Nelter Queiroz defende que presos façam a própria comida

O deputado Nelter Queiroz (MDB) defendeu, durante sessão ordinária desta quarta-feira (19), que os presos que fazem parte do sistema prisional do Rio Grande do Norte façam a própria comida para que o Estado possa economizar com as empresas que produzem as quentinhas.

“Isso já foi uma prática no Rio Grande do Norte durante a gestão de Leonardo Arruda como secretário de Justiça. Mas desde o Governo Rosalba que o Estado tem gastado muito com quentinhas. O governo atual precisa concluir uma licitação e otimizar esse custo”, disse Nelter.

O parlamentar também chamou a atenção para a vistoria eletrônica no Detran. De acordo com Nelter, o Rio Grande do Norte está perdendo quase R$ 14 milhões ao ano com a empresa responsável. “A empresa que faz a vistoria eletrônica no Detran cobra um valor absurdo. Desde o governo passado que existe essa licitação. O Governo do Estado já tentou derrubar uma liminar para tirar a empresa, mas não conseguiu”, alertou Nelter.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: