fbpx

Petrobras retoma venda de campos terrestres no Nordeste

Resultado de imagem para Petrobras retoma venda de campos terrestres no Nordeste

A Petrobras retomou nesta segunda (28) processo de venda de campos de petróleo em terra na Bahia e no Rio Grande do Norte. São 50 campos que já haviam sido oferecidos ao mercado antes da suspensão do programa de desinvestimentos pelo TCU (Tribunal de Contas da União).

A estatal dividiu os projetos em três pacotes, um para cada polo produtor (estrutura que inclui, além dos campos, instalações para armazenamento da produção). Dois desses polos estão na Bahia: Buracica, que tem sete campos produtores, e Miranga, com nove campos.

No Rio Grande do Norte, a estatal está vendendo o polo Riacho da Forquilha, com 34 campos produtores. Segundo a empresa, a produção média de petróleo e gás nos três polos foi de 20,4 mil barris de óleo equivalente em 2016. As informações são de NICOLA PAMPLONA, Folha de São Paulo.

Nesta segunda, foi lançado o prospecto (ou teaser) da venda, para chamar empresas interessadas a participar do processo.

A venda é parte do plano de desinvestimentos da Petrobras, que prevê arrecadar US$ 21 bilhões até o fim de 2018.

BR DISTRIBUIDORA

Após anunciar uma operação de limpeza do balanço da BR para venda de ações, a Petrobras comunicou ao mercado que contratou Rafael Salvador Grisolia para o cargo de diretor financeiro da distribuidora.

A nomeação de Grisolia foi aprovada em reunião do conselho de administração da BR na última sexta (25) e comunicada em nota divulgada nesta segunda (28).
Grisolia é engenheiro de produção e já atuou na área financeira de empresas como Esso, Cosan, Grupo Trigo SA e Cremer.

Quando foi convidado para a BR, comandava a área financeira da Inbrands.

A busca de um nome de fora da empresa tem por objetivo melhorar a percepção do mercado sobre a companhia antes do processo de abertura de capital, que deve ser realizado até o fim do ano.

Na sexta, a estatal anunciou a aprovação de uma reestruturação societária na subsidiária, que vai receber aporte de R$ 6,3 bilhões e transferir à holding recebíveis de acordo com a Eletrobras para o pagamento de dívidas pela compra de combustíveis.

A expectativa é que a operação melhore o preço das ações da BR que devem ser oferecidas ao investidores privados.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: