Eunício Oliveira continua internado em Brasília

Presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE)

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), permanece internado nesta sexta-feira (28), no Hospital Santa Lúcia, em Brasília, em observação na unidade de tratamento intensivo (UTI). O senador foi hospitalizado na madrugada de quinta (27) depois de sofrer um desmaio.

De acordo com o último boletim médico, divulgado na noite de quinta, há perspectiva de alta da UTI ainda na manhã desta sexta-feira. O senador apresenta “bom estado geral e com melhora gradativa do quadro clínico”, segundo informações do hospital. Eunício Oliveira está “consciente, orientado e já caminha sozinho”, diz o boletim.

Operação da PF mira pessoas ligadas a Renan Calheiros

Brasilia,DF,Brasil 13.12.2016 O presidente do Senado, Renan Calheiros, comanda sessao de votacao de segundo turno da PEC 55, que trata do teto de gastos. Foto: Alan Marques/Folhapress cod 0619

Por Bela Megale – Folha de São Paulo

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira (28) a operação Satélites 2, que foca, assim como a Satélites 1, pessoas que tinham relacionamentos com políticos que estão sob investigação.

Os mandados, de busca e apreensão, foram autorizados pelo ministro Edson Fachin, que é relator da Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal), e a ação é derivada da delação premiada do ex-diretor da Transpetro Sergio Machado, um dos colaboradores da Lava Jato, e de mais dois empresários.

Entre os alvos estão investigados ligados ao senador Renan Calheiros (PMDB-AL) e a outros políticos.

São alvos de busca endereços ligados ao advogado Bruno Mendes, que já foi assessor parlamentar de Renan no Senado.

Leia maisOperação da PF mira pessoas ligadas a Renan Calheiros

Foro e lei do abuso devem ‘desacelerar’ na Câmara

Vazio. Rodrigo Maia (primeiro da fila) deixa plenário da Câmara, seguido de deputados, após sessão sem quórum, ontem

Recém-aprovados no Senado, projetos não serão priorizados pelos deputados

Isadora Peron e Daiene Cardoso, O Estado de S.Paulo

Após votação expressa no Senado, nesta quarta-feira, 26, o projeto de lei sobre abuso de autoridade não deve tramitar com a mesma celeridade na Câmara dos Deputados. A avaliação de líderes ouvidos pelo Estado é de que a prioridade da Câmara será aprovar a reforma da Previdência. “Estamos muito focados na reforma, não há espaço para outros temas”, disse o líder do governo no Congresso, deputado André Moura (PSC-SE).

Deputados argumentam que, por se tratar de um assunto muito delicado, a discussão da proposta poderia atrapalhar a formação de consenso em torno do texto da reforma previdenciária. Eles também temem que o debate possa aumentar a pressão e o descontentamento da população em relação à Casa.

Reservadamente, apontam ainda que, como o Senado tem mais nomes implicados na Lava Jato, a preocupação dos senadores com o projeto é maior do que a dos deputados. Ao todo, 28 dos 81 senadores estão sendo investigados.

Leia maisForo e lei do abuso devem ‘desacelerar’ na Câmara

Fazenda de R$ 68 milhões gerou comissão milionária a alvo da Operação Perfídia, diz PF

Polícia Federal

Advogada presa temporariamente na Operação Perfídia teria recebido comissão de R$ 1,5 milhão sobre negócio envolvendo propriedade rural situada no interior da Bahia

Luiz Vassallo, Fábio Fabrini e Fábio Serapi – O Estado de são Paulo

A offshore Global Recreative Sistem, com sede na Venezuela, apontada pela Polícia Federal como responsável por uma operação de US$ 5 bilhões a um banco dinamarquês no âmbito da Operação Perfídia foi utilizada para a compra de uma fazenda no interior da Bahia por R$ 68 milhões. A aquisição do imóvel, segundo relatório da Polícia Federal, rendeu uma comissão de R$ 2 milhões à advogada Cláudia Chater, presa temporariamente nesta quarta-feira, 27.

A Perfídia descobriu a movimentação de cifras bilionárias por um grupo investigado pelos crimes de lavagem de dinheiro, evasão de divisas e falsificação de documentos. O grupo atuava em prol de interesses de estrangeiros que queriam se estabelecer e fazer investimentos imobiliários no Brasil. De acordo com relatório da Polícia Federal, o ‘núcleo duro’ da organização é liderado por Cláudia Chater e familiares dela.

Leia maisFazenda de R$ 68 milhões gerou comissão milionária a alvo da Operação Perfídia, diz PF

Número de desempregados já passa de 14 milhões no Brasil

PIB do Brasil recua 3,6% em 2016

A taxa de desemprego bateu novo recorde no primeiro trimestre de 2017 e chegou a 13,7%, informou o IBGE na manhã desta sexta-feira (28). De acordo com o instituto, o desemprego já atinge 14,2 milhões de brasileiros.

O número representa uma alta de 14,9%, ou 1,8 milhão de pessoas, com relação ao período entre outubro e dezembro, quando a taxa foi de 12%.

O desemprego aumentou também na comparação anual do indicador. No trimestre encerrado em março de 2017, a taxa estava em 10,9%. Isso significa que, em um ano, mais 3,1 milhões de pessoas passaram a procurar trabalho no país.

Leia maisNúmero de desempregados já passa de 14 milhões no Brasil

Comitiva de Almino Afonso reivindica limpeza de poços e acesso a adutora do Rio Piranhas

 

Esta semana, uma comitiva de Almino Afonso, Laura Helena, a chefe de gabinete Geruza e o vereador Éder, foram recebidos na Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos pelo secretário Ivan Júnior.

Na pauta da conversa entre o secretário e a comitiva, o acesso a Adutora do Rio Piranhas e limpeza de poços no município.

Temer escala ministro da Justiça para mostrar que governo monitora atos da greve

Resultado de imagem para ministro da justiça osmar serraglio

Temer escalou o ministro da Justiça, Osmar Serraglio, para dar declarações à imprensa desde cedo. O intuito é mostrar que o governo está monitorando os atos e em contato permanente com as secretarias de segurança nos Estados e que não aceitará violência ou clima de distúrbio total.

A avaliação inicial era que os protestos seriam restritos a grupos de esquerda, mas monitoramento interno mostrou tanto uma maior mobilização nas redes sociais como um maior engajamento de centrais sindicais.

A iniciativa apontou, no entanto, que os protestos devem se concentrar nos grandes centros urbanos, tendo pouca repercussão nos municípios de médio e pequeno portes. As informações são da Folha de São Paulo.

Ivan Júnior trata de melhorias no abastecimento de água com prefeito Hudson de Santana do Seridó

O prefeito de Santana do Seridó, Hudson Pereira de Brito, do PSD, esteve esta semana com o secretário de Meio Ambiente e Recursos Hidricos Ivan Júnior para tratar de melhorias no abastecimento de água e projetos da Semarh.

Com uma extensa experiência em política, Hudson Pereira, trabalhou como Secretário Extraordinário de Relações Institucionais do Gabinete Civil do governador Robinson Faria e já exerceu o cargo de Chefe do Gabinete do deputado federal Fabio Farias, durante quatro anos.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: