fbpx

Prefeitura do Assu não integra Consórcio de Municípios para compra de vacina e prefeito Gustavo pode estar enganando população

O prefeito Gustavo e a vice Fabielle fizeram a maior farra de divulgação de que utilizariam os recursos do São João e Carnaval para comprar vacina para população do Assú, mas segundo lista atualizada da Federação Nacional de Prefeitos (FNP), a cidade do Assú não integra a lista de cidades com interesse na vacina.

O fato da Prefeitura não estar na lista é estranho, pois dificilmente o município conseguirá comprar se não for através de consórcio, diante dos trâmites e burocracias que são comuns nessa situação. A cidade do Assú já deveria pelo menos estar na lista da FNP, a não ser que o prefeito Gustavo tenha feito o vídeo apenas com intuito de enganar a população, dizendo uma coisa, e fazendo outra.

O consórcio de municípios para compra de vacinas contra a Covid-19 já teve manifestação de interesse de 649 prefeituras, incluindo os municípios potiguares de Alto do Rodrigues, Itaú, Caicó e Jardim do Seridó segundo a lista
divulgada nesta quarta-feira (3) pela Federação Nacional de Prefeitos (FNP).

A ideia é que as prefeituras possam comprar as vacinas caso o Plano Nacional de Imunização (PNI), coordenado pelo Ministério da Saúde, não seja capaz de suprir toda a demanda. Estão sendo avaliadas formas de financiar a aquisição
dos imunizantes. Há três possibilidades principais: recursos do governo federal; financiamento por organismos internacionais e doações de investidores privados brasileiros.

A lista de prefeituras que demonstraram intenção de aderir ao consórcio está disponível na página da FNP.

Governo Federal decide comprar vacinas da Pfizer e Janssen

O Ministério da Saúde anunciou que vai assinar contratos para a compra das vacinas contra covid-19 dos laboratórios Pfizer e Janssen. Os documentos estão em fase de elaboração e devem ser assinados até o início da próxima semana, com o número de doses a serem entregues.

O anúncio foi feito durante reunião do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, com representantes da Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

A vacina da Pfizer já tem registro definitivo aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a da Janssen recebeu aprovação das autoridades sanitárias de outros países.

Atualmente, estão sendo aplicadas duas vacinas no Brasil, a CoronaVac e de Oxford.

RN tem 15 dos 21 hospitais públicos com 100% de ocupação em UTIs para Covid; apenas 13 leitos estão disponíveis

Quinze dos 21 hospitais públicos do Rio Grande do Norte estão com 100% de ocupação dos leitos críticos para tratamento de pacientes com Covid-19. Neste cenário, apenas 13 leitos estão disponíveis para atender 62 pacientes que estão na lista de espera.

Em todo o Estado, a média de ocupação de leitos críticos está em 95,5%. A pior situação é da região Oeste, com uma taxa média de 98,8% de ocupação de leitos semi-UTI ou UTI. Seridó e Grande apresentam 94,3% e 94,1% de ocupação.

As informações são da plataforma “Regula RN”, da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), que faz o monitoramento em tempo real das unidades de referência para acolhimento de casos de pessoas infectadas com coronavírus. Os dados são referente às 17h desta quarta-feira 3.

Leitos críticos são as unidades semi-intensivas e as intensivas (UTIs) dos hospitais. Essas são as instalações reservadas para pacientes com quadros graves de Covid-19, como os que necessitam de suporte de oxigênio.

A rede pública de atendimento à Covid-19 regulada pelo Governo do Estado tem 21 hospitais com leitos de UTI. Ou seja, quase metade das unidades está com 100% de ocupação.

Leia maisRN tem 15 dos 21 hospitais públicos com 100% de ocupação em UTIs para Covid; apenas 13 leitos estão disponíveis

Promotora de Justiça Elaine Cardoso é única a se candidatar para PGJ e será a primeira mulher a chefiar o MPRN

A promotora de Justiça Elaine Cardoso de Matos Novais Teixeira será a primeira mulher a chefiar o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN). Ela foi a única a se inscrever para concorrer à lista tríplice para a indicação ao cargo. A eleição que irá ratificar a escolha dela está marcada para o dia 23 de abril. Elaine Cardoso será empossada como primeira PGJ potiguar em junho deste ano, tendo um mandato de dois anos à frente no MPRN.

Elaine Cardoso é a titular da 62ª Promotoria de Justiça de Natal, com atribuição em defesa da Saúde. Atualmente, ela ocupa o cargo de procuradora-geral de Justiça adjunta. “Estou feliz e ciente da grande responsabilidade que está pela frente. Vamos trabalhar para juntos avançarmos ainda mais e podermos dar uma contribuição cada vez mais efetiva para a sociedade”, falou.

O procurador-geral de Justiça do RN, Eudo Rodrigues Leite, parabenizou a futura PGJ. “Elaine Cardoso é uma das promotoras mais atuantes do nosso MPRN, tendo um trabalho muito bem reconhecido. Nos últimos anos, esteve compondo conosco, como PGJ Adjunta, uma gestão que sempre buscou o diálogo e a resolutividade. Tenho certeza que MPRN será muito bem chefiado no próximo biênio”, disse.

Elaine Cardoso já indicou quem será o procurador-geral de Justiça adjunto da gestão dela. O escolhido foi o promotor de Justiça Glaucio Pinto Garcia. A eleição do dia 23 de abril será realizada mediante voto secreto de todos os membros do MPRN em atividade. Os membros do MPRN poderão votar das 8h às 12h, de forma virtual, por meio do sistema Votus.

Estado bloqueia leitos intermediários em Assú e prefeito Gustavo e Fabielle só querem tirar foto enquanto pessoas morrem


A Comissão de Saúde representada por vereadores da Câmara Municipal e que foi provocada pela vereadora Lucianny Guerra, foram ao Hospital Regional de Assú cobrar e solicitar urgência na ativação das Unidade de Cuidados Intermediários da COVID – enfermaria, que são 6 leitos e uma sala de estabilização que estão paralisados, pois tem uma equipe sendo paga pelo Governo do Estado, mas falta a maior exigência, que é a de médicos, para que essa unidade funcione mesmo.

Com isso, os leitos paralisados ficam disponíveis no Regula, negando a vaga porque não funcionam, e por isso, o Estado resolveu bloquear temporariamente, já que tem um diretor que estava ausente há 60 dias e que é aliado do deputado George Soares e do prefeito Gustavo e a vice Fabielle, e que não soube conduzir esse problema que é grave e nem conseguiu fazer a Prefeitura do Assú investir o dinheiro do São João e Carnaval para contratar médicos e deixar esses leitos funcionando, ou ceder um profissional do município.

A governadora Fátima anunciou recentemente 21 leitos para Mossoró, enquanto Assú tem 06 paralisados, qual a dificuldade então da Prefeitura do Assú cobrar do Estado ou juntos chegarem num consenso, ou até a atual gestão assumir e resolverem esse problema para que a região do Vale conte com mais leitos já que está no meio de uma nova crise da COVID?

A análise que fazemos é que pela primeira vez na Câmara Municipal do Assú, Lucianny conseguiu fazer que a casa legislativa atue em favor do povo, fiscalize e cobre, e discuta questões que são importantes e salvam vidas, enquanto isso, o prefeito Gustavo e a vice Fabielle só querem saber de bater foto e postar no instagram, enquanto a saúde se deteriora a cada dia, falta gestão, falta leitos, falta profissionais, e tudo isso no meio de uma batalha contra um vírus que tem matado pessoa a cada 50 segundos pelo país.

A comissão de saúde tem os vereadores Paulo Brito, Paulinho de Marlene, Sônia da Pesca, Avinha Alves e Lucianny Guerra, que merecem o respeito da população e até da Câmara presidida por Tê como um todo, por estarem exercendo seu papel dentro da sociedade e que deveria servir de exemplo para os outros e principalmente, para a gestão incompetente do prefeito Gustavo Soares e Fabielle Bezerra.

EUA: Biden determina que estados priorizem vacinação de professores

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, determinou nessa terça-feira (2) que os estados priorizem a vacinação de professores para garantir que as crianças possam voltar às escolas mais rapidamente e com segurança. Pediu ainda que os estados apliquem pelo menos uma dose de imunizante em cada educador até o fim de março.ebcebc

Biden anunciou que a farmacêutica MSD irá ajudar a fabricar a vacina da Johnson & Johnson de dose única contra a covid-19, uma parceria semelhante às que foram vistas durante a Segunda Guerra Mundial.

Com três vacinas disponíveis, ele afirmou que está confiante de que haverá vacinas suficientes para cada adulto dos Estados Unidos até o fim de maio.

O presidente disse ainda que confia em atingir a meta de aplicação de 100 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 em seus primeiros 100 dias de governo.

“Os anúncios de hoje são um passo gigantesco em nossos esforços para vencer essa pandemia”, disse Biden em pronunciamento na Casa Branca, transmitido pela televisão. “Mas eu tenho que ser honesto com vocês. Essa luta está longe do fim.”

Para o democrata, o aumento da produção de três vacinas vai impulsionar os esforços para reabrir escolas. Ele lembrou as preocupações crescentes com a saúde mental e as disparidades cada vez maiores causadas pelos desafios do ensino a distância.

Segundo o presidente, mais de 30 estados estão tomando medidas para garantir que seus educadores sejam vacinados. Biden disse que está utilizando a autoridade do governo federal para direcionar os estados remanescentes a seguirem o exemplo.

“Meu desafio é esse: queremos que todo educador, funcionário de escola ou cuidador de crianças receba pelo menos uma dose da vacina até o final de março”, anunciou Biden, acrescentando que muitos pais estariam saindo do mercado de trabalho “em números espantosos” para ajudar seus filhos a estudarem remotamente.

RN recebe novo lote com 40.800 doses de vacina da CoronaVac nesta quarta-feira

Na madrugada desta quarta-feira, 3, o Rio Grande do norte recebeu mais um lote de vacina contra Covid-19 da CoronaVac. O anúncio foi feito pela governadora do Estado, Fátima Bezerra, através de sua conta no Twitter.

De acordo com a governadora, as doses serão destinadas à continuação da vacinação de idosos entre 80 e 84 anos e também servirão para dar início a imunização de idosos de 75 a 79 anos. Ainda nesta quarta-feira, as doses serão enviadas aos municípios, de acordo com Fátima.
Vice-governador visita farmacêutica que vai produzir Sputnik V

O vice-governador, Antenor Roberto, esteve nesta terça-feira, 2, em Brasília (DF), representando a governadora, Fátima Bezerra, em visita aos laboratórios da União Química, empresa responsável pela fabricação no Brasil da vacina russa contra o novo coronavírus, a Sputnik V.

A ação aconteceu por iniciativa do Fórum Nacional de Governadores, que defende celeridade da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para liberar a fabricação do imunizante em larga escala no Brasil.

Leia maisRN recebe novo lote com 40.800 doses de vacina da CoronaVac nesta quarta-feira

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: