Natal estima 1.800 pessoas afetadas por fortes chuvas e aguarda ajuda federal

Após decretar situação de emergência por 90 dias, o município espera uma ajuda federal que deve chegar até a próxima semana. A estimativa é de mais de R$ 2 milhões. A prefeitura afirma que já vem auxiliando famílias atingidas com recursos próprios.

Até a manhã desta quarta-feira (29), o município registrou 185 pessoas prejudicadas diretamente e 56 abrigadas em uma escola pública no bairro Santarém, Zona Norte da capital, uma das áreas mais afetadas. Apesar disso, o gabinete de crise acredita que 1,8 mil foram afetadas diretamente e indiretamente e vão precisar de ajuda humanitária.

Pelo menos 11 lagoas de captação transbordaram, ruas foram alagadas nas quatro zonas da cidade e a água invadiu casas entre a segunda (27) e a terça (28).

 

LEIA MAIS

 

A prefeitura decretou situação de emergência para poder tomar medidas como realocar recursos, mobilizar equipes e solicitar apoio estatal e federal. Em Brasília, o prefeito Álvaro Dias se reuniu com ministros para pedir apoio.

“A partir do sinal positivo para o prefeito, ontem, nós estamos providenciando o cadastro de todas as informações exigidas pelo governo federal no sistema da Defesa Civil Nacional. Nosso objetivo é concluir esse relatório hoje”, disse a secretária de Planejamento do município, Joanna Guerra.

A última vez que a prefeitura recebeu recursos do governo federal para ajuda humanitária foi em julho de 2022, quando a cidade também foi atingida por fortes chuvas. Na ocasião, o município recebeu cerca de R$ 2,5 milhões.

Os recursos deverão ser usados, por exemplo, na aquisição de alimentos, cobertores, entre outros insumos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.