Mais de 1,2 mil presos vão fazer a prova do Enem para pessoas privadas de liberdade no RN

Mais de 1,2 mil (1.233, ao todo) presos do Rio Grande do Norte vão fazer as provas do Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade (Enem PPL), que acontecem nesta terça (12) e quarta-feira (13) nas unidades prisionais de todo o Brasil.

Os dados são da Secretaria da Administração Penitenciária do Rio Grande do Norte (SEAP), pasta responsável pela inscrição dos candidatos no Rio Grande do Norte. As provas serão aplicadas nos próprios presídios.

Esse número faz parte do total de 82.053 inscritos em todo o território nacional, incluindo as pessoas que se encontram em situação de privação de liberdade ou socioeducativa.

Além do sistema prisional, a SEAP conseguiu incluir pela primeira vez os reeducandos da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados de Macau (APAC) nesta edição do Enem PPL.

O ambiente dos estabelecimentos prisionais foi preparado para oferecer um espaço adequado e seguro para a realização do exame pela pasta.

De acordo com a Seap, várias unidades do RN realizaram aulões preparatórios para as provas, inclusive com a participação de policiais penais como voluntários.

 

Provas

 

No primeiro dia do exame, serão aplicadas as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias. No segundo dia, serão aplicadas as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Técnicas. As provas serão aplicadas no horário vespertino.

A divulgação do resultado está prevista para o dia 16 de janeiro do próximo ano.

Os aprovados terão a oportunidade de ingressar em instituições de ensino superior por meio do Sistema de Seleção Unificado (Sisu), concorrer a bolsas do Programa Universidade Para Todos (PROUNI) e acesso a programas governamentais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.