Preço de banda larga fixa varia 78% entre operadoras

Resultado de imagem para operadora internet

Os preços dos pacotes de banda larga fixa variam até 78%, no Rio. Um levantamento feito pelo EXTRA/O Globo revela as opções com melhor custo benefício para o perfil de consumo de cada família.

No caso da velocidade de 15 Mbps, por exemplo, enquanto uma empresa oferece o plano por R$ 64,90 a concorrente cobra R$ 115,90. Uma das explicações para a acentuada oscilação de preços é a distribuição da infraestrutura de tecnologia e localização dos provedores regionais.

— A opção de escolha do do consumidor acaba sendo limitada porque várias empresas não ofertam em seu bairro, rua ou no prédio. Em muitos endereços só uma ou duas têm serviço e para determinadas velocidades.

Na banda larga fixa, 85% das conexões são ofertadas por quatro grandes operadoras, com subdivisão de áreas geográficas e quase monopólio em determinados endereços — observa Rafael Zanatta, pesquisador em telecomunicações do Instituto de Defesa do Consumidor (Idec).

Apesar dessas restrições, o número de residências que contam serviço de internet no estado chegou a 49%, em março, bem acima da média nacional que está em 39%, segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicação (Anatel). Mas, na hora de contratar o plano de banda larga fixa, o consumidor deve estar atento ao contrato de adesão.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: