Prefeito do Assú é suspeito de aplicar estelionato eleitoral para favorecer irmão deputado

O prefeito do Assú Gustavo Soares, do PR, que abandonou a cidade e praticamente mora em Natal, é suspeito de querer aplicar um golpe de estelionato eleitoral para favorecer principalmente o seu irmão e deputado estadual George Soares, com o suposto investimento no valor de R$ 6 milhões para a construção de obras no município.

A suspeita foi levantada pelo pré-candidato a deputado estadual pelo PSD Ivan Júnior, alegando que não foi divulgado o numero desse convênio e que todos os prefeitos do Brasil estariam apenas pleiteando recursos do Governo Federal, mas que desde o último dia 7 de julho, a legislação eleitoral proíbe qualquer tipo de assinatura de convênio.

Ivan Júnior disse que torce e seria muito bom se a Prefeitura do Assú, tivesse realmente esse convênio sem número, mas lamenta que se isso for realmente um estelionato eleitoral com objetivo politiqueiro apenas para enganar a população, culpando depois das eleições de outubro, o presidente Temer, por não ter liberado esse suposto convênio. Escute abaixo trecho da entrevista de Ivan Júnior:


Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: