Galeno Torquato defende amplo debate da Reforma da Previdência

Com a decisão publicada pelo Governo Federal que prorroga até 30 de setembro o prazo para que os estados votem os projetos da Reforma da Previdência, o deputado Galeno Torquato (PSD) reafirmou nessa quinta-feira (30), durante sessão remota, o posicionamento do grupo de parlamentares da Assembleia Legislativa que defende a deliberação presencial da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) da Reforma da Previdência. Segundo ele, o grupo decidiu, de forma unânime, solicitar a retirada do projeto da pauta de votações.

“Desde o momento em que a PEC da Reforma da Previdência foi enviada a esta Casa, formou-se um grupo com onze deputados defendendo a votação presencial da matéria, e não de forma remota como deseja o Governo do Estado. Hoje pela manhã nos reunimos e apresentamos um requerimento, assinado por todos, solicitando a retirada da PEC da pauta para que, com a prorrogação do prazo, possamos discutir o projeto de forma ampla e criteriosa”, disse Galeno.

O parlamentar criticou a postura do Executivo Estadual no que considerou como “demora” para o envio do projeto à Assembleia Legislativa, tornando assim exíguo o prazo de votação até então vigente, que se encerraria nesta sexta-feira (31). “Sabemos que o governo demorou para enviar essa matéria aqui para a Casa, pois ficou esperando a aprovação da Reforma da Previdência em Brasília”, observou.

Ao final do pronunciamento, Galeno negou que o grupo fosse contrário a Reforma da Previdência e reafirmou o posicionamento em defesa da votação presencial do projeto. “Enfatizo que não somos contra a Reforma. O intuito desse grupo nunca foi bloquear a PEC, muito menos barganhar a nossa decisão por liberação de emendas. Pelo contrário, foi uma decisão solidária que busca discutir o projeto com a sociedade”, concluiu.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: