fbpx

Proposta de Rogério Marinho, “prejudica o SUS, os consumidores e os médicos”

Resultado de imagem para O professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), Mário Scheffer

A medida de reforma da Lei de Planos de Saúde, foi apresentada pelo deputado Rogério Marinho (PSDB-RN), na terça-feira, 26, a representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), associações de defesa do consumidor e Associação Brasileira de Saúde Coletiva. O professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), Mário Scheffer, que participou do encontro, não poupou críticas à proposta.

“Essa proposta atende apenas o interesse dos planos, prejudica o Sistema Único de Saúde (SUS), os consumidores e os médicos”, disse. “Para completar, com apenas um gesto, engaveta uma série de projetos que estão no Congresso com propostas para dar mais garantias aos consumidores.”

Scheffer também considerou um retrocesso a proposta de aumento das mensalidades depois dos 60 anos. “Vai acontecer o que ocorria antes da lei. Abusos. É uma forma de se expulsar o consumidor justamente quando ele mais precisa”, observou. Ele lembrou que, antes da regra que proíbe o aumento, operadoras aumentavam de forma expressiva a mensalidade em faixas etárias mais velhas. As informações são de O Estado de São Paulo.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: