José Adécio divulga nota de pesar por falecimento de Wilma

O Rio Grande do Norte perdeu uma das suas filhas mais ilustres.

A partida da ex-governadora Wilma de Faria encerra uma das mais brilhantes trajetórias políticas vividas por uma mulher que, merecidamente, ganhou o título popular de “Guerreira”.

Particularmente, perdi uma amiga. Num momento tão difícil, de tanta dor para todos os que a admirarão para sempre, deixo meu abraço solidário aos familiares de Dona Wilma, principalmente à querida Márcia Maia, minha colega na Assembleia Legislativa.

Dona Wilma, siga em paz! Parabéns pelo trabalho, companheirismo, dedicação, força, determinação, coragem e amor que empregou em cada atitude.

JOSÉ ADÉCIO
Deputado

Cunha reavalia silêncio e acerta com novo advogado para buscar delação

Jonathan Campos / Gazeta do Povo/Folhapress

Antes reticente, o ex-­presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB­/RJ) abriu conversas com procuradores para fazer delação premiada e contratou advogado para liderar o processo. Se as negociações avançarem, será o tiro de misericórdia do procurador­-geral da República, Rodrigo Janot, contra o presidente Michel Temer, que cambaleou mas não caiu com a delação de Joesley Batista, um dos donos da JBS.

O novo advogado que Cunha constituiu exclusivamente para isso é o criminalista Délio Lins e Silva Júnior, que tem escritório em Brasília. “Delinho”, como é conhecido o advogado, atuou na delação de Diogo Ferreira, que era chefe de gabinete do ex­senador Delcídio do Amaral, segundo o jornal Valor Econômico.

Joesley entrega laudo feito por ex-FBI sobre gravação com Temer

Resultado de imagem para joesley

De volta ao Brasil desde domingo, o sócio da J&F Joesley Batista entregou à Procuradoria­-Geral da República (PGR) um laudo elaborado por perito forense americano, que atesta a autenticidade da gravação feita pelo empresário de conversa mantida com o presidente Michel Temer no Palácio do Jaburu.

De acordo com fonte a par do caso, trata­se de uma análise de audiometria elaborada por um ex­-integrante do FBI, a Polícia Federal americana, colaborador frequente do governo dos Estados Unidos e que atua em investigações do Departamento de Justiça americano (DoJ).

Ainda conforme essa fonte, Joesley também encomendou um segundo laudo a um reconhecido perito forense europeu. Esse laudo também já foi entregue à PGR.

Leia maisJoesley entrega laudo feito por ex-FBI sobre gravação com Temer

Janot volta a adiar entrega da denúncia contra Temer

Fellipe Sampaio/SCO/STF

O procurador-­geral da República, Rodrigo Janot, adiou mais uma vez a apresentação da denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB). Ele decidiu que entregará o pedido ao Supremo Tribunal Federal (STF)
somente na última semana de junho, possivelmente no dia 26 ou 27.

Com isso, a denúncia deve contemplar o resultado da perícia que está sendo feita pela Polícia Federal no áudio que registrou uma conversa entre Temer e o empresário Joesley Batista. O laudo do Instituto Nacional de Criminalística será concluído na semana que vem.

Temer é investigado por corrupção passiva, obstrução de Justiça e organização criminosa.

Leia maisJanot volta a adiar entrega da denúncia contra Temer

Tios do deputado George Soares e do prefeito do Assú ganham mais de R$ 16 mil como aposentados

O deputado estadual George Soares, não tem moral para condenar privilégios e mordomias no serviço público. Além de ter a sua mãe como aposentada da Assembléia Legislativa, dois tios do deputado do PR e do prefeito do Assú, Gustavo Soares, também estão aposentados e juntos ganham mais de R$ 16 mil por mês.

Paulo Roberto Macedo Montenegro e Rejane Maria Montenegro Nunes Fernandes, irmãos da mãe do deputado e do prefeito do Assú Gustavo Soares, também são aposentados na Assembléia Legislativa do RN.

Paulo Montenegro fatura R$ 5.064,47 e Rejane Montenegro, embolsa um total de R$ 11.084,67 perfazendo mais de R$ 16 mil.

Temer articulava esquemas de corrupção em favor do PMDB

AMEAÇA - O doleiro Lúcio Funaro: seu depoimento é uma amostra do estrago que ele pode causar

Depois de onze meses de prisão, doleiro começou a revelar seus segredos

Por Rodrigo Rangel –  VEJA

Há tempos o doleiro Lúcio Funaro paira como uma espada de Dâmocles sobre a cabeça de políticos de diferentes partidos. No mensalão, ele era um dos responsáveis por gerenciar uma parte do dinheiro que movia as engrenagens montadas para comprar apoio ao governo Lula no Congresso. Pilhado, fechou um acordo de delação com o Ministério Público e ajudou a pôr na cadeia figurões do PT e de outros partidos. Mas não se emendou: considerado um exímio especialista em operações de lavagem de dinheiro, o doleiro apenas atualizou a carteira de clientes, até ser fisgado de novo em 2016.

Os primeiros indícios apontavam para uma sociedade com o notório ex-depu­tado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Mas ele tinha parceiros muito mais importantes. Na semana passada, depois de onze meses de prisão, Funaro começou a revelar seus segredos. Intimado a prestar depoimento no inquérito que investiga Michel Temer, o doleiro afirmou que o presidente da República tinha pleno conhecimento de como funcionavam os esquemas de corrupção que abasteciam o cofre do PMDB.

Em outras palavras, Temer sabia que o partido financiava suas campanhas com dinheiro oriundo de propinas. Não foi a única revelação. Funaro contou também que já se encontrou pessoalmente com Michel Temer, que chegou a tratar com ele de questões referentes ao financiamento do partido. O presidente garante que nem sequer conhece Funaro.

Mãe de deputado e do prefeito do Assu, ganha mais de R$ 20 mil como secretária e aposentada

A família do deputado estadual George Soares e do prefeito do Assú Gustavo Soares, é “fominha’ por dinheiro público.

Apesar de aposentada na Assembléia Legislativa com salário superior a R$ 13 mil mensal, o prefeito Gustavo Soares, empregou a mãe como secretária da Prefeitura do Assú ganhando R$ 7 mil por mês, totalizando assim, mais de R$ 20 mil.

Com o gesto generoso, Gustavo acabou engordando a conta bancária da oligarquia Soares/Montenegro.

Reforma política elevaria a R$ 3 bi verba de campanha

BRASILIA, DF, 07/05/2015 - Reunião Ordinária. Dep. Vicente Candido (PT-SP). Credito: Lucio Bernardo Jr. / Câmara dos Deputados ***DIREITOS RESERVADOS. NÃO PUBLICAR SEM AUTORIZAÇÃO DO DETENTOR DOS DIREITOS AUTORAIS E DE IMAGEM***

Tratada até há pouco como importante medida de superação de vícios da administração pública brasileira, a reforma política está escanteada no Congresso e pode se resumir, na essência, a um ponto: a criação de um fundo público de campanha de pelo menos R$ 3 bilhões, segundo a Folha de São Paulo.

A crise que se abateu sobre Michel Temer levou o governo a priorizar a tentativa de manter o presidente no cargo. O teste prático se dará na autorização ou não, pelo plenário da Câmara, para que o Judiciário dê sequência à provável denúncia criminal contra o peemedebista.

Em segundo plano estão as reformas da Previdência e trabalhista, também afetadas pelos desdobramentos da delação da JBS. Já a reforma política está estacionada e vê o seu conteúdo ser desidratado a cada dia.

A parte principal do relatório do deputado Vicente Cândido (PT-SP) está há mais de dois meses pronta para ser votada, sem sucesso. Há mais de 15 dias a comissão especial que debate o assunto não consegue se reunir.

Mãe do deputado George Soares ganha mais R$ 13 mil da Assembléia como aposentada

Rizza Maria Macedo Montenegro, mãe do deputado estadual George Soares e do prefeito do Assú Gustavo Soares, ganha uma fortuna como aposentada da Assembléia Legislativa do RN.

Em meio ao debate sobre a reforma da Previdência para acabar com os privilégios e benesses, ela recebe um salário básico de R$ 7.721,12 e mais R$ 5.357,91 de outras vantagens, totalizando R$ 13.097,03.

Ex-vereador ‘Gordo do Baldum’ chama prefeito de Ipanguaçu de ladrão do SUS

O atual prefeito de Ipanguaçu Valderedo Bertoldo, do PSDB, foi acusado pelo ex-vereador Jaíres Azevedo, o “Gordo do Baldum”, de roubar o Sistema Único de Saúde – SUS, durante desabafo em comício na campanha eleitoral do ano passado, na comunidade rural de Baldum.

Segundo o ex-vereador, o atual prefeito Valderedo responde a processo na Justiça movido pelo Ministério Público por causa do mal feito.

No seu discurso na época, Jaíres também acusou o ex-secretário de Saúde e atual secretário Municipal de Planejamento e Administração Thales Praxedes, de ‘sujo’ e acrescentou que ele responde a processo por ter distribuído remédio vencido para os pacientes. Veja vídeo em que vereador faz as graves acusações contra o prefeito e o secretário.

Maia trava pedidos de impeachment contra Temer

Dos 23 pedidos protocolados, apenas um foi arquivado; 19 têm relação com delação da JBS e a oposição promete ir ao STF

Um mês após a apresentação de vários pedidos de impeachment contra o presidente Michel Temer a partir da divulgação da delação da JBS, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), ainda não se posicionou sobre nenhum deles. A oposição cobra uma resposta de Maia, que é o responsável por dar continuidade ou arquivar os pedidos, e já promete inclusive ir ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Dos 23 pedidos de impeachment já apresentados contra Temer desde o início de seu governo, apenas um foi arquivado. Dos outros, 19 são relacionados à delação da JBS e três haviam sido apresentados após a saída de Geddel Vieira Lima da Secretaria de Governo, em novembro, segundo informações de O Globo.

Segundo aliados, Maia vai aguardar a apreciação da Câmara sobre a denúncia que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, deve apresentar na próxima semana contra Temer para se pronunciar sobre os pedidos de impeachment. De acordo com um interlocutor, Maia espera que a denúncia seja recusada e quer ter esse argumento para poder negar a tramitação dos pedidos.

Funaro afirma à Polícia Federal que Temer sabia de pagamentos ilegais

Em depoimento prestado na quarta-feira à Polícia Federal, o doleiro Lúcio Bolonha Funaro reconheceu ter operado caixa dois do PMDB e fez acusações ao presidente Michel Temer. Segundo uma pessoa com acesso ao interrogatório, o doleiro sustentou que Temer, que presidiu o PMDB de 2001 a 2016, tinha conhecimento de doações ilícitas de campanha feitas à legenda. A fonte, porém, não detalhou o grau de conhecimento de Temer sobre essas doações.

Procurada pelo GLOBO, a assessoria do presidente Michel Temer negou em nota ter tido conhecimento de financiamento ilegal de campanha para a sigla. “O presidente Michel Temer somente tinha conhecimento de doações legais ao partido”, informa a nota.

Ao longo de quatro horas, o doleiro falou também sobre como funcionavam nomeações a cargos públicos articuladas pelo PMDB e associadas a desvios de recursos.

Leia maisFunaro afirma à Polícia Federal que Temer sabia de pagamentos ilegais

Jornalista Alexandre Garcia também é insultado em voo por militante

O jornalista Alexandre Garcia, da TV Globo e colunista da Rádio Eldorado, do Grupo Estado, passou por experiência semelhante à da também jornalista Míriam Leitão. Ele foi insultado, nesta quinta-feira, por um militante de esquerda antes de embarcar e durante um voo da Gol entre Brasília e Cofins, em Minas.

Imagens gravadas pelo rapaz e divulgadas nas redes sociais mostram que os ataques verbais ao jornalista começaram já na fila de embarque e seguiram até dentro do avião. “Golpista! Vai ter Mimimiriam Leitão. Alexandre, você também vai soltar notinha se vitimizando igual à Miriam Leitão? Vocês que incentivam o ódio contra o PT, o PCdoB, contra a esquerda, vai ter mimimi também?”, gritava o rapaz.

Garcia, que não respondeu às provocações, afirmou que o piloto disse que poderia tirar o rapaz do voo, mas que ele próprio não permitiu. “Não deixei e posso dizer que esse rapaz voou graças a mim. Me deu um poder que eu não tenho. Não dei muita importância”, afirmou ao Estado.

Pelo menos 8 Estados dão privilégio para a aposentadoria de políticos

Câmara dos Deputados

Deputados estaduais de RS , CE e SE ainda contam com regras específicas de Previdência; PA, BA, MT, MG e RJ estão extinguindo institutos de Previdência e, sem transição, permanecem as regras atuais, mais generosas

Anunciada como uma medida para acabar com privilégios, a reforma da Previdência pode deixar um rastro de benesses para deputados da ativa e aposentados de ao menos oito Estados, caso não haja mudanças em regimes especiais de aposentadoria.

A proposta do governo do presidente Michel Temer, se aprovada apesar da crise política, não tem alcance para promover alterações nesses institutos, o que deixa os parlamentares vinculados a esses regimes em situação mais vantajosa do que os demais brasileiros.

De forma geral, esses parlamentares podem se aposentar a partir dos 60 anos e com o último salário na função de deputado estadual, que é de R$ 25.322,25.

Leia maisPelo menos 8 Estados dão privilégio para a aposentadoria de políticos

“Guerreira” Wilma de Faria perde a luta contra o câncer

Resultado de imagem para wilma de faria

Morreu na noite de ontem (15), aproximadamente as 23:40hs, a ex-governadora Wilma de Faria, no Hospital São Lucas, em Natal.

A atual vereadora de Natal, conhecida popularmente por “Guerreira” não resistiu a luta contra o câncer e deixou quatro filhos Marcia, Lauro, Cintia e Ana.

O corpo será velado no Palácio da Cultura, na Praça 7 de Setembro, já o sepultamento será no Cemitério Morada da Paz, em Emaús. Os horários ainda não foram confirmados.

%d blogueiros gostam disto: