Alckmin diz que FH e Tasso são nomes do PSDB para eleição indireta

Um dia depois de uma reunião com caciques do PSDB no apartamento do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, disse nesta sexta-feira que os nomes do partido para uma eleição indireta à Presidência são FH e o presidente interino do PSDB, senador Tasso Jereissati. Alckmin descartou que ele seja uma opção para o mandato tampão até 2018 no caso de uma saída do presidente Michel Temer.

— Quero antecipar que nesta hipótese eu não sou candidato a nenhuma eleição indireta e os dois grandes nomes são o presidente Fernando Henrique e o Tasso Jereissati — afirmou o governador.

Ontem FH, Alckmin, Tasso e o prefeito de São Paulo, João Doria, estiveram reunidos por quase três horas para discutir os cenários para um desfecho da crise política. Tasso deixou a reunião defendendo que o PSDB não tomará nenhuma decisão sobre deixar o governo Temer até o julgamento da chapa Dilma/Temer pelo Tribunal Superior Eleitoral previsto para 6 de junho.

Leia maisAlckmin diz que FH e Tasso são nomes do PSDB para eleição indireta

Delegado da PF critica redução de equipe da Lava-Jato

O delegado Igor Romário de Paula, que coordena a operação Lava-Jato no Paraná, criticou a redução na equipe na Polícia Federal (PF), que recentemente sofreu corte de seis para quatro delegados.

— É uma dificuldade operacional mesmo que a gente vai ter que superar, senão o prejuízo no trabalho vai ser concreto — afirmou, durante coletiva da 41ª fase da operação, batizada “Poço Seco”, que mira o banqueiro José Augusto Ferreira e o ex-gerente da Petrobras Pedro Augusto Cortes Xavier Bastos.

— Com o número que a gente tem hoje, é muito difícil dar continuidade ao trabalho da forma satisfatória como sempre foi — continuou o delegado.

Atualmente, segundo ele, são 120 procedimentos instaurados na PF em Curitiba. O procurador Carlos Fernando Santos Lima, integrante da força-tarefa da Lava-Jato no Ministério Público Federal (MPF), também criticou os cortes na PF. As informações são de O Globo.

Leia maisDelegado da PF critica redução de equipe da Lava-Jato

Gilmar Mendes defende que homologação de delação da JBS seja levada a plenário

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes defendeu nesta sexta-feira que a homologação das delações dos donos da JBS, Joesley e Wesley Batista, seja submetida ao plenário. Gilmar ressaltou que a lei determina caber ao juiz a homologação, mas que em caso de tribunais colegiados isso deveria ser submetido aos demais ministros, segundo informação de O Globo.

– Eu tenho a impressão de que nós vamos ter que discutir esse tema da homologação. Eu já tinha discutido com o ministro Teori (Zavascki) no sentido de que essa matéria fosse discutida pela turma. Porque o que a lei diz? Que o juiz é quem homologa, mas o juiz aqui não é o relator. Quando se trata de tribunal, é o próprio órgão. Ele pode até fazer a homologação prévia, mas sujeita a referendo – disse antes de completar.

Leia maisGilmar Mendes defende que homologação de delação da JBS seja levada a plenário

COMBATE À SECA Com emenda de Fábio Faria, Alexandria ganhará mais cinco barragens submersas

Parlamentar destinou emenda de R$ 210 mil para construção dos reservatórios subterrâneos; recursos estão assegurados pelo Ministério da Integração Nacional

Uma das soluções para amenizar os efeitos da seca é a construção de barragens submersas, estruturas que acumulam água no subsolo e tornam-se importantes reservatórios durante o longo período de estiagem. Alexandria, um dos municípios potiguares em situação de emergência devido à seca, será contemplada com cinco barragens do tipo – pleito solicitado pela prefeita Jeane Ferreira (PSD), através do mandato do deputado Fábio Faria (PSD), que destinou ao município uma emenda no valor de R$ 210 mil.

“O objetivo é criar reservatórios de água potável e para irrigação, garantindo a fertilidade do solo e a sobrevivência de centenas de famílias em comunidades rurais do RN”, disse Fábio Faria. Os recursos para construção dos equipamentos já estão assegurados pelo Ministério da Integração Nacional. A obra será executada pela Emater, instituto responsável há anos pelo projeto de barragens subterrâneas no Estado. “É uma ação que tem ajudado e muito os agricultores da região a conviverem com a seca”, disse a prefeita de Alexandria.

Ministério da Saúde libera R$ 370 mil para UERN e Liga Contra o Câncer

O deputado federal Walter Alves (PMDB-RN)informou que conseguiu, nesta semana, a liberação dos recursos na ordem de R$ 370 mil, através de emendas parlamentares, para a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e a Liga Norte-rio-grandense Contra o Câncer.

Os recursos estão alocados no Ministério da Saúde, já foram liberados e serão depositados nas contas bancárias das instituições em breve. O investimento tem como finalidade a compra de equipamentos médicos. A UERN receberá pouco mais de R$ 170 mil, e a Liga, R$ 200 mil através de emendas do deputado Walter Alves.

Temer percebeu que está prestes a perder o apoio dos ‘donos do PIB’

Temer durante pronunciamento no Palácio do Planalto; presidente diz, em vídeo, que país não vai parar

Os 14 milhões de desempregados agradeceriam se Temer renunciasse

Por Raquel Landim –  Folha de São Paulo

O presidente Michel Temer percebeu que está prestes a perder o único pilar de sustentação que ainda resta para o seu governo: o setor privado.

Em vídeo publicado nas redes sociais nesta quinta-feira (25), Temer diz que “o Brasil não parou e não vai parar”, uma resposta direta aos anúncios publicados nos jornais por diversas entidades patronais nos últimos dias.

Visivelmente cansado e um pouco nervoso, o presidente comemora até aprovação de medida provisória num esforço de demonstrar que ainda tem condições de governar o país.

Temer é um presidente extremamente impopular, que nunca foi a primeira alternativa dos “donos do PIB” ou do mercado financeiro. Mas vinha sendo elogiado porque conseguia aprovar as reformas. Seu principal ativo, portanto, era o domínio que exercia sobre um Congresso fisiológico.

Leia maisTemer percebeu que está prestes a perder o apoio dos ‘donos do PIB’

STJ suspende ações para fornecimento de remédios que não constam no SUS

Filas para retirada de medicamentos gratuitos na farmacia do Hospital das Clinicas, nesta quarta-feira (3)

Por Claúdia Collucci –  Folha de São Paulo

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) determinou a suspensão de todos os processos judiciais em tramitação no país que pedem o fornecimento de remédios que não estão na lista oficial do SUS.

A decisão, porém, não impede que os juízes de primeira e de segunda instância de avaliem demandas consideradas urgentes e que concedam liminares, se for o caso. Nesses casos, o paciente deve comprovar a urgência da demanda, especificando a eficácia, a efetividade, a acurácia e a segurança do medicamento pedido.

Segundo o ministro Benedito Gonçalves, autor da decisão, a ideia não é “trancar” o julgamento das ações, mas, sim, uniformizar a interpretação de temas controvertidos nos tribunais do país. A determinação, válida até que se tenha o julgamento da questão, ocorreu a partir de controvérsia entre o governo estadual e o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Leia maisSTJ suspende ações para fornecimento de remédios que não constam no SUS

Tasso vincula saída do PSDB à ação no TSE

Tasso Jereissati

Presidente interino da sigla afirma que qualquer movimentação política será feita em conjunto com Temer em caso de perda do mandato

Daniel Weterman e Pedro Venceslau, O Estado de S.Paulo

Após uma reunião de quase três horas na residência do ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso, na capital paulista, da qual participaram o governador Geraldo Alckmin e o prefeito João Doria, o presidente interino do PSDB, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), vinculou a decisão do partido sobre a permanência no governo Michel Temer (PMDB) ao julgamento da chapa Dilma-Temer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), previsto para 6 de junho.

“Nós estamos dando como uma data importante o julgamento do TSE dia 6, até o dia 6 e ver o que acontece no dia 6”, disse.

O novo dirigente tucano disse ainda que qualquer movimentação política vai passar pelo presidente Michel Temer. “Qualquer movimentaçao (em caso de eleição indireta) seria em conjunto com o presidente Temer, qualquer coisa tem que passar pelo presidente e a avaliação dele”, declarou.

Governador petista defende nome de Tasso para eventual substituição de Temer

Tasso Jereissati

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), defende o nome do presidente interino do PSDB, o senador cearense Tasso Jereissati, em caso de eleições indiretas para presidente do Brasil. “Se houver uma eleição indireta este ano e, entre os nomes que existem no Congresso Nacional, o nome de Tasso Jereissati é um dos nomes mais respeitados e para o Ceará seria muito bom”, disse Santana, durante solenidade na noite de quinta-feira, 25, nas comemorações do Dia da Indústria, em Fortaleza.

Santana já foi considerado por Tasso um governador com “jeitão tucano” e, inclusive, o petista tem em seu governo um nome do PSDB, o secretário de Planejamento e Gestão, Francisco Maia Júnior, segundo O Estado de São Paulo.

O governador cearense ensaia a saída do PT e chegou-se a especular que o PSDB seria um dos partidos possíveis para a sua ida. O senador tucano, porém, disse que não fez o convite para que Santana ingressasse na sigla, e o governador afirmou que ainda estuda a possibilidade, além de dizer que não necessariamente sua ida seria para o PSDB. Há conversações de Santana com o PSB e com o PDT.

Leia maisGovernador petista defende nome de Tasso para eventual substituição de Temer

Petrobras vai reduzir preço da gasolina

Resultado de imagem para posto de combustivel

Valor do litro cairá até R$ 0,09 na bomba

A Petrobras anunciou ontem a redução dos preços nas refinarias em 5,4% para a gasolina e em 3,5% para o diesel. Em comunicado, a estatal explicou que a concorrência com combustíveis importados motivou a redução dos preços. A Petrobras frisou ainda que os novos valores continuam com “margem positiva em relação à paridade internacional” e sinalizou que poderá aumentar a frequência dos reajustes.

“A decisão foi guiada predominantemente por um aumento significativo nas importações no último mês, o que obrigou ajustes de competitividade da Petrobras no mercado interno. Conforme princípio da política em vigor, a participação de mercado da empresa é um dos componentes de análise considerado”, diz nota da empresa.

Leia maisPetrobras vai reduzir preço da gasolina

Ação da PF investiga operações financeiras da Petrobras na África

Rio de Janeiro - RJ - Economia - 19/04/2016 - Prédio sede da Petrobras - Avenida Chile, Centro do Rio de Janeiro - Foto: Reginaldo Pimenta/Raw Image ORG XMIT: Luciano Leon *** PARCEIRO FOLHAPRESS - FOTO COM CUSTO EXTRA E CRÉDITOS OBRIGATÓRIOS ***

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta (26) a 41ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Poço Seco. Estão sendo cumpridos oito mandados de busca e apreensão, um mandado de prisão preventiva, um de prisão temporária e três de condução coercitiva nos estados do Distrito Federal, Rio de Janeiro e São Paulo.

Entre os alvos está Fernanda Luz, ligada ao lobista que atuava na Petrobras Jorge Luz. Ele está preso em Curitiba com o filho Bruno.

A ação desta sexta apura operações financeiras realizadas a partir da aquisição pela Petrobras de direitos de exploração de petróleo em Benin, na África, “com o objetivo de disponibilizar recursos para o pagamento de vantagens indevidas a ex-gerente da área de negócios internacionais da empresa”, diz nota da PF. As informações são da Folha de São Paulo.

No meio de incertezas, Tasso comanda a remontagem do PSDB

Senador Tasso Jereissati

Tucano acabou ainda se tornando uma opção de candidatura governista, caso Temer deixe a Presidência, o que obrigaria a convocação de eleições indiretas

Marcelo de Moraes, O Estado de S.Paulo

Com o governo de Michel Temer desestabilizado e com Aécio Neves fora de combate, atingidos pela delação dos executivos da JBS, coube ao experiente senador Tasso Jereissati (CE) assumir o papel central na recomposição do PSDB.

Desde a semana passada, Tasso dedica quase todo o seu tempo a essa remontagem do partido e às costuras políticas para impedir que o projeto do PSDB seja inviabilizado pelo escândalo. Mais: acabou se tornando uma opção de candidatura governista, caso Temer deixe a Presidência, o que obrigaria a convocação de eleições indiretas.

Leia maisNo meio de incertezas, Tasso comanda a remontagem do PSDB

Gilmar Mendes estuda rever prisão após segunda instância

O ministro Gilmar Mendes, durante sessão do Supremo Tribunal Federal

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes defendeu abertamente nesta semana que o tribunal reveja a decisão, de fevereiro do ano passado, que determina que a pena de prisão deve ser cumprida já a partir de confirmação de condenação em segunda instância.

Alguns ministros da Corte apontam para um meio termo entre a norma atual e a anterior, que só autorizava a prisão quando ocorresse trânsito em julgado, ou seja, quando não houvesse a possibilidade de mais nenhum recurso. Caso isso prevaleça, a prisão só ocorrerá após pronunciamento do Superior Tribunal de Justiça (STJ), o que, na prática, levaria a execução da pena para depois da terceira instância. As informações são de O Globo.

Leia maisGilmar Mendes estuda rever prisão após segunda instância

PF inicia perícia em gravadores entregues por defesa de Joesley

Joesley

O Instituto Nacional de Criminalística da Polícia Federal deu início à perícia nos gravadores entregues pela defesa de Joesley Batista (JBS), segundo reportagem do site “G1” publicada na noite desta quinta-feira (25). Material poderá servir como prova na delação premiada.

Segundo os advogados da empresa, os equipamentos entregues foram usados por Joesley para gravar o presidente Michel Temer e outros interlocutores, entre os quais o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG). O primeiro gravador foi entregue à Polícia Federal na segunda-feira (22), e o segundo, na noite de terça (23).

Segundo a PF informou ao Supremo Tribunal Federal, a perícia das conversas de Joesley com o presidente deve terminar em até 30 dias. Mas, com a prioridade dada ao assunto dentro do Instituto de Criminalística, a expectativa é que o trabalho seja concluído em 15 dias. Os laudos sobre os diálogos entre Joesley e outros interlocutores devem ser concluídos em até 60 dias.

Prefeito de Ipanguaçu ganha emprego para a filha por promessa de votos para Ricardo Motta

 

Prefeito de Ipanguaçu pega boquinha para a filha no gabinete de Ricardo Motta

Em troca do apoio eleitoral para a reeleição do deputado estadual Ricardo Motta e ao seu filho, deputado federal Rafael Motta, o prefeito de Ipanguaçu, Valderedo Bertoldo, conseguiu emprego para a sua própria filha, Lais de Freitas Bertoldo, na Assembléia Legislativa, com salário de R$ 2.371,00.

Carmén Lúcia: ‘a hora é de serenidade, calma e de cumprimento da lei’

Cármen Lúcia

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, disse a senadores de oposição que “a hora é de serenidade, de calma e de cumprimento da lei”, segundo reportagem do site “O Globo, publicada na noite desta quinta-feira (25).

O grupo foi recebido no gabinete da ministra para falar sobre a ação apresentada ao tribunal contra o decreto presidencial que autorizou o uso das Forças Armadas para reforçar a segurança em Brasília. Durante o encontro, o decreto foi revogado, mas os parlamentares aproveitaram para tratar da crise política no país.

Ainda segundo O Globo, Cármen Lúcia afirmou que o STF não é um espaço político, e sim “uma Casa em que aplicamos o direito” e e recomentou prudência e racionalidade a todos. “Ou o Brasil se salva com a Constituição, ou vamos ter mais problemas”, afirmou. Para a ministra, os agentes públicos têm uma responsabilidade para com o cidadão, “que está angustiado, sofrido, alarmado com tudo”. E concluiu: “Se não se acreditar mais nas instituições, poderemos, aí sim, ter crises institucionais sérias”.

 

Cerveró e Baiano prestam depoimento a Sergio Moro nesta sexta-feira

O ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró e os lobistas Fernando Baiano e Milton Pascowitch prestarão depoimento nesta sexta-feira para o juiz Sergio Moro em audiência na Justiça Federal de Curitiba. Os três delatores serão ouvidos na condição de testemunhas de acusação na ação penal que apura se houve pagamento de propina a Jorge Luz e seu filho, Bruno Luz, no esquema de corrupção da Petrobras.

O Ministério Público Federal diz que Jorge e Bruno, ambos apontados como operadores do PMDB, receberam vantagens indevidas na compra de dois navios-sondas pela estatal. Eles foram presos na 38ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Blackout.

Além do pai e filho, que estão presos na carceragem da Superintendência da Polícia Federal de Curitiba, há ainda outras sete pessoas citadas na denúncia do MPF. Os acusados vão responder pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. As informações são de O Globo.

%d blogueiros gostam disto: