Nélter Queiroz cobra mais segurança e melhores estradas no Vale do Açu

Resultado de imagem para nelter

O deputado estadual do PMDB, Nélter Queiroz, fez hoje na Assembléia, um apelo ao Governo do Estado para que invista no combate à criminalidade. Nelter Queiroz citou recentes crimes ocorridos no Vale do Açu, com assassinatos e chacinas. “É um absurdo o crescimento destes crimes. As pessoas estão em suas casas e de uma hora para outra a bandidagem invade seus lares. Peço à Secretaria de Segurança, ao Governador e à Polícia Civil urgência para mobilizar a justiça e o Ministério Público, a fim de evitar esses crimes absurdos”.

Outro problema citado pelo deputado foi a questão da má conservação das estradas. Nelter criticou o governo anterior pela utilização de recursos enviados para a recuperação de estradas em outra finalidade. “O Estado ficou inadimplente porque o dinheiro foi usado em outra finalidade, piorando uma situação que se arrasta há muito tempo”, contestou.

Janot pede condenação de deputado que tatuou Temer no ombro

O deputado que virou destaque por ter tatuado o nome do presidente Michel Temer em seu ombro é alvo de pedido de condenação no Supremo Tribunal Federal (STF) por peculato (apropriação, por parte de um funcionário público, de um bem a que ele tenha acesso por causa do cargo que ocupa). Wladimir Costa (SD-PA) é acusado pela Procuradoria-Geral da República de ter ficado com dinheiro recebido como salário por servidores “fantasmas” de seu gabinete.

A informação é do jornal O Globo. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, reiterou o pedido de condenação na última sexta-feira (28). Curiosamente, o mesmo dia em que Wladimir disse ter feito a tatuagem. Cabe agora a manifestação final da defesa para que os ministros julguem o parlamentar.

Como mostra a nova edição da Revista Congresso em Foco, o deputado paraense é réu em duas ações penais (528 e 964) e investigado em dois inquéritos, por peculato, tráfico de influência, crime contra a liberdade pessoal e ameaça.

De acordo com O Globo, o processo é baseado em denúncia feita por um ex-funcionário de Wladimir, que trabalhou como cinegrafista no programa de televisão dele e foi registrado como funcionário da Câmara. Ainda segundo o jornal, o Ministério Público afirma que o deputado e um irmão ficaram com o salário de três pessoas que recebiam como funcionários de seu gabinete sem trabalhar, entre 2003 e 2005. O autor da denúncia disse que entregava o dinheiro para o irmão do parlamentar e recebia de volta R$ 500, seu salário como cinegrafista.

Leia maisJanot pede condenação de deputado que tatuou Temer no ombro

Ministério Público do RN adere à campanha Agosto Lilás

Ações integradas têm objetivo de conscientizar população sobre a questão da violência contra a mulher

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) aderiu à campanha Agosto Lilás, lançada pela Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres (SPM). A inciativa consiste na promoção de eventos e ações a serem desenvolvidos pela SPM e parceiros, para conscientizar a população sobre os tipos de violência doméstica, os direitos das mulheres, divulgar ações em prol da igualdade de gêneros e somar forças no combate à violência contra a mulher. A campanha também marca os 11 anos de vigência da Lei Maria da Penha.

De acordo com dados da SPM, no Brasil a cada dois minutos, cinco mulheres são espancadas; a cada quatro horas, uma mulher é assassinada; uma em cada três mulheres já sofreu violência e seis a cada 10 pessoas conhece uma mulher que já foi vítima de violência.

Leia maisMinistério Público do RN adere à campanha Agosto Lilás

Nélter Queiroz protesta contra fechamento de cartórios eleitorais no Seridó

Resultado de imagem para nelter queiroz

No seu pronunciamento durante a sessão plenária desta terça-feira (1), o deputado Nelter Queiroz (PMDB) questionou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pelo rezoneamento eleitoral que está sendo feito, provocando o fechamento de zonas eleitorais no interior. No caso do Rio Grande do Norte, já atingiu os municípios de Jardim de Piranhas, São Fernando e Timbaúba dos Batistas.

“Isso é um absurdo, prejudicando a população. As demandas desses municípios terão que ser resolvidas em Caicó, penalizando os munícipes. Estamos retroagindo há 30 anos”, critica Nelter.

O deputado afirmou que as medidas atingem a população mais simples. “Está acontecendo o que já houve no município de São Rafael e em outras cidades. Quando iremos ver os juízes e promotores sendo penalizados? É só o povo quem está sendo”, argumenta.

A medida do TSE está em andamento nas capitais e deve excluir pelo menos 72 zonas eleitorais. O Tribunal justifica que o trabalho será aprimorado, gerando redução dos custos e melhorando o atendimento ao eleitor. De acordo com o critério adotado, o município do interior de cada estado que tiver mais de uma zona eleitoral só poderá manter as duas unidades caso o quantitativo de eleitores da cidade seja maior que 70 mil por zona eleitoral.

George Soares recebeu mais de R$ 15 mil de ‘ajuda de custo’ este ano

Resultado de imagem para george soares deputado

Com um salário de R$ 25.322,25 mensal, o deputado estadual George Soares, do PR, além das mordomias para distribuir dezenas de cargos comissionados entre seus afilhados e apadrinhados políticos, vem se destacando como um dos parlamentares da Assembléia Legislativa do RN que mais recebeu este ano, a famosa ajuda de custo para viajar ás custas do dinheiro do povo.

No total, George Soares, recebeu de janeiro até junho de 2017, mais de R$ 15 mil como ajuda de custo para viajar ás custas do dinheiro do contribuinte do Rio Grande do Norte. Sem nenhuma vergonha na cara, George não tem coragem de meter a mão no bolso para pagar essas viagens de origem duvidosas para tratar de assuntos de interesse da população.

Papa pede aos jovens brasileiros que lutem contra a corrupção

O Papa Francisco pediu para que os jovens brasileiros combatam a corrupção e não tenham “medo” de lutar. O apelo foi feito em mensagem enviada aos participantes de um evento organizado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil para comemorar os 300 anos da aparição da Virgem Maria no Rio Paraíba do Sul, em São Paulo, às vésperas da votação pela Câmara dos Deputados sobre a aceitação ou não de denúncia contra o presidente, Michel Temer.

“Vocês são a esperança do Brasil e do mundo, não tenham medo de combater a corrupção”, afirmou o Pontífice, informa a agência ANSA. Francisco também agradeceu aos jovens pelos testemunhos de fé e zelo com que enfrentam as dificuldades diárias.

“Caros amigos, em meio às incertezas e inseguranças de cada dia, em meio à precariedade que as situações de injustiça criam ao redor de vocês, tenham uma certeza: Maria é um sinal de esperança que lhes animará com um grande impulso missionário”, afirmou o Papa argentino. “Ela conhece os desafios em que vocês vivem. Com sua atenção e acompanhamento maternos, lhes fará perceber que não estão sozinhos”.

Leia maisPapa pede aos jovens brasileiros que lutem contra a corrupção

Supremo decide se mantém prisão de procurador delatado pela JBS

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) deve julgar nesta terça-feira (1º) o pedido de liberdade feito pela defesa do procurador da República Ângelo Goulart Villela, preso pela Polícia Federal (PF), em maio, a partir das investigações envolvendo as delações da JBS. A sessão está prevista para as 14h.

No recurso, a defesa de Villela pede que a prisão por tempo indeterminado, decretada pelo ministro Edson Fachin, relator do caso, seja substituída por outras medidas cautelares, como prisão domiciliar e proibição de viajar para o exterior sem comunicar a Justiça. Além de Fachin, compõem a Segunda Turma os ministros Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Dias Toffoli e Celso de Mello.

De acordo com as investigações, Villela atuava como informante do empresário Joesley Batista, dono e um dos delatores da JBS, nas investigações que envolvem a empresa na Justiça Federal em troca de recebimento de R$ 50 mil mensais.

Leia maisSupremo decide se mantém prisão de procurador delatado pela JBS

Prisão de Aécio é ‘medida imprescindível e urgente’, diz Janot

Em um recurso apresentado no Supremo Tribunal Federal nesta segunda-feira (31), a Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu, pela terceira vez, a prisão do senador Aécio Neves (PSDB-MG), no curso da investigação aberta contra o tucano a partir das delações do Grupo J&F, que controla a JBS.

“O recolhimento provisório de Aécio Neves à prisão é medida imprescindível e urgente, não apenas para preservar a ordem pública e a instrução criminal das investigações em curso, mas também por ‘descumpimento de qualquer das obrigações impostas por força de outras medidas cautelares’”, afirmou o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no agravo regimental.

O tucano foi suspenso das atividades parlamentares em maio pelo ministro Edson Fachin, que negou na oportunidade prender o senador. No fim de junho, o ministro Marco Aurélio Mello, que assumiu a relatoria do caso, também negou pedido de prisão e decidiu, por outro lado, suspender a restrição que havia sido imposta e devolver Aécio ao Senado. A PGR recorre agora dessa decisão.

O novo pedido já se encontra no gabinete do ministro Marco Aurélio Mello. O Broadcast Político apurou que o ministro deverá manter a decisão, pedir a manifestação da defesa de Aécio Neves e, em seguida, levar o recurso para julgamento pela Primeira Turma do STF, que conta também com os ministros Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux.

Leia maisPrisão de Aécio é ‘medida imprescindível e urgente’, diz Janot

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: