Após as festas de São João, as prefeituras do RN vão receber FPM com queda de 23%

Presidente da Confederação, Glaemir Aroldi alerta para a necessidade crescente de recursos

Após a gastança dos prefeitos com a festa de São João com a contratação milionária de bandas e cantores, a segunda cota de junho dos Fundos de Participação que será creditada aos estado e municípios (FPE e FPM), nesta quarta-feira (20), vem com uma queda nominal de 23,01%, sem considerar os efeitos a inflação, comparando o mesmo decêndio de 2017. É a maior queda do ano dentre os 17 repasses feitos pelo Tesouro Estadual em seis meses, dos quais cinco cotas apresentaram índice negativo.

De acordo com a estudo técnico da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), os 167 municípios do Rio Grande do Norte deverão receber, na segunda conta de junho do FPM, um valor bruto de R$ 43.582.099,95, com os descontos do Fundeb (20%), saúde (15%) e Pasep (1%), o valor líquida fica em R$ 27.892.543,97. Em relação a Natal, a CNM informa que o repasse será de R$ 5.451.793,32 brutos, ou seja, -25,09% descontados a inflação, em relação ao mesmo segundo decêndio de 2017, quando a capital recebeu R$ 7.278.057,004 de FPM.

Já em relação ao Rio Grande do Norte, a STN informa que a cota do Estado para o segundo decêndio de junho será de R$ R$ 56.128.830,00 , enquanto os dois maiores municípios do interior – Mossoró e Parnamirim, receberão R$ 1.607.101,35 e Assú receberá R$ 555.024,77 de FPM.

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: