Saúde em Assu vira caos no governo do PT e diretor interino de hospital pede demissão

A imagem pode conter: Andriério Lopes, sorrindo

Após o intenso tiroteio de ataques graves sem provas contra todas equipes de médicos e enfermeiros da protegida do líder da governadora Fátima Bezerra, do PT e deputado George Soares, a ex-diretora do Hospital Regional Dr Nelson Inácio em Assu Liduina Melo, com o apoio total dos radialistas Jarbas Rocha e Lucílio Filho, da Princesa FM, jogando lama na honra dos profissionais da unidade estadual de saúde pública, com a acusação da venda e compra de plantões, além da venda de cirurgias do SUS, o diretor administrativo Andriélio Lopes que respondia também interinamente pela direção Geral do Hospital, desde a exoneração da enfermeira Liduina, vai pedir demissão do cargo.

Nos bastidores da política, comenta-se que Andrielio Lopes recebeu convite para chefiar o hospital regional de Angicos e aceitou. O jovem que tem um currículo invejável e tem demonstrado ser um cidadão de bem, não esta mais aguentando conviver com o rebuliço e o terror provocado por Liduina Melo, que tem o aval e a carta branca do deputado George Soares, para casar e batizar no hospital do Assu e enlamear a vida de todo mundo, inclusive médicos e enfermeiros que são ate seus correlegionários e aliados.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: