Servidores de Assú protestam contra ameaça de demissão do prefeito

O prefeito do Assú Gustavo Soares, irmão do deputado estadual George Soares, foi alvo hoje de protesto dos servidores do município que o acusam de estar violando os direitos do funcionalismo público municipal. Embalados pelo refrão o povo ta na rua Gustavo a culpa é sua”, eles caminharam pelas ruas do centro comercial e condenaram a ameaça demissão de 94 servidores concursados.

Os servidores também reclamaram da perseguição movida pelo prefeito com o aval do seu irmão e deputado George Soares que querem acabar com o plano de cargos, carreiras e salários do funcionalismo, e demitir concursados, mas que protege os seus afilhados e apadrinhados políticos que exercem cargos comissionados e não serão afetados com o corte ou exoneração.

Eles reclamaram do fato do prefeito Gustavo Soares não dar expediente durante dois toda semana e não descontar nada do pagamento de R$ 18 mil que recebe mensalmente dos cofres da Prefeitura do Assú. Para os manifestantes, caso aconteça a demissão de médicos, enfermeiros e de outras categorias, a situação da saúde e ducação vai ficar pior do caos que já está.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: