fbpx

Estrada do Cajueiro sem pavimentação, acostamento e sinalização

Ponte deteriorada prejudica tráfego na região Oeste potiguar (Foto: Reprodução/Inter TV Costa Branca )

Conhecida como Estrada do Cajueiro, a BR-437, que começa na zona rural de Mossoró, no Oeste potiguar e vai até o Ceará, não possui pavimentação, acostamento e sinalização nos 32 quilômetros da rodovia que corta o RN.

A BR serve de acesso a pelo menos 15 comunidades rurais e a falta de estrutura prejudica os moradores da região e quem trafega pelo local. Um projeto licitado em 2014 e orçadado em mais de R$ 33 milhões, previa a pavimentação asfáltica e outros serviços na rodovia, mas nenhuma obra foi iniciada e a licitação foi revogada em 2016.

Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), a licitação foi revogada por não haver recursos para contratar uma empresa para executar as obras. Na época, o órgão informou que faria os serviços de conservação da estrada, para garantir o tráfego na BR, mas nenhum reparo foi realizado.

A ponte da rodovia apresenta problemas estruturais, a vegetação compromete o tráfego e as chuvas dos últimos dias fizeram buracos e poças de lama. As informações são do G1 RN.

“Desde que moro aqui, esse asfalto todo ano sai. Só promessa”, disse o motorista Irineudo da Silva.

Já a agricultora Maria do Socorro Marcolino, relata que desde criança ouve falar nas melhorias para a estrada, mas que até agora, aos 60 anos de idade, nunca viu as obras sendo executadas.

De acordo com a assessoria de imprensa do Dnit, o contrato feito para fazer a manutanção da estrada foi por meio da superintendência em Brasília, mas que a pessoa responsável ainda não foi localizada para detalhar o início das obras.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: