Central do Cidadão de Currais Novos é inaugurada por Fátima Bezerra e Ezequiel Ferreira

A nova sede da Central do Cidadão de Currais Novos foi inaugurada neste sábado (20) pela governadora Fátima Bezerra (PT) e pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB). Os investimentos ultrapassaram os R$ 4 milhões em obras e aquisições de equipamentos. No prédio, o órgão está pronto para promover mais de 40 mil atendimentos por mês, levando dignidade e conforto aos usuários e funcionários.

Ezequiel disse que estava vendo um sonho se transformar em realidade. O presidente da Assembleia solicitava a construção de uma sede própria para a Central do Cidadão de Currais Novos desde 2017. No ano passado, esteve presente no dia em que foi colocada a pedra fundamental, marcando o início da obra. Neste sábado, testemunhou a inauguração oficial.

“Com uma sede própria e bem estruturada, a Central vai poder prestar um serviço eficaz no atendimento de uma boa parte da população do Seridó e ainda desafogando as demandas nos demais municípios vizinhos”, disse o deputado, agradecendo o empenho do Governo do Estado em atender a sua solicitação. Também é dele a proposição da nomenclatura do novo edifício, que homenageará Adalberto Antônio do Nascimento (Bebeto do Detran), cidadão de Currais Novos que durante anos se dedicou à população local.

A governadora Fátima Bezerra agradeceu a Ezequiel pelo apoio que tem recebido por parte da Assembleia Legislativa para trabalhar a favor da sociedade. A gestora reconheceu ainda o esforço de Ezequiel para que a sede própria da Central do Cidadão se transformasse em realidade para a população de Currais Novos. “A entrega deste equipamento vem ampliar e melhorar a qualidade dos serviços públicos, de maneira a diminuir as diferenças socioeconômicas entre as regiões do Estado e gerando economia ao Tesouro”, disse Fátima.

Leia maisCentral do Cidadão de Currais Novos é inaugurada por Fátima Bezerra e Ezequiel Ferreira

Banco do Nordeste comemora 67 anos de promoção ao desenvolvimento regional

“Ser banco de desenvolvimento é gerar transformações de pessoas, de comunidades, de municípios, de territórios e da Região”. Assim o presidente do Banco do Nordeste, Romildo Rolim, definiu o propósito da instituição na abertura do XXV Fórum BNB de Desenvolvimento, que celebra os 67 anos da instituição, hoje, na sua sede, em Fortaleza.

Durante a cerimônia, foram homenageadas personalidades com a Comenda Banco do Nordeste de Desenvolvimento Regional. Na categoria Político-institucional, foram reconhecidos o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, o presidente do Tribunal de Contas da União, José Múcio Monteiro, e a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, representada pelo assessor especial Danilo Forte. O empreendedor pernambucano Jorge Petribú foi homenageado na categoria Empresarial e o trabalho do professor alagoano Krerley Irraciel Martins Oliveira foi reconhecido na categoria Acadêmica.

O presidente Romildo destacou três grandes eixos de atuação do Banco do Nordeste: aplicar o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) com cada vez mais eficiência; avançar no microcrédito, segmento em que o BNB é líder de mercado e tem o maior programa da América do Sul, o Crediamigo; e ser o banco das micro, pequenas e médias empresas de sua área de atuação, que inclui os nove Estados nordestinos e o norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.

Leia maisBanco do Nordeste comemora 67 anos de promoção ao desenvolvimento regional

Após Auditoria Interna, SETHAS reorganiza Postos de Distribuição do Programa Leite Potiguar

Na reta final de Auditoria Interna realizada pela Secretaria de Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas) conjuntamente com a Controladoria Geral do Estado, iniciada em março último, a SETHAS vem, desde abril, realizando uma série de medidas de correção das irregularidades constatadas.

Dentre essas iniciativas está a reorganização dos postos de distribuição do leite de todo o estado, muitos deles não oferecem condições sanitárias para funcionar como uma Unidade de Distribuição de Leite, conforme a legislação sanitária vigente.

Em recente Recomendação do Ministério Público foi solicitada a suspensão imediata de algumas unidades, que foram objeto de fiscalização da Vigilância Sanitária no período de dezembro de 2018 à abril deste ano. Das 19 unidades que tiveram a recomendação de suspensão, sete delas já estão regularizadas.

Leia maisApós Auditoria Interna, SETHAS reorganiza Postos de Distribuição do Programa Leite Potiguar

UFRN inicia segundo período letivo com 2.733 novos alunos

Mais de 40 mil estudantes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) voltam às aulas nesta segunda-feira, 22, quando começa período letivo 2019.2. Os estudantes da UFRN estão distribuídos entre a educação infantil, técnica, graduação e pós-graduação. Neste semestre, ingressam 2.733 novos estudantes na graduação, sendo 2.284 por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), 217 para preenchimento de vagas residuais, 40 do curso de Letras Libras e 192 do reingresso de 2º ciclo.

Os ingressantes do Sisu que tiveram os cadastros efetivados até 15 de julho devem confirmar vínculo na primeira semana de aula, entre os dias 22 e 26, para assegurar o interesse e a disponibilidade de frequentar as aulas e demais atividades acadêmicas.

O procedimento é realizado, presencialmente, nas coordenações de cursos, mediante assinatura de uma lista de confirmação. Os estudantes que tenham conseguido vaga após 29 de julho devem confirmar vínculo após o início das aulas, até 9 de agosto.

Leia maisUFRN inicia segundo período letivo com 2.733 novos alunos

PRF apreende caminhão roubado durante Operação com o Ministério Público do Trabalho

A Polícia Rodoviária Federal participou de uma Operação com o Ministério Público do Trabalho, durante os dias 16, 17 e 18 deste mês.

O objetivo desta Operação foi verificar se as falhas apontadas numa fiscalização no ano passado pelo MPT, teriam sido corrigidas.

Em três dias, foram visitadas cerca de 30 olarias da região do Vale do Assú e do Município de Pendências/RN.

No terrenos de uma dessas olarias, no final da manhã da quarta-feira (17), uma equipe de policiais rodoviários federais apreendeu um caminhão LK 2638, de cor branca, que possuía queixa de roubo/furto nos sistemas informatizados de consulta.

O veículo estava na posse de um homem que é proprietário de um posto de combustível em Assú, que foi enquadrado no crime de receptação culposa.

*Blog de Jair Sampaio

TENSÃO: Tê, Wedson e João Paulo Gafanhoto desafiam o prefeito Gustavo Soares


O presidente da Câmara Municipal de Assú, Francisco de Assis Souto, o Tê, juntamente com os vereadores Wedson Nazareno e João Paulo, criam clima pesado e de tensão no governo do turista e batedor de boca no Facebook, Gustavo Soares.

Os três vereadores que ganham mais de 10.000,00 reais por mês, entre salário e ajuda de custo, fora todos os benefícios advindos de cargos indicados pelos mesmos na Prefeitura Do Assu, estão sendo alvos de críticas, pois, estão reclamando de barriga cheia. Os sabidos e fominhas vereadores entraram com uma ação judicial contra o município de Assú para recebimento de décimo terceiro salário, férias e o terço constitucional.

O município do Assú, apresentou defesa negando o pedido dos vereadores, fundamentando o argumento de que eles não são servidores públicos, para fazerem jus ao recebimento. Comenta-se que o Jacarezinho, Gustavo Soares está virado num traque, com seus aliados Tê, Wedson e João Paulo, que estão querendo criar confusão quando deveriam permanecer na deles, já que a prefeitura tem outras despesas para pagar.

O vereador João Paulo, que tem sua esposa, LUZIA LUANA BERTO DA SILVA FERNANDES, como Secretária Adjunta do Meio Ambiente no município, é o mais criticado pelo prefeito, que chegou até a bater em sua mesa de gabinete o chamando de traidor, muito também pela mágoa nutrida por ele não votar no seu irmão George Soares para deputado. No entanto, os Soares, sabem que esse não é momento para brigar, já que precisam de votos na disputa pela prefeitura.

Quatro atletas da Nagashima Porto Piató estão na seleção brasileira de Judô

JUDO CLUBE NAGASHIMA Equipe @nagashimapp @armazem.fitness celebrando as conquistas do último sábado.

Na contramão da crise, um projeto social de artes marciais com foco no Judô, o Nagashima Porto Piató, tem feito a diferença em Assú, em parceria com o Armazém Fitness, em apenas 1 ano já colocaram 4 atletas na seleção brasileira de Judô, sendo 3 na Sub-13 e 1 na Sub-15.

A Nagsashima Porto Piató tem a frente Klivia Cosme e o professor Henrique Souza, que tem se esforçado para buscar apoios, e já conseguiram apoio da iniciativa privada e do poder público, e deixa a lição que para transformar o nosso entorno, só é preciso que o cidadão dê o primeiro passo.

O atleta de Judô, Lucilio Pinto da Costa Neto, foi convocado para a seleção brasileira de base para ir ao Chile disputar o sul americano, ele fará parte da seleção sub-15, e com ele, somam -se mais 3 atletas da categoria sub 13 em nosso município. Lucilio é aluno da Escola Manoel Montenegro, mora na comunidade de Porto Piató, e é um dos atletas fruto da parceria Nagashimapp/Armazém Fitness. Na seleção Sub 13, estão João Etelvino Lopes, Lucas Gabriel e Grazielly Fernandes.

A sociedade e a iniciativa privada devem investir em parcerias com entidades como a Nagashima, com trabalho sério e que coloca os jovens em uma situação importante, de envolvimento e comprometimento com as atividades esportivas.

“Falar que se passa fome no Brasil é uma grande mentira”, diz Bolsonaro

Para o presidente Jair Bolsonaro, não há fome no Brasil. “Falar que se passa fome no Brasil é uma grande mentira”, disse ele em café da manhã com jornalistas estrangeiros nesta sexta, 19. “Passa-se mal, não come bem. Aí eu concordo. Agora, passar fome, não”.

Ele disse que “você não vê gente, mesmo pobre, pelas ruas com físico esquelético como a gente vê em alguns outros países pelo mundo”, afirmou Bolsonaro. A fala está disponível na transmissão ao vivo do café, publicada na página da Bolsonaro no Facebook. A declaração foi uma resposta de Bolsonaro a uma pergunta sobre desigualdade e combate à pobreza no País.

“Adotou-se do governo FHC (Fernando Henrique Cardoso) pra cá, PSDB e depois o PT, (a ideia de) que distribuição de riqueza é criar bolsa”, disse Bolsonaro. “É o pais das bolsas. O que faz tirar o homem da miséria, ou a mulher, é o conhecimento.”

Leia mais“Falar que se passa fome no Brasil é uma grande mentira”, diz Bolsonaro

error: Content is protected !!
%d blogueiros gostam disto: