Governo não fará esforço para manter vetos de Lula ao PL do Veneno

governo federal não fará grandes esforços no Congresso para manter os 14 vetos de Lula ao projeto de lei que flexibiliza o uso de agrotóxicos. A proposta, sancionada pelo presidente no dia 28 de dezembro do ano passado, ganhou de ambientalistas o apelido de “PL do Veneno”.

Interlocutores de Lula afirmam que a derrubada dos vetos na primeira sessão do Congresso já está precificada e que o presidente precisava enviar uma sinalização à militância ao sancionar um projeto criticado pela esquerda.

A proposta, que tinha como relator o líder do PT no Senado, Fabiano Contarato, foi aprovada após a base governista chegar a um entendimento com a bancada ruralista. Os vetos de Lula irritaram os parlamentares ligados ao agronegócio, que acusaram o presidente de descumprir o acordo.

Lula vetou, entre outros trechos, os artigos que concentravam no Ministério da Agricultura a revisão dos riscos de agrotóxicos e que garantiam à pasta o poder para analisar alterações nos registros dos defensivos agrícolas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.