teixeira pela caminhada, já que ele era divergente político, cercaram o veículo dele. De acordo com testemunhas, Paulo Henrique chegou a apontar uma arma de fogo para a vítima.
Na tentativa de se defender, Gilson Marques Teixeira desceu do carro e foi em direção a Paulo Henrique, entrando os dois em luta corporal. Ainda de acordo com o relato de testemunhas, Adilso Marques Teixeira, que estava em uma moto, tentou intervir e retirar o irmão do local. Foi quando Denis de Oliveira sacou uma pistola e atirou contra os dois irmãos.
Gilson foi baleado na cabeça e no tórax. Adilso foi atingido no tórax. Os dois chegaram a ser levados para o hospital municipal, mas não resistiram aos ferimentos.

Leia maisMPRN denuncia duas pessoas por assassinato de irmãos durante ato politico em Pedro Velho

Datafolha: João Campos lidera, mas Marília Arraes reduz diferença no Recife

O deputado federal João Campos (PSB) – filho do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos – permanece consolidado na liderança da corrida pela Prefeitura de Recife, de acordo com a pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (5/11). A deputada federal Marília Arraes (PT), prima e adversária política, oscilou positivamente e reduziu a diferença.

Campos manteve os 31% da pesquisa anterior, enquanto Marília saiu dos 18% para 21%. Ela, todavia, está empatada tecnicamente com o ex-ministro Mendonça Filho (DEM), que oscilou de 15% para 16%, enquanto a delegada Patrícia Domingos (Podemos) saiu de 16% para 14%.

Coronel Feitosa (PSC) manteve 2%, enquanto Carlos Andrade Lima (PSL) e Charbel (Novo) mantiveram 1%, cada. Já Thiago Santos (UP), Marco Aurélio (PRTB) e Cláudia Ribeiro (PSTU) não pontuaram.​

O índice dos que declararam voto branco ou nulo permaneceu em 12% dos entrevistados, e caiu de 4% para 3% a taxa dos que não souberam ou não responderam.

2º turno

O Datafolha também simulou três cenários de segundo turno, nos quais João Campos venceria em todas as possibilidades.

Leia maisDatafolha: João Campos lidera, mas Marília Arraes reduz diferença no Recife

Dólar fecha no menor valor em quase um mês com eleições nos EUA

Cédulas de dólar. 17 de julho de 2019. Nazanin Tabatabaee/ WANA (West Asia News Agency) via REUTERS.

O ambiente externo positivo criado pela apuração dos resultados das eleições nos Estados Unidos fez o dólar ter mais uma forte queda e fechar no menor valor em quase um mês. A bolsa de valores voltou a superar os 100 mil pontos no terceiro dia seguido de alta.

O dólar comercial fechou a quinta-feira (5) vendido a R$ 5,545, com recuo de R$ 0,108 (-1,91%). A cotação começou o dia em estabilidade, mas passou a recuar fortemente em meio à divulgação de novos resultados em estados americanos decisivos para definir o resultado da corrida eleitoral.

A divisa está no menor valor de fechamento desde 9 de outubro, quando tinha encerrado em R$ 5,527. O dólar acumula queda de 3,4% em novembro, mas registra alta de 38,2% em 2020.

No mercado de ações, o dia foi marcado pela euforia. O índice Ibovespa, da B3, encerrou a quinta-feira aos 100.751 pontos, com forte alta de 2,95%. O indicador acumula alta de 7,2% na semana.

Leia maisDólar fecha no menor valor em quase um mês com eleições nos EUA

Nunes Marques toma posse como ministro do STF

Ministro Nunes Marques durante sessão solene de posse no STF.

Kassio Nunes Marques tomou posse hoje (5) como ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). Nunes Marques é o primeiro integrante da Corte indicado pelo presidente Jair Bolsonaro e deve permanecer no Tribunal até 2047, quando completa 75 anos. 

A cerimônia foi rápida, com duração de cerca de 15 minutos. Devido à pandemia de covid-19, o evento foi acompanhado presencialmente somente por Bolsonaro, os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre, e da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, além do procurador-geral da República, Augusto Aras, e do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz.

O novo ministro não discursou na cerimonia e apenas prestou compromisso para assumir o cargo. “Prometo bem e fielmente cumprir os deveres do cargo de ministro do STF, em conformidade com a Constituição e as leis da República”, afirmou.

Durante a cerimônia, o presidente do STF, Luiz Fux, deu boas vindas ao novo ministro e disse que Kassio Marques tem todos os requisitos para assumir uma cadeira na Corte.

“Vossa Excelência tem reputação ilibada, tem, pelo seu currículo, notório saber jurídico. Vossa Excelência tem conhecimento enciclopédico e, acima de tudo, independência olímpica. Seja muito bem vindo. Que Deus proteja a sua caminhada”, disse Fux.

Agência Brasil

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: