‘Enem dos concursos’ terá provas para cargos federais em Natal, Mossoró, Parnamirim e Caicó

Quatro cidades do Rio Grande do Norte terão provas do Concurso Público Nacional Unificado (CPNU), que ficou conhecido como “Enem dos concursos”. Os oito editais foram publicados nesta quarta-feira (10) pelo governo federal.

As inscrições começam no próximo dia 19 de janeiro e vão até 9 de fevereiro, no site do governo federal. As provas serão aplicadas no dia 5 de maio.

O governo detalhou na tarde desta quarta-feira (10) como será o concurso. Também foram divulgados os editais, os valores das taxas de inscrição e como serão aplicadas as provas.

Estão em jogo 6.640 vagas de nível médio e superior em 21 órgãos do governo federalCom uma única taxa de inscrição, o candidato pode concorrer a vários cargos dentro da mesma área de atuação.

Os municípios potiguares que terão provas são: Natal, Mossoró, Parnamirim e Caicó. 

 

Editais

 

Os editais do concurso saíram no começo da noite, em edição extra do Diário Oficial da União (DOU). A banca responsável pelo concurso é a Fundação Cesgranrio.

São oito documentos – um para cada bloco temático (área de atuação):

Inscrição

 

As inscrições começam no próximo dia 19 e serão feitas apenas pelo site do governo federal. Os valores das taxas são de R$ 60, para concorrer a cargos de nível médio, e R$ 90, para os de nível superior.

O candidato precisa ter uma conta no Gov.br, de qualquer nível (ouro, prata ou bronze). Ele deverá escolher em qual bloco temático quer se inscrever e, depois, a quais cargos. Em seguida, ordenar a sua preferência entre os cargos e as especialidades.

Segundo o governo, o participante poderá escolher apenas um bloco temático no momento da inscrição. A aprovação ocorrerá conforme a indicação de preferência do candidato.

Poderão pedir isenção da taxa inscritos no CadÚnico, doadores de medula óssea e quem for ou já tenha sido bolsista do Prouni ou Fies. As inscrições serão realizadas de 19 de janeiro a 9 de fevereiro.

Para qual área concorrer

 

Os candidatos vão pagar uma única taxa para concorrer a quantas vagas quiserem em diferentes órgãos federais, desde que dentro de uma mesma área de atuação (o chamado “bloco temático”).

  • Confira aqui a distribuição dos cargos por bloco.

 

Do total de vagas, 5% serão reservadas para pessoas com deficiência (PCDs) e 20% para pessoas negras. Nos cargos da Funai, 30% das oportunidades serão destinadas para indígenas.

Aplicação das provas

 

O governo diz que se inspirou no Enem para fazer o modelo de provas do concurso unificado. Elas serão aplicadas no dia 5 de maio, em dois turnos:

Matutino (2h30 de prova):

  • nível superior: provas objetivas de conhecimentos gerais (20 questões) + prova discursiva de conhecimentos específicos do bloco.
  • nível médio: provas objetivas (20 questões) + redação.

 

Vespertino (3h30 de prova):

  • nível superior: provas objetivas de conhecimentos específicos (50 questões).
  • nível médio: provas objetivas (40 questões).

 

As avaliações são de caráter classificatório e eliminatório e contemplam a 1ª fase da primeira etapa do concurso unificado, que terá validade de 12 meses.

As demais fases são:

  • perícia médica (avaliação biopsicossocial) para a reserva de vagas das pessoas com deficiência;
  • procedimento de verificação da condição declarada para as pessoas negras;
  • e procedimento de verificação documental complementar para indígenas.

 

Além disso, para alguns cargos, haverá uma segunda etapa, de avaliação de títulos.

Navegue pelo mapa abaixo para ver se as provas serão aplicadas onde você mora.

Cronograma

 

  • Inscrições: 19/01 a 09/02/2024
  • Divulgação dos dados finais de inscrições: 29/02/2024
  • Divulgação dos cartões de confirmação: 29/04/2024
  • Aplicação das provas: 05/05/2024
  • Divulgação dos resultados das provas objetivas e preliminares das provas discursivas e redação: 03/06/2024
  • Divulgação final dos resultados: 30/07/2024
  • Início da convocação para posse e cursos de formação: 05/08/2024

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.