Papa Francisco pede reconciliação entre as Coreias

Papa Francisco

O papa Francisco pediu neste sábado, 2, a uma delegação de líderes religiosos sul-coreanos que promovam a reconciliação e rechacem a violência e o medo, em meio à tensão na Península das Coreias. Representantes de diversas religiões se encontraram com o pontífice no Vaticano e ouviram um discurso no qual Francisco disse que eles deveriam começar a “arregaçar as mangas”.

“Líderes religiosos são chamados para iniciar, promover e acompanhar processos pelo bem-estar e pela reconciliação de todas as pessoas”, disse o papa a uma delegação de 20 pessoas. “Somos chamados para sermos os arautos da paz, proclamando e incorporando um estilo não violento, um estilo de paz, com palavras claramente diferentes daquelas da narrativa do medo, e com gestos que se opõem à retórica do ódio.”

Leia maisPapa Francisco pede reconciliação entre as Coreias

UFRN e Ministério Público discutem parcerias

Resultado de imagem para UFRN e Ministério Público discutem parcerias

Parcerias entre Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e Ministério Público do RN (MPRN) foram discutidas em reunião nesta sexta-feira, 1º de setembro, na Reitoria da UFRN. O procurador-chefe do MPRN, Eudo Rodrigues Leite, apresentou à reitora Angela Maria Paiva Cruz solicitações de apoio para realizar pesquisa de satisfação com a comunidade universitária e aprimorar o sistema de Tecnologia da Informação (TI) do ministério, bem como demonstrou interesse em aderir aos programas de residência jurídica e TI

A modernização das tecnologias do MPRN acontecerá por meio de cooperação com o Instituto Metrópole Digital (IMD), onde serão desenvolvidas as soluções tecnológicas necessárias. Já a pesquisa de imagem e satisfação sobre o serviço do Ministério Público acontecerá em três pontos distintos da UFRN, com data a ser definida. Outro ponto levantado foi a criação de estágios, proposta recebida com entusiasmo pela reitora, que se colocou à disposição para novas parcerias entre as instituições.

TRT instala as 12ª e 13ª Varas do Trabalho de Natal

Resultado de imagem para TRT instala as 12ª e 13ª Varas do Trabalho de Natal

A presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN), desembargadora Auxiliadora Rodrigues, instalou nesta sexta-feira (1), as 12ª e 13ª Varas do Trabalho de Natal.

A solenidade ocorreu no hall de acesso às varas, no segundo andar do Fórum Trabalhista da capital e contou com a presença de magistrados, diretores e servidores do tribunal, advogados, representantes do Ministério Público do Trabalho e familiares.

Nova titular da 12ª Vara do Trabalho de Natal, a juíza Lilian Matos Matos Pessoa da Cunha Lima destacou que as duas varas chegam imbuídas do desejo de contribuir ativamente para a “satisfação das expectativas de todos que, de alguma maneira, estarão vinculadas a elas”.

Lilian Matos reafirmou seu compromisso de dar o melhor de si para a 12ª Vara, destacando, para tanto, a honrada colaboração do juiz José Maurício Pontes Júnior como seu auxiliar.

Leia maisTRT instala as 12ª e 13ª Varas do Trabalho de Natal

Joesley chama Temer de ‘ladrão geral da República’

Em resposta à nota divulgada na noite de ontem pelo Palácio do Planalto, o empresário Joesley Batista, da JBS, chamou o presidente Michel Temer de “ladrão geral da República”. Também por meio de nota, o empresário disse que Temer envergonha o país e pede que ele respeite o instituto da delação premiada.

Em delação, Joesley acusou Temer de se beneficiar de esquema de pagamento de propina e ainda concordar com ajuda financeira para manter o operador Lúcio Funaro em silêncio.

“A colaboração premiada é por lei um direito que o senhor presidente da República tem por dever respeitar. Atacar os colaboradores mostra no mínimo a incapacidade do senhor Michel Temer de oferecer defesa dos crimes que comete. Michel, que se torna ladrão geral da República, envergonha todos nós brasileiros”, diz o empresário, por nota. As informações são de O Globo.

Leia maisJoesley chama Temer de ‘ladrão geral da República’

Além de Temer, delação de Funaro vai atingir ex-ministros Geddel e Henrique Alves

Além de complicar a situação do presidente Michel Temer, a delação do doleiro Lúcio Bolonha Funaro deve atingir pelo menos 20 políticos vinculados ao ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Entre os principais alvos, estão os ex-ministros Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) e Henrique Eduardo Alves (Turismo), dois dos mais próximos aliados de Temer. Funaro indicou contas bancárias na quais teriam sido depositadas propinas para os dois ex-ministros supostamente a mando de Cunha.

O caso de Geddel, um dos dois ministros mais fortes na primeira fase do governo Temer, é o mais detalhado. Num dos depoimentos da delação premiada, Funaro explicou de onde tirou e como fez o dinheiro chegar a Geddel. Indica viagens e até o número de voos que usou para se encontrar com o ex-ministro na Bahia. Declarações preliminares do doleiro, antes mesmo do início das negociações para a colaboração, já levaram Geddel à cadeia. O ex-ministro está hoje em prisão domiciliar em Salvador.

Funaro relatou também que fez pagamentos a mando de Eduardo Cunha a pelo menos mais 18 políticos, a maioria da base governista na Câmara. Cunha indicaria onde buscar ou de quem receber o dinheiro e para quem os subornos deveriam ser repassados. A compra de parlamentares fazia parte do projeto político de Cunha. Depois de passar pela liderança do PMDB, Cunha chegou à presidência da Câmara e, a partir dali, começou a almejar a Presidência da República. O projeto desmoronou depois da descoberta de conta de offshore em nome dele na Suíça. As informações são de O Globo.

Leia maisAlém de Temer, delação de Funaro vai atingir ex-ministros Geddel e Henrique Alves

Ministro da Justiça quer trocar direção da PF até outubro

BRASILIA,DF, BRASIL, 28-03-2013: Diretor Geral da Polícia Federal, Leandro Daiello Coimbra, em seu gabinete na sede da Polícia Federal em Brasília. ***ENTREVISTA EXCLUSIVA*** (Foto: Sergio Lima/Folhapress, PODER)

Leandro Daiello, diretor-geral da Polícia Federal desde 2011

O ministro da Justiça, Torquato Jardim, planeja trocar o comando da Polícia Federal em breve, segundo apurou a Folha. Diretor-geral do órgão desde janeiro de 2011, Leandro Daiello já avisou o governo que quer sair e participa das conversas para encontrar um substituto.

O nome que aparece mais forte no momento é o de Rogério Galloro. Número dois da PF, ele ocupa o cargo de diretor-executivo desde junho de 2013 e tem currículo mais ligado às questões administrativas.

A expectativa é que a troca ocorra até o mês de outubro. A decisão, no entanto, ainda passará pelo presidente Michel Temer.

Dos dois lados, ministério e PF, a preocupação é de tentar não passar a imagem de que uma troca no comando da polícia vai ocorrer para abafar grandes operações, em especial a Lava Jato.

Outra estratégia é esperar a saída do procurador-geral, Rodrigo Janot, do cargo, em 17 de setembro. O Planalto não quer tirar Daiello ao mesmo tempo para desvincular as duas mudanças e não expor o atual diretor-geral. As informações são de CAMILA MATTOSO, Folha de São Paulo.

Leia maisMinistro da Justiça quer trocar direção da PF até outubro

Prefiro Alckmin a Bolsonaro ou João Doria em 2018, afirma Dilma

Rio de Janeiro, Rj, BRASIL. 31/08/2017; Entrevista com ex-presidente Dilma Rousseff. ( Foto: Ricardo Borges/Folhapress)

Um ano depois de ser afastada definitivamente da Presidência, Dilma Rousseff afirmou à Folha que o impeachment foi aprovado com base em argumentos “ridículos”. Ela continua a chamar o processo de “golpe”, mas reconheceu que seu governo “perdeu a batalha do convencimento” quando buscava saídas para a crise econômica.

Ao analisar a disputa de 2018, Dilma, 69, disse que prefere ver o PT enfrentar o tucano Geraldo Alckmin a Jair Bolsonaro ou João Doria, a quem chama de “inconsistente”. Bem-humorada, a ex-presidente disse que quer assistir ao filme “Polícia Federal – A Lei é Para Todos”, baseado na Lava Jato. “Acho que uma boa comédia é imperdível. Especialmente quando não queria ser comédia”, provocou.

Ela também ironizou a presença de André Fufuca (PP-MA) como presidente interino da Câmara: “O Fufuca é a piada pronta daquele local”.

Folha – Seu afastamento definitivo fez um ano. Como a sra. vê o impeachment hoje?

Dilma Rousseff – Não mediram as consequências de tirar uma presidente eleita sabendo que não havia crime de responsabilidade. É ridícula essa pedalada, principalmente nos dias que correm. Estão indo para um deficit de
R$ 180 bilhões. Eles não fugirão de aumentar impostos.

Qual era a versão? Me tira, e a fadinha da expectativa trará o investimento estrangeiro de volta. A crise de confiança desaparecerá. Era uma discussão primária, com aquele pato amarelo na rua. Isso mostra a pouca seriedade do processo. As informações são de BERNARDO MELLO FRANCO, Folha de São Paulo.

Leia maisPrefiro Alckmin a Bolsonaro ou João Doria em 2018, afirma Dilma

Vereadora Fabielle Bezerra destaca a necessidade de atender aos anseios da população de Assu, que clama por segurança

Foi realizada, na manhã de ontem, sexta feira (01), uma audiência pública sobre a segurança do município de Assu na Câmara Municipal. No momento a vereadora Fabielle Bezerra se fez presente e destacou a necessidade de atender aos anseios da população de Assu, que clama por segurança.

A vereadora sugeriu que seja reativado os plantões da delegacia, a possibilidade de reativar o posto policial de Panon, instalando câmeras de monitoramento, segundo a vereadora, foi observada a eficácia desse sistema, diante de um crime que foi solucionado na cidade, buscando aumentar o efetivo e dando maior condições de trabalho aos policiais.

Na ocasião esteve presente a titular da secretaria de segurança pública do RN, Delegada Sheila Freitas, representantes das policias Civil e Militar. A audiência pública teve como finalidade debater a atual situação da segurança pública na cidade, bem como fortalecer parcerias entre os poderes, obter propostas relacionadas ao tema, provocar o debate e promover o interesse de todos os segmentos da sociedade na melhoria da oferta de segurança na cidade de Assu.

Assessoria de Imprensa da vereador FB.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: