Líder do governo faz pedido que pode constranger STF e Janot

O senador Romero Jucá (PMDB-RR) em encontro empresarial em Foz do Iguaçú

Jucá, que é alvo de inquéritos da Lava Jato, tem criticado a “demora” do Judiciário em conclui-los

Por Talita Fernandes –  Folha de São Paulo

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), apresentou nesta terça-feira (6) um requerimento ao Conselho de Ética que pode gerar constrangimento ao STF (Supremo Tribunal Federal) e à PGR (Procuradoria-Geral da República).

Jucá pede que o STF envie ao Conselho a relação de todos os senadores que são alvo de procedimentos na corte, o tempo de duração dos processos, o motivo da apuração e o ministro relator de cada caso.

De acordo com o requerimento, o objetivo é dar “razoável celeridade na conclusão dos procedimentos investigatórios e processos judiciais” que envolve senadores, “a fim de esta Casa melhor apurar os fatos e responsabilidades desses parlamentares”.

Jucá, que é alvo de inquéritos da Lava Jato, tem criticado a “demora” do Judiciário em conclui-los.

Se o requerimento for aprovado pelo colegiado, isso abrirá espaço para críticas sobre o tempo de duração dos procedimentos que envolvem parlamentares.

Além disso, a medida possibilita que a comissão convide ministros e procuradores para prestar explicações sobre o andamento dos processos.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: