Maia ainda negocia acúmulo de benefícios na Previdência

Resultado de imagem para Maia ainda negocia acúmulo de benefícios na Previdência

Uma ideia é que viúvos recebam seu benefício mais 50% da pensão do companheiro morto 

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), segue negociando nos bastidores uma proposta alternativa ao limite de dois salários mínimos para o acúmulo de aposentadoria e pensão por morte, previsto na reforma da Previdência.

Uma das ideias é que a pessoa viúva siga recebendo o próprio benefício integral e mais 50% do valor da pensão do companheiro morto.

Com isso, eliminaria-se qualquer proposta de um teto imediato para o acúmulo dos benefícios, mesmo no caso de funcionários públicos, que podem ganhar até cerca de R$ 33 mil por mês.

Para diminuir os gastos ao longo do tempo, poderia ser prevista uma diminuição paulatina do valor recebido, de 10% ao ano, até que se chegasse a um teto razoável. As informações são de Mônica Bergamo – Folha de são Paulo.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: