Rosalba Ciarlini retorna à cena política e deverá assumir presidência do PP de Mossoró

Embora a ex-prefeita não trate, de público, sobre as eleições 2024, o seu nome aparece entre as principais opções da oposição para enfrentar o prefeito Allyson Bezerra. Rosalba Ciarlini deverá assumir a presidência do Progressistas de Mossoró

Por César Santos – Da Redação

A ex-prefeita Rosalba Ciarlini voltou à cena política nesta sexta-feira, 8, ao participar da convenção estadual do Progressistas, em Natal. Ela foi recepcionada pelo presidente do partido no Rio Grande do Norte, deputado federal João Maia, como um dos quadros importantes da legenda, inclusive, que pode disputar as eleições municipais de 2024.

Rosalba não participava de um evento político desde maio deste ano, quando prestigiou as comemorações pelos 101 anos do PCdoB. Por isso, o seu retorno às atividades do Progressistas é visto como um sinalizador de que a ex-prefeita está disposta a colocar o seu nome no tabuleiro da sucessão municipal.

Inclusive, Rosalba deverá assumir a presidência do Progressistas de Mossoró. O convite foi feito por João Maia e pelo vice-presidente estadual do partido, ex-deputado federal Beto Rosado. Ela não respondeu de imediato, mas a probabilidade é de aceitar. “Vou conversar com os amigos e correligionários, mas, a princípio, a possibilidade é de aceitar o convite”, disse, em conversa com a reportagem do Jornal de Fato, por telefone.

Embora a ex-prefeita não trate, de público, sobre as eleições 2024, o seu nome sempre aparece entre as principais opções da oposição para enfrentar o prefeito Allyson Bezerra (União Brasil), que vai tentar a reeleição. Os líderes do Progressistas também não antecipam o projeto eleitoral que o partido tem para Mossoró. Eles se limitam a elogiar o currículo político de Rosalba Ciarlini, que governou a cidade por quatro vezes e foi governadora e a primeira mulher potiguar eleita senadora da República.

Rosalba tem sido econômica quando instada para falar sobre as eleições 2024. Desde que concluiu o último mandato na Prefeitura de Mossoró, em dezembro de 2020, ela passou a se dedicar à família e aos projetos profissionais, inclusive, voltando a exercer a medicina como médica pediatra. No entanto, a política não deixou de ser parte do seu dia a dia. A ex-prefeita acompanha atentamente o que está acontecendo em Mossoró e tem uma visão apurada sobre o processo sucessório do próximo ano.

Outras opções

A oposição dá sinais de que vai se organizar em um só palanque para as eleições do próximo ano, embora essa possibilidade não seja uma certeza. Porém, há interesse de todos os grupos de oposição em unificar o palanque, considerado que é a maneira mais eficiente para fortalecer um projeto para apresentar ao eleitor mossoroense.

Além de Rosalba, a oposição tem mais dois nomes no tabuleiro da sucessão 2024: a deputada estadual Isolda Dantas, lançada na última plenária do PT; e o vereador Tony Fernandes (SDD), líder da bancada oposicionista na Câmara Municipal.

Isolda, em recente entrevista ao “Cafezinho com César Santos”, afirmou que o seu nome está colocado para o diálogo, ressaltando que o mais importante é unificar forças para “livrar Mossoró do caos em que se encontra”.

Esse é o mesmo pensamento de Tony Fernandes. O vereador admite uma candidatura a prefeito, porém, desde que a oposição esteja unida e que tenha estrutura para enfrentar a campanha municipal. “Mossoró precisa de um projeto de desenvolvimento, precisa se livrar da situação em que se encontra hoje, e nós estamos dispostos a fortalecer esse processo”, afirmou em entrevista ao Jornal de Fato.

João Maia e Beto assumem presidência e vice-presidência no RN

A convenção estadual do Progressistas foi marcada por eleição e posse dos novos membros do Diretório Estadual; eleição e posse dos membros dos Conselhos Fiscal, Consultivo, e de Ética estaduais, além da posse dos delegados e respectivos suplentes à Convenção Nacional do Partido.

O deputado federal João Maia assumiu a presidência estadual do partido e o ex-presidente Beto Rosado passou a ser vice-presidente, juntamente com os vice-presidentes o deputado estadual Neilton Diógenes e o ex-prefeito de Pau dos Ferros, Leonardo Rêgo.

João Maia considera que assumir a presidência do PP é um misto de alegria e compromisso com o partido e os potiguares. “Eu estou assumindo, com muita alegria e senso de responsabilidade, a direção estadual do Progressistas, juntamente com Beto Rosado e toda executiva. Assumo o compromisso de trabalhar em função de fortalecer os municípios”, discursou.

“Eu sempre digo: nosso compromisso é com os municípios, que é onde as pessoas vivem, seja na área urbana ou na área rural. Tenho alegria, satisfação, honra e senso de responsabilidade para conduzir o partido”, declarou.

O vice-presidente Beto Rosado ressaltou que partido está em um novo momento e em boas mãos, referindo-se ao seu sucessor João Maia. “É um novo momento para o Progressistas, onde nós estamos recebendo o nosso novo presidente João Maia, liderando esse grupo que só vai aumentar a representatividade do RN”, disse.

Segundo Beto, novas lideranças regionais querem ingressar na política e entendem que “o Progressistas é um partido que dá apoio, ajuda, orienta, para que a gente possa colocar esse ritmo de progresso onde ele se estabelece.”

Por fim, Beto reconheceu que o perfil do deputado João Maia é Progressista. “O perfil que o partido busca para esse desenvolvimento. Então a sua orientação, a sua liderança vai levar o nosso partido ao crescimento para melhorar a vida do povo potiguar”, destacou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.