André Mendonça diz que “erro maior” do Brasil é “apoiar terroristas”

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) André Mendonça disse que o Brasil erra ao tomar posicionamento contrário a Israel na guerra com o Hamas.

Ao fazer uma pregação sobre a guerra, durante culto na Igreja Presbiteriana de Pinheiros, no fim da manhã deste domingo (18), Mendonça disse que “o país tomou sua posição”.

O ministro André Mendonça contou que esteve em Israel recentemente. Ele relatou que reuniu-se com o embaixador brasileiro, Frederico Meyer, e falou a ele sobre a imparcialidade histórica do Brasil em relação a conflitos internacionais.

“Ele me respondeu: no mundo de hoje não há espaço para cinza. Ou é preto ou é branco. O país tomou sua posição. Em resposta, eu tomei minha posição. Eu defendo a devolução de todos os sequestrados. Acho que o erro maior é apoiar um grupo terrorista que mata crianças, jovens e idosos gratuitamente”, declarou o ministro do STF, que era pastor presbiteriano.

Com informações de Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.