“Esquerda que milita nas pautas de gênero agride a mulher de direita”

A pré-candidata à prefeitura de São Paulo pelo Novo, Maria Helena Santos, criticou a postura de ativistas de esquerda, que intensificaram ataques a ela nas redes sociais após ela ter postado uma foto em que exibe a barriga grávida com fones de ouvido e um telefone celular com a imagem de Javier Milei, presidente da Argentina.

Na imagem, Maria Helena postou a seguinte mensagem:

“Despertando meu leãozinho: Viva a Liberdade!”

Segundo a pré-campanha de Maria Helena, depois desse post, ela recebeu vários ataques “multifacetados, incluindo críticas severas à sua saúde mental e capacidade parental”. Houve ainda, segundo o partido, “comentários inapropriados sobre seu filho não nascido, Theo.”

Quais foram os ataques da esquerda a Maria Helena Santos?

Entre os xingamentos de integrantes da esquerda, conforme o Novo, estão adjetivos como  “louca”, “desequilibrada” e “doente”. Um dos críticos de Maria Helena publicou nas redes sociais de Maria Helena a seguinte indagação: “Eu só tenho uma dúvida: quem foi o corajoso infeliz mentalmente que c… essa coisa intragável?”

“A mesma esquerda que milita nas pautas de gênero e tanto critica os preconceitos e ataques às mulheres, agride de maneira tão baixa uma mulher apenas por ser de direita. É muita hipocrisia”, disse a pré-candidata por meio de nota oficial.

Quem é a pré-candidata do Novo?

Marina é a primeira suplente para deputada federal do Novo por São Paulo e foi diretora de Desestatização do Ministério da Economia, a convite de Paulo Guedes, em 2019.

Na imagem postada e que atraiu essa atenção da esquerda, a pré-candidata fez menção ao discurso de Milei no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na qual o presidente argentino disse que “o Ocidente está em perigo porque aqueles que deveriam defender os valores do Ocidente encontram-se cooptados por uma visão do mundo que inexoravelmente leva ao socialismo e conseqüentemente à pobreza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.