fbpx

Nomeação da cunhada de Karielle Medeiros sacramentará seu apoio forçado a Lula Soares

Segundo se comenta nos bastidores da política assuense, a cunhada da vereadora Karielle Medeiros, casada com o seu irmão Zé Maria Junior, e que é comissionada na gestão, irá assumir o comando da pasta de finanças que hoje está com a esposa de Ivan Pinheiro, Ceição.

Dizem ainda que essa nomeação sacramentará a rendição de Karielle ao nome de Lula Soares, e o seu apoio na próxima disputa municipal, já que não tem como essa nomeação se realizar sem que houvesse esse encontro da vereadora concordando com o apoio.

O que ninguém está entendendo porque vai sobrar pra esposa de Ivan Pinheiro que será “expulsa” secretaria mesmo sendo tão competente, e tendo o vínculo com um aliado tão antigo e confiável no grupo da oligarquia Soares.

A vereadora Karielle deve nos próximos dias deixar de circular com os vereadores rebeldes e passar a andar na linha, se quiser manter a nomeação da cunhada em pé.

Lula Soares “chorão” enfrenta rejeição popular por ter abandonado Secretaria de Saúde e no próprio grupo que não o quer como líder

O dentista Luis Eduardo Pimentel, conhecido como Lula Soares, assumiu em Janeiro de 2017 a pasta da Secretaria Municipal de Saúde do Assú, não conseguiu resolver os problemas e demandas da área, agravou o caos que já existia, revelando um quadro de incompetência total e uma falta de respeito com o povo.

Além de piorar o atendimento nas unidades de saúde, e diante da falta de vontade de trabalhar, só aguentou 18 meses, quando pediu pra sair, alegando motivos profissionais, historinha que não colou para ninguém, e foi logo pedir “arrego” pros primos.

O dentista nunca teve coragem de ser transparente com o primo George e comentar da sua incompetência, e muito menos explicou os motivos para o povo que o levaram a abandonar a secretaria. Hoje, Lula é o “escolhido” pela oligarquia Soares chefiada pelo deputado George Soares, para “receber” como herança pelo sobrenome, o direito a disputar a chefia da Prefeitura do Assú, mas a população não esqueceu o abandono.

Só que no cenário atual, George não tem mais em quem confiar para depositar sua confiança a não ser em um membro de sangue do “clã”.

Diante de situações e comentários dentro do próprio grupo, o dentista está sendo chamado de Lula Soares “chorão”, porque não consegue resolver os problemas e vem com a cara de choro diante de qualquer problema para pedir ajuda aos primos, como aconteceu em 2018 quando não deu conta da Secretaria de Saúde municipal, e como vai acontecer agora, já que o movimento contra o chorão cresce dentro do grupo, porque tem vereadores e a vice que não o aceitam e nem reconhecem essa pré candidatura, e tentam forçar George Soares a mudar de idéia.

Resta saber até quando Lula irá aguentar a pressão ou se irá sair correndo “chorando” para que seus primos resolvam essa revolta dentro do grupo.

Gabinete de crise garante desobstrução das rodovias federais no Rio Grande do Norte

Quero ver quem vai cumprir”, diz dirigente da PF sobre pedido de prisão da  cúpula da corporação

As forças policiais, com apoio do MPF, MPRN, Governo do Estado, AGU e STTU, conseguiram liberar o fluxo de veículos ainda na manhã desta terça-feira (1)

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar (PM), a Polícia Federal (PF) e Polícia Civil, no Rio Grande do Norte, atuaram em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público estadual (MPRN), Governo do Estado, Advocacia-Geral da União (AGU) e Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Natal (STTU) para garantir a desobstrução das rodovias no estado. O gabinete de crise, formado na Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed/RN), desmobilizou os bloqueios nas vias, em cumprimento à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). O MPF atua nacionalmente para acompanhar a desobstrução das estradas do país.

O gabinete de crise identificou protestos com bloqueios na BR-101 em Mossoró, no interior do estado, e em Parnamirim, na região metropolitana de Natal. Na madrugada desta terça-feira (1), já não havia bloqueio em Mossoró, com liberação do trecho que liga a capital potiguar à Fortaleza. Pela manhã, em Parnamirim, após negociações infrutíferas, a PRF precisou fazer uso progressivo da força, com gás de pimenta, para liberar o fluxo de veículos. Houve uma prisão em flagrante, pela infração penal de desobediência.

No final do dia, o superintendente da PRF no RN, Luiz Idalino Câmara Pinheiro, confirmou que “não há qualquer ponto de bloqueio nas rodovias federais que transpassam o RN, aliás desde às 11h48 as rodovias federais sob nossa circunscrição estão desobstruídas”.

Leia maisGabinete de crise garante desobstrução das rodovias federais no Rio Grande do Norte

Manifestação a favor de Bolsonaro chega ao fim no Tirol na manhã de quarta-feira (2)

Acontecendo desde a tarde dessa terça-feira, a manifestação a favor de Bolsonaro em frente ao 16° Batalhão de Infantaria Motorizada, na Avenida Hermes da Fonseca, no Tirol, chegou ao fim no início da manhã desta quarta-feira (2).

Vestidos de verde e amarelo, pelo menos mil manifestantes participaram do ato, segundo o capitão PM Lira. O hino nacional foi cantado por várias vezes. Faixas e palavras de ordem pedem a intervenção federal, após o presidente não conseguir se reeleger no segundo turno das eleições, ocorrido no último domingo (30).

Blog do BG

Fonte: Portal Grande Ponto

Polícia Rodoviária Federal encerra bloqueios em vias públicas no RN

Depois de um dia tenso com a rodovia BR 101 bloqueada por 12 horas na altura do Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim, na Grande Natal, o Rio Grande do Norte encerrou a terça-feira sem nenhuma rodovia bloqueada. As manifestações pró-Bolsonaro fecharam estradas federais em todo o país, muitas delas, lideradas por caminhoneiros. Em todo o Estado, segundo a Polícia Rodoviária Federal, foram registrados dois bloqueios: em Parnamirim e também em Itajá, mas o último foi rapidamente dispersado.
Magnus Nascimento

Em Natal, apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL) adentraram a noite num protesto em frente do 16° Batalhão de Infantaria Motorizada, na Avenida Hermes da Fonseca, zona Leste. Eles reivindicavam intervenção federal após o presidente não conseguir se reeleger no segundo turno das eleições, ocorrido no último domingo (30). Vestidos com roupas das cores da bandeira do Brasil, desde as 16h os manifestantes se mobilizaram com bandeiras e faixas pedindo “intervenção federal”.

Com a manifestação, o trânsito na Avenida Hermes da Fonseca ficou comprometido no sentido zona Sul/Centro, provocando lentidão, visto que os apoiadores do presidente ocuparam a faixa de ônibus em frente o 16° Batalhão, inclusive com alguns carros estacionados.

Policiais militares e rodoviários e também agentes de trânsito permaneceram no local monitorando o movimento. A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) orientou os motoristas a utilizarem vias alternativas como as avenidas Romualdo Galvão, Prudente de Morais, rua Jaguarari e São José. No momento do evento, a secretaria informou também que que entre as avenidas Alexandrino de Alencar e Nevaldo Rocha, um acidente com poste deixou o trecho da faixa da direita interditada parcialmente.

Leia maisPolícia Rodoviária Federal encerra bloqueios em vias públicas no RN

Hermano Morais chama atenção para saldo positivo apontado pelo Caged

Os dados mensais do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, voltaram a pautar o pronunciamento do deputado Hermano Morais (PV) em sessão plenária na Assembleia Legislativa. De acordo com o parlamentar, o Rio Grande do Norte apresentou saldo positivo para o mês de setembro.

“Tivemos um saldo positivo de 4.181 postos de trabalho. É um balanço onde se verifica que 18.234 foram contratadas contra 14.053 que foram demitidas nesse período. É importante enfatizar que estamos em um momento bastante interessante em termos de recuperação de postos de trabalho com carteira assinada. Em agosto, o desempenho foi melhor, mas ainda assim manteve saldo positivo em setembro”, disse Hermano destacando ainda a contribuição da agropecuária, do setor de serviços e da construção civil para os índices.

Ainda durante o pronunciamento, Hermano Morais enalteceu o processo eleitoral do último domingo. “Eleições democráticas. Uma disputa acirrada e disputada, mas onde o povo se manifestou e fez a sua escolha. É hora de aceitar o resultado já conclamado pelo TSE e pensar num Brasil mais justo para todos”, concluiu.

Subtenente Eliabe destaca projeto que atualiza critérios para ingresso nas Corporações Militares

Em pronunciamento durante a sessão plenária desta terça-feira (1), na Assembleia Legislativa, o deputado Subtenente Eliabe (SDD) destacou o envio à Casa da mensagem governamental nº 30/22, que atualizar os critérios objetivos para ingresso nas Corporações Militares Estaduais, como altura mínima, idades mínima e máxima, além do tipo de curso de graduação superior exigido.

“Venho celebrar uma vitória alcançada e construída à quatro mãos. O nosso mandato manteve reiteradas reuniões, fazendo gestão junto ao Governo, para que esse projeto fosse materializado e enviado a essa Casa Legislativa”, comemorou Eliabe.

De acordo com o parlamentar, o projeto de lei em questão reconhece o tecnólogo como nível superior para ingresso nas corporações militares, além de alterar a idade mínima de 30 para 35 anos.

“Aqui na Assembleia seguiremos acompanhando o projeto para que possa caminhar de forma célere, haja vista a sua relevância para a sociedade. Sabemos que um dos grandes problemas na segurança do RN é a falta de efetivo. Dessa forma, peço o apoio dos deputados dessa Casa para que deem a atenção que essa matéria requer”, concluiu ele.

Em aparte, o deputado Coronel Azevedo (PL) parabenizou a atuação e colaboração do Subtenente Eliabe para a elaboração do projeto.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: