fbpx

CPI da Covid: Barroso determina que PF analise provas sobre Bolsonaro

As palavras perderam o sentido no Brasil', diz Barroso após vazamento de  medida sigilosa em investigação sobre Temer | Política | G1

Decisão foi proferida depois de pedido da PGR; material aponta suspeitas de crimes envolvendo Bolsonaro e aliados, incluindo os filhos do presidente.

O ministro Luís Roberto Barroso (foto), do STF, autorizou o envio para a Polícia Federal de um conjunto de provas colhidas pela CPI da Covid sobre Jair Bolsonaro e aliados – incluindo os filhos do presidente – para que a corporação aprofunde as investigações.

A decisão foi proferida depois de pedido do procurador-geral da República, Augusto Aras.

Barroso disse que o trabalho da PGR foi dificultado pois o relatório da CPI não foi preciso em vincular as provas a condutas criminosas dos investigados.

Por isso, o procurador-geral decidiu remeter o material para uma análise da PF. Em novembro do ano passado, a PGR enviou ao Supremo pelo menos dez pedidos de providências a partir dos elementos reunidos durante as investigações da CPI da Covid.

Barroso afirmou também que é necessário“sistematizar a documentação apresentada” para pedir instauração de inquérito, arquivamento ou oferecimento de denúncia. Desta maneira, caberá à Polícia Federal fazer uma “análise mais precisa dos fatos”.

Com informações, o Antagonista

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: