fbpx

Governadora do DF: Ibaneis foi avisado do risco de sabotagem ao nomear Torres

A governadora em exercício do Distrito Federal, Celina Leão (PP), afirmou que Ibaneis Rocha (MDB) foi avisado do risco de sabotagem ao nomear Anderson Torres como secretário de Segurança. A declaração foi dada em entrevista ao jornal O Globo. 

Talvez a boa-fé do governador o tenha colocado nessa situação, por não acreditar que poderia ser sabotado, mesmo tendo sido alertado por diversas pessoas. Ele quis nomeá-lo, apesar do pedido formal do PT para evitar. Ele [Ibaneis] dizia que Anderson havia sido secretário antes e que não houve problema. […] A minha opinião sempre foi que [a nomeação de Torres] causaria problemas tanto para ele [Ibaneis] quanto a Anderson. Mas eu não imaginava que aconteceria o que aconteceu”, afirmou Celina Leão.

Após os atos golpistas, Ibaneis foi afastado do governo do DF e Anderson Torres, preso. As medidas foram determinadas inicialmente por Alexandre de Moraes e confirmadas pelo STF depois.

Apesar de ser bolsonarista, a governadora em exercício criticou a postura do ex-presidente. Celina Leão disse que Jair Bolsonaro (PL) poderia ter evitado o cenário político atual com uma “fala firme”.

Se houvesse uma fala firme dele, não teríamos o cenário atual. Por outro lado, o movimento estava tão extremado que, talvez, a preocupação dele era perder os apoiadores se falasse. Nesse cenário, o prejuízo teria sido menor do que o prejuízo que está acontecendo agora.”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: