fbpx

Três dados falsos e três verdadeiros ditos por Lula

Resultado de imagem para lula discurso

“Nos EUA, termina a votação [da Suprema Corte] e você não sabe no que o cidadão votou”

FALSO Nos EUA é, sim, possível saber como votaram os membros da Suprema Corte. São transcritos e tornados públicos os votos os relatores, bem como a lista e as opiniões dos juízes que divergiram dele. As sessões “per curium”, em que o resultado sai como uma posição da Corte, sem o detalhamento dos votos, representam a minoria dos casos, cerca de 10%. Procurada, a assessoria de Lula preferiu não comentar.

“[O Brasil foi o] último país do mundo a ter uma universidade”

FALSO A primeira instituição de ensino superior do Brasil foi a Escola de Cirurgia da Bahia, criada em 1808. De acordo com a FGV, no entanto, a Universidade do Brasil deve ser considerada a primeira do país. Ela é de 1937. A Universidade Agostinho Neto, a primeira de Angola sob o domínio colonial português, data de 1962. Na Etiópia, a Universidade de Addis Ababa é de 1950. Na Arábia Saudita, a Universidade Rei Saud data de 1956. Ambas também são as primeiras universidades desses países. Há vários casos similares. A assessoria de imprensa do ex-presidente Lula destacou que “o Brasil foi o último país da América do Sul a ter universidade”.

“[Fui] o único presidente da República sem um diploma universitário”

FALSO O ex-presidente Café Filho, que substituiu Getúlio Vargas no poder e que governou o Brasil entre agosto de 1954 e novembro de 1955, chegou a iniciar o curso de direito na Academia de Ciências Jurídicas e Comerciais de Recife, em 1917, mas não concluiu os estudos. Não tinha, portanto, diploma universitário. Procurada, a assessoria do ex-presidente afirmou que “Café Filho é café com leite”, fazendo alusão ao fato de ele não ter sido eleito para o posto de presidente e ter assumido o cargo em razão do suicídio de Vargas.

“[Sonhei] governar este país […] criando milhões de empregos”

VERDADEIRO Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho, 11,2 milhões de empregos formais foram gerados no Brasil entre 2003 e 2010, na gestão Lula.

“Fui o presidente que mais fez universidades”

VERDADEIRO A série histórica do Inep, iniciada em 1995, mostra que, durante a gestão de Lula, foram criadas 28 universidades –23 públicas e 5 privadas. No governo Fernando Henrique Cardoso foram 27 (6 públicas), e, no de Dilma (2011-2016), 7.

“[Sonhei (…)] Diminuir a mortalidade infantil”

VERDADEIRO, MAS Dados reunidos pelo Banco Mundial mostram que a mortalidade infantil brasileira vem caindo desde 1960 e que, nos anos do governo Lula, a queda se manteve. Em 2002, antes de Lula assumir a Presidência, o país tinha uma taxa de 27,7 mortes a cada 100 mil nascidos vivos. Em 2010, quando deixou o Planalto, ela havia caído para 17,7. O último dado, referente a 2016, indica que a redução se manteve: a taxa passou a 13,5.

​Cristina Tardáguila, Natalia Leal, Leandro Resende, Chico Marés e Nathalia Afonso (reportagem)

AGÊNCIA LUPA

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: