Ministros do STF viram principal alvo em dia de ‘malhar o Judas’

Os ministros do Supremo Tribunal Federal foram algumas das personalidades mais lembradas neste Sábado de Aleluia por quem decidiu “malhar o Judas” Brasil afora. Nas redes sociais, vídeos de bonecos com imagens de Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e outros, além de políticos, foram queimados e espancados pelas ruas.

O já tradicional paralelo entre a crítica política e o feriado Santo da Igreja Católica que o brasileiro faz com um fundo de bom humor também lembrou os membros do Congresso Nacional de modo geral. Dilma Rousseff, Lula, Michel Temer e o juiz Sergio Moro também apareceram pelas redes. Veja as manifestações dos internautas: As informações são de O Globo.

Gilberto Occhi do PP assumirá Ministério da Saúde

Gilberto Occhi

Depois de vários dias de impasse, foi definida neste sábado a sucessão do Ministério da Saúde. O presidente da Caixa, Gilberto Occhi, assume o posto, hoje ocupado pelo deputado Ricardo Barros (PP-PR), que deixa o cargo para concorrer à Câmara dos Deputados.  A transmissão ocorre na segunda, às 10h30.

A negociação foi feita entre o presidente Michel Temer e o presidente do PP, Ciro Nogueira. O atual  vice-presidente de Habitação da Caixa, Nelson Antônio de Souza, assume o posto hoje ocupado por Occhi, afirmou Nogueira.
Occhi, ligado ao PP,  vinha sendo cotado para o cargo havia dias. A transferência do cargo estava marcada para semana passada, mas na última hora a indicação foi suspensa, diante do receio de que, com a transferência, o PP perdesse o comando da Caixa. As negociações continuaram e hoje, o nome de Occhi foi confirmado para Saúde e de Souza, para a Caixa. As informações são de Lígia Formenti, O Estado de S.Paulo.

Procuradoria inclui amigos de Temer em ‘quadrilhão do MDB’

Resultado de imagem para Aliados de Temer, Yunes, coronel Lima e ex-ministro Wagner Rossi são presos

O Ministério Público Federal em Brasília incluiu na denúncia do chamado “quadrilhão do MDB” o advogado José Yunes e o coronel João Baptista Lima Filho, amigos de Michel Temer presos na quinta-feira (29).

Os dois foram acusados pela força-tarefa da Operação Greenfield de integrar uma organização criminosa, juntamente com integrantes do partido.A denúncia foi apresentada em setembro pelo então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao STF (Supremo Tribunal Federal) contra Temer e alguns de seus aliados, como o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha e o ex-ministro Geddel Vieira Lima.

Depois que a Câmara barrou o prosseguimento da ação contra Temer, o caso foi remetido à Justiça Federal no DF para que os envolvidos sem prerrogativa de foro sejam processados.

Leia maisProcuradoria inclui amigos de Temer em ‘quadrilhão do MDB’

Temer dará posse a novos ministros nesta segunda-feira

Resultado de imagem para Temer dará posse a novos ministros nesta segunda-feira

Em meio à nova crise política deflagrada com a prisão de seus amigos na quinta-feira (29), o presidente Michel Temer antecipou para esta segunda-feira (2) a posse de alguns ministros que entram no lugar daqueles que deixarão os cargos por causa das eleições.

O Palácio do Planalto informou neste sábado (31) que será às 10h30 a posse dos novos ministros dos Transportes, Valter Casimiro Silveira, e da Saúde, Gilberto Occhi.

Também será empossado o novo presidente da Caixa Econômica Federal, Nelson Antônio de Souza, conforme noticiou a coluna Painel, da Folha. 

Leia maisTemer dará posse a novos ministros nesta segunda-feira

Papa Francisco pede que se redescubra capacidade de sentir vergonha

Papa Francisco aparece com o rosto em silhueta olhando para baixo durante cerimônia da Via-Crúcis

Nesta Sexta-Feira Santa o papa Francisco pediu aos fiéis e aos clérigos que redescubram a capacidade de sentir vergonha por seu papel em relação aos problemas do mundo.

“Nossas gerações estão deixando aos jovens um mundo fraturado pelas divisões e pelas guerras, devorado pelo egoísmo em que os jovens, as crianças, os doentes e os idosos são colocados à margem.”

Como fez no ano passado, Francisco citou como principais razões da vergonha as pessoas enganadas “pela ambição e pela glória vã”, assim como “a lepra do ódio, do egoísmo e da arrogância”. “Só o perdão pode vencer o rancor e a vingança, só o abraço fraternal pode dissipar a hostilidade e o medo do outro.”

A via-crúcis deste ano foi dedicada aos jovens, motivo do sínodo (reunião mundial de bispos) que se realizará em outubro. Os textos lidos nas 14 estações foram escritos por 15 pessoas entre 16 e 27 anos.

Leia maisPapa Francisco pede que se redescubra capacidade de sentir vergonha

Prefeito de Ipanguaçu contraria George Soares e bota fé na Teledata

Apesar do deputado estadual do PR George Soares, ter tentado desmoralizar o resultado da pesquisa administrativa da Teledata, realizada entre os dias 10 e 11 de março, apontando que mais de 38% da população do Assú diz que governo de Gustavo é ruim ou péssimo, hoje o prefeito de Ipanguaçu Valderedo Bertoldo, aliado e cabo eleitoral do parlamentar do PR, vibrou e comemorou os dados do instituto que registram 28,57% dos entrevistados classificam a administração em Ipanguaçu como  ótima/boa.

Sem acreditar no deputado George Soares que chegou a intimidar até o dono do instituto Teledata em que pretende apoiar a sua reeleição, o grupo do prefeito Valderedo Bertoldo, botou fé na pesquisa divulgada hoje que revela uma situação bem mais favorável do que a triste realidade vivida pelo irmão do deputado e prefeito do Assú tem alta reprovação popular.

 

Prefeito de Ipanguaçu faz governo muito melhor do que prefeito do Assú, diz Teledata

Enquanto o prefeito do Assú Gustavo Soares, do PR, que embolsou mais de R$ 70 milhões no ano de 2017 ganhou destaque na última pesquisa divulgada Teledata com alto índice de rejeição popular – o prefeito de Ipanguaçu Valderedo Bertoldo, do PSDB, com quase R$ 20 milhões de FPM e Fundeb, nos cofres do município no mesmo período, vem fazendo um bom trabalho segundo a Teledata que realizou pesquisa administrativa no município de Ipanguaçu no dia 24 de março.

Para a população de Ipanguaçu, o prefeito Valderedo Bertoldo, alcançou a marca de 28,57% dos entrevistados que apontam a administração como  ótima/boa. A avaliação de regular do governo de Valderedo alcançou 46,88% dos entrevistados. Para 20,99% a administração do tucano é apontada como ruim/péssima.  Apenas 3,57% não soube ou não respondeu. Foram aplicados 224 entrevistas, sendo 96 na zona urbana e 128 na zona rural, com margem de erro de 3,5 pontos percentuais

Penduricalhos fazem consumidor pagar mais R$ 4 bi na conta de luz

Resultado de imagem para contas de luz

O consumidor de energia tem desembolsado bilhões de reais todos os anos para bancar, por meio de sua conta de luz, programas públicos que não têm nenhuma relação com o setor elétrico e que sequer são fiscalizados pelo governo.

A lista de penduricalhos cobrados na conta de luz inclui desde ações para beneficiar produtores rurais em atividades de irrigação e criação de peixes até subsídios concedidos a prestadores de serviços públicos de água, esgoto e saneamento. Só no ano passado, essa conta paralela chegou a R$ 4 bilhões. Nos últimos cinco anos, consumiu mais de R$ 17,5 bilhões.

Estado teve acesso exclusivo a um relatório de auditoria, ainda em sigilo, realizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU). A corte investigou detalhes de cada encargo que o cidadão paga ao consumir energia elétrica. O levantamento foi realizado entre janeiro e março, a partir de informações da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e de dez ministérios responsáveis por programas financiados pela conta de luz.

Leia maisPenduricalhos fazem consumidor pagar mais R$ 4 bi na conta de luz

Mais de mil juízes e procuradores vão ao STF por prisão em 2ª instância

Membros do Ministério Público e da magistratura de todo o País vão entregar um super abaixo-assinado pela prisão em 2ª instância aos onze ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta segunda-feira, 2, na antevéspera do julgamento do habeas corpus preventivo do ex-presidente Lula, condenado a 12 anos e um mês no caso triplex. Na quarta-feira, 4, os ministros analisam o mérito do pedido do petista para aguardar em liberdade os recursos contra a condenação na Operação Lava Jato.

Até as 23h30 desta sexta-feira, 30, mais de mil promotores, procuradores e juízes de todo o País já haviam assinado a nota técnica. Esta é a maior ofensiva dos membros do Ministério Público e do Judiciário pela prisão em 2ª instância, segundo informações são de Fausto Macedo e Julia Affonso – O Estado de São Paulo.

Já subscreveram o manifesto o coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato, no Paraná, procurador Deltan Dallagnol, as procuradoras da Lava Jato, em São Paulo, Thaméa Danelon e Anamara Osorio, a procuradora regional da República, Ana Paula Mantovani, o promotor de Justiça, em Brasília, Renato Varalda, além dos procuradores-gerais de Justiça de Goiás (Benedito Torres), do Alagoas (Alfredo Mendonça) e do Rio (Eduardo Gussem) e, ainda, o procurador do Ministério Público do Tribunal de Contas de União, Julio Cesar Marcelo de Oliveira.

“Nada justifica que o STF revise o que vem decidindo no sentido de que juridicamente adequado à Constituição da República o início do cumprimento da sanção penal a partir da decisão condenatória de 2ª instância. A mudança da jurisprudência, nesse caso, implicará a liberação de inúmeros condenados, seja por crimes de corrupção, seja por delitos violentos, tais como estupro, roubo, homicídio etc”, afirma o abaixo assinado.

PF apreende papeis com citação a Temer e Argeplan na Rodrimar

A Polícia Federal apreendeu, na sede da Rodrimar, folhas de papel com citação ao presidente Michel Temer (MDB) e à empresa Argeplan, controlada pelo coronel da PM José Baptista Lima Filho, o coronel Lima, amigo do emedebista.

A Rodrimar foi alvo de buscas da Operação Skala, deflagrada nesta quinta-feira, 29, por ordem do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo. O dono da empresa, Antonio Celso Grecco, e o coronel Lima foram presos.

A Skala investiga supostos benefícios à empresa Rodrimar na edição do decreto voltado ao setor portuário. O presidente Michel Temer (MBD) é um dos alvos do inquérito. As informações são de Julia Affonso – O Estado de São Paulo.

Leia maisPF apreende papeis com citação a Temer e Argeplan na Rodrimar

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: