Fatima Bezerra dá “pé na bunda” de George Soares e quem assume a liderança é Francisco do PT

Depois de várias derrotas consecutivas em negociações com os deputados do estado do RN, parece que Fátima reconhece a incompetência do “menino chorão” George Soares que nada mais faz além de dar chilique e criar problema.

Com a saída do deputado George Soares da liderança do governo do RN na assembleia legislativa, quem assume é Francisco do PT que ja cobiçava a vaga há tempos.

Com essa mudança importante de representação importante no estado, George Soares sai derrotado e pode complicar sua reeleição em 2022.

Nelter volta a cobrar que Governo do Estado reveja contrato de publicidade e invista recursos na recuperação de estradas

O deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Norte, nesta quarta-feira (3), para reiterar, ao Governo do Estado, diversos pleitos envolvendo a recuperação de estradas pelo interior. Na oportunidade, o parlamentar mostrou-se indignado com o montante de recursos, na ordem de R$ 24 milhões, que o Poder Executivo Estadual investirá em publicidade governamental enquanto as rodovias estaduais estão em situação precária.

“Aqui faço um apelo à governadora: suspenda esses gastos com publicidade e vamos recuperar as estradas, governadora! É um absurdo que, num estado pobre como o nosso, com as estradas sucateadas, com o povo morrendo nas filas do SUS [Sistema Único de Saúde] e com os serviços públicos de saúde sem funcionar a contento, o Governo do Estado gaste R$ 24 milhões em publicidade”, desabafou Nelter Queiroz.

Em meio às várias solicitações de recuperação asfáltica, feitas pelo parlamentar, estiveram: trecho da BR-226 entre os municípios de Currais Novos, São Vicente e Florânia; RN-404, entre os municípios de Carnaubais, Porto do Mangue e Areia Branca; RN-041, no trecho que liga o município de Santana do Matos à BR-304; RN-078, no trecho que liga o município de Patu até a divisa do Rio Grande do Norte com a Paraíba; recuperação do acesso que liga o município de Patu ao Santuário do Lima; e RN-233, entre os municípios de Campo Grande, Triunfo Potiguar, Paraú e Assú.

O que Bolsonaro quer do Congresso: da venda da Eletrobrás ao acesso mais fácil a armas

Após se empenhar na eleição de aliados nos comandos da Câmara e do Senado, o presidente Jair Bolsonaro apresentou uma lista de 35 propostas para que o Congresso priorize no retorno aos trabalhos. Na relação, entregue nesta quarta-feira, 3, ao deputado Arthur Lira (Progressistas-AL) e ao senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), estão desde propostas para a retomada da economia, como a privatização da Eletrobrás, a pautas de costumes, como o projeto que criminaliza o infanticídio indígena, o que flexibiliza a porte de armas e o que prevê a liberação do ensino de crianças em casa, o chamado homeschooling.

A relação à qual o Estadão/Broadcast teve acesso divide as propostas em temas: “retomada de investimento”, “fiscal”, “costumes” e “outras pautas”. A lista foi elaborada pela Secretaria do Governo, comandada pelo ministro Luiz Eduardo Ramos.

Como mostrou o Estadão, foi no gabinete do general, no quarto andar do Palácio do Planalto, que parlamentares negociaram emendas e cargos enquanto discutiam a eleição no Congresso. Bolsonaro nunca escondeu que sua intenção era interferir na pauta de votações. “Vamos, se Deus quiser, participar e influir na presidência da Câmara”, disse o presidente no dia 27, dias antes de Lira, seu aliado, ser eleito para o cargo.

Na Câmara, o governo quer prioridade para a reforma tributária, a privatização da Eletrobrás, o marco legal de câmbio e a mineração em terras indígenas. O documento traz ainda como “tópico de relevância” a aprovação do Orçamento até março, “para que o governo consiga honrar seus compromissos”.

Leia maisO que Bolsonaro quer do Congresso: da venda da Eletrobrás ao acesso mais fácil a armas

MPRN recomenda não realização de festas privadas ou públicas de Carnaval em quatro Municípios

Caicó, Serra Negra do Norte, São Fernando e Timbaúba dos Batistas devem evitar aglomerações, pois foram classificadas como de risco extremo em relação à Covid-19 em relatório da Sesap
O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) recomendou medidas às Prefeituras e às Secretarias de Saúde de Caicó, Serra Negra do Norte, São Fernando e Timbaúba dos Batistas para garantir a não realização de shows e eventos durante o Carnaval. O objetivo é reduzir aglomerações em virtude da pandemia da Covid-19. Os documentos estão publicados no Diário Oficial do Estado (DOE).
A recomendação considera que o relatório para orientação e tomada de providências sanitárias para os três municípios, elaborado pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) no último dia 28 de janeiro, aponta que a partir do indicador composto, foi obtido o score 5 (risco extremo) para o referido município, e indica que, nesse caso, o gestor municipal deve adotar medidas com ênfase restritiva.
Dessa forma, o MPRN recomenda a suspensão imediata de quaisquer eventos de massa, públicos ou privados, promovidos ou patrocinados pelo ente público ou por particular, envolvendo as festividades do carnaval, que impliquem em aglomerações de pessoas, por meio da edição de Decreto Municipal.

Leia maisMPRN recomenda não realização de festas privadas ou públicas de Carnaval em quatro Municípios

Presidente Ezequiel debate pauta municipalista com gestores da FEMURN

A nova diretoria da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN) esteve reunida com o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), nesta quarta-feira (3) com objetivo de articular benfeitorias em prol dos municípios e promover o desenvolvimento unificado do Rio Grande do Norte.

“Além das propostas da organização municipalista a Casa Legislativa não medirá esforços para cooperar com os municípios através dos projetos, programas, sistemas e políticas de inovação de gestão, qualificação e administração já adotadas no Poder Legislativo Estadual e que podem muito bem ser replicados nos demais municípios do nosso Estado”, disse Ezequiel Ferreira, citando o exemplo do poder legislativo de São Paulo que faz uso do sistema Legis RH, ferramenta que promove o processamento da folha de pagamento, além do controle do cadastro dos servidores.

O sistema Legis RH é uma inovação da direção de Gestão Tecnológica da Assembleia Legislativa do RN. E os legislativos da Bahia, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Pernambuco e Mato Grosso também sinalizaram interesse na ferramenta desenvolvida pelos servidores potiguares.

Anteomar Pereira, o Babá, prefeito de São Tomé e presidente da FEMURN reforçou que a entidade tem buscado ajudar os prefeitos em início de mandato à frente das prefeituras. “Estas contribuições institucionais vão somando nesta contribuição. Vamos, assim como estamos em visita na Assembleia Legislativa promover encontros com os demais poderes e instituições como mecanismo de fortalecimento da federação e, principalmente, da voz municipalista”, explicou o presidente Babá, salientando que na verdade, os municípios são os lugares onde as pessoas vivem e onde tudo acontece. “Em outras palavras, eles precisam ser mais valorizados”, disse.

Acompanharam o presidente Babá Pereira, o tesoureiro da entidade, prefeito de Bom Jesus, Clécio Azevedo (PSDB), o diretor-geral, Fábio Dantas. Participaram da reunião assessorando o presidente Ezequiel o diretor-geral da presidência, Fernando Rezende, o diretor-geral da Assembleia Legislativa, Augusto Carlos Viveiros, o diretor de representação institucional, Rodrigo Rafael e a diretora da comunicação institucional, Marília Rocha.

Prefeito de Ipanguaçu contrata a cooperativa para ofertar professores mas quem dá as ordens não é a secretaria Enilda

As informações que chegam ao Blog do VT é que a secretaria Enilda Barbalho está sendo um fantoche nas mãos do prefeito Valderedo, já que usa o seu nome apenas para assinar papéis e ter responsabilidade, porque não manda em nada, e o pior, ainda tem que obedecer ordens que talvez sejam questionadas pelo Ministério Público.

O que se comenta é que uma das principais pessoas que gerencia a contratação para a cooperativa de profissionais da educação para o município é o sub secretário e Yuri Feldman, que já é cargo de confiança do prefeito.

Para o leitor associar melhor essa relação do prefeito Valderedo e Yuri, é que ele foi alvo de investigação da justiça eleitoral, como suspeito de favorecer eleitores com benesses, incluindo transferências bancárias, além de ter sido encontrado dormindo na caso do prefeito.

Até agora o “burburinho” que rola na cidade de Ipanguaçu é que ninguém sabe o porque que o prefeito não coloca outra pessoa no cargo, já que a secretaria Enilda não tem voz, nem vez na gestão, e se acontecer algo de errado, ainda pode levar a culpa.

Comerciante é morto a tiros ao tentar reagir a assalto na região Agreste potiguar

Jose Nolasco Freitas, de 50 anos, conhecido como Nonato, morreu durante assalto ao comércio que mantinha há 25 anos no Agreste potiguar. — Foto: Cedida

Um comerciante de 50 anos foi morto a tiros durante um assalto que aconteceu no mercadinho que ele mantinha a 25 anos no município de Bom Jesus, na região Agreste potiguar. O crime aconteceu na tarde da terça-feira (2) no bairro conhecido como Caixa D’água.

Segundo familiares, Jose Nolasco Freitas tinha, mais conhecido como seu Nonato, teria tentado reagir após o assaltante apontar a arma para sua filha.

O autônomo Robenilson Cordeiro, genro de seu Nonato, contou que a vítima estava no comércio, quando um assaltante chegou se passando por cliente. Quando a filha de Nonato chegou ao comércio, o homem anunciou o assalto.

“O bandido apontou a arma para ela, ai meu sogro segurou na mão dele e entrou em luta corporal para ele não atirar na filha”, disse. Na ação, o criminoso atirou em José, que não resistiu.

O corpo da vítima foi levado para exames no Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) em Natal. Segundo o genro, o sogro era muito conhecido e querido na região onde morava. “Queremos justiça”, afirmou.

G1RN

Presidente Ezequiel recebe associação nacional de praças em audiência

Nesta quarta-feira (3), ao receber integrantes da Associação Nacional de Entidades Representativas de Praças (ANASPRA) e lideranças locais das Associações de Praças, o presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), reiterou todo o reconhecimento e valorização que o Poder Legislativo tem para com o Sistema de Segurança Pública do Estado. Durante a reunião agendada pelo deputado estadual, Subtenente Eliabe (SDD), as pautas giraram em torno da reformulação do Código Disciplinar e de Ética da categoria, com foco no fim das sanções restritivas de liberdade, e do Sistema de Proteção Social.

Os dois temas estão sendo gestados no âmbito do Poder Executivo e o presidente da Assembleia Legislativa assegurou atenção da Casa Legislativa para promover o debate nas comissões temáticas assim que os projetos forem encaminhados pelo Governo do Estado. “O Sistema de Segurança tem tido todo apoio do conjunto dos 24 deputados. Temos estimulado investimentos para Polícias Militar, Civil, Corpo de Bombeiros, Itep e agentes penitenciários”, salientou Ezequiel Ferreira, ao relembrar a aquisição de viaturas e, mais recentemente, a doação de equipamentos de proteção individual para o setor diante do enfrentamento da pandemia da COVID-19 e estruturação da UTI do Hospital da Polícia Militar.

Para o deputado Subtenente Eliabe o debate no âmbito do legislativo será fundamental. “Esta interlocução é importante. O debate da reforma do Código de Ética tem ocorrido desde 2019 e a participação das associações é crucial para a revisão”, disse o deputado. Na visão do SubPM/MG, Heder Martins Oliveira, presidente da ANASPRA, o código disciplinar vigente cuida mais da vida privada do militar do que da sua vida na caserna. “Há artigos inseridos lá que não estão mais adequados aos tempos atuais. São draconianos, instrumentos de opressão e pressão. Alguns de assédio moral. Pura intimidação disciplinar por parte dos comandos”, disse Heder Martins.

Também participaram da reunião o SGTPM/CE, Pedro Queiroz da Silva, 2º vice-presidente da ANASPRA, SGTPM/ES, Ruy Barbosa Júnior, secretário executivo da ANASPRA, CBPM/ES, Carlos Pereira Santos, vice-presidente de assuntos legislativos e institucionais, 1º SGT Marcos Antônio de Sousa, presidente da Associação do Policiais e Bombeiros Militares do Seridó, e a Subtenente Márcia Carvalho, vice-presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos da Polícia Militar do Rio Grande do Norte.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: