Governo do RN arrecadou R$ 1 bilhão a mais do que gastou, aponta Portal da Transparência

Os números frios do Portal da Transparência do Governo do RN mostram uma situação bem diferente da profunda crise financeira que o Rio Grande do Norte diz passar. Afinal, em dezembro, o Governo Fátima Bezerra (PT) arrecadou R$ 1 bilhão a mais do que gastou.

Os números acabam se contrapondo, fortemente, ao que foi pregado pelo Governo no mesmo mês. Afinal, o Poder Executivo pregava uma profunda crise financeira para conseguir aumentar a alíquota do ICMS em 2024, de 18% para 20%. A crise, inclusive, impedia pagamento de diárias de militares e a discussão de qualquer tipo de reajuste ao funcionalismo, além da quitação de dívidas aos fornecedores.

 

Ao observar o Portal da Transparência, no entanto, a informação é bem diferente de qualquer cenário de crise. Afinal, se observar as despesas em dezembro de 2023, o total soma R$ 935 milhões. A maioria com “pessoal e encargos sociais”, que somou R$ 850 milhões, mesmo o Estado tendo deixado para o início de 2024 o pagamento de parte do funcionalismo.

Por outro lado, se observar a arrecadação líquida, que foi em tese o dinheiro que “ficou” no Estado, o montante chegou a R$ 1,9 bilhão.

SUPERAVIT ANUAL

Pelo Portal da Transparência, também é possível apontar que houve um superávit no ano. Em números exatos, a arrecadação líquida chegou a R$ 17.278.347.981,13, enquanto a despesa total foi de R$ 16.517.260.156,67.

O QUE OS NÚMEROS NÃO MOSTRAM

Vale lembrar que, apesar da tranquilidade aparente, o Governo Fátima segue com dívidas milionárias aos fornecedores estaduais, um dos principais pontos criticados da atual administração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.