Robinson diz que “não aceito insubordinação” da PM

“Não aceito insubordinação da Polícia Militar”, declarou o governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD), por meio de suas redes sociais, na noite desta segunda-feira (6). “Não admito e tomarei todas as medidas, inclusive as mais drásticas se preciso for, para garantir o trabalho da segurança para a população”, complementou.

As publicações do governador ocorreram após a realização de assembleias de oficiais e praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, que decidiram paralisar suas atividades na próxima segunda-feira (13), em protesto contra os atrasos nos salários dos servidores públicos do estado. Os militares resolveram também realizar uma manifestação em frente à sede do governo do estado, na mesma data.

Ao saber da decisão, Robinson afirmou que não admitia a paralisação e disse ser o governador que mais apoiou os policiais nas suas reivindicações.

A Secretaria de Segurança Pública anunciou para esta terça-feira (7) o pagamento da segunda parcela dos salários da folha de setembro aos servidores que recebem mais de R$ 4 mil. O pagamento era previsto para a próxima sexta-feira (10).

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: