Votação empata, e Gilmar Mendes decidirá sobre cassação de Temer

Nesta sexta (9), o quarto dia de julgamento da chapa Dilma-Temer no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) começou com a conclusão do voto do relator. O ministro Herman Benjamin votou pela cassação da chapa Dilma-Temer.

Após o relator, o primeiro ministro a votar foi Napoleão Nunes Maia, que votou contra a cassação. Em seguida, foi a vez de Admar Gonzaga e a de Tarcisio Vieira, que seguiram o voto de Napoleão.

Já o ministro Luiz Fux votou procedente o pedido pela cassação. Rosa Weber começou seu discurso votando também da mesma maneira que o relator e utilizou seu tempo de discurso para reforçar os argumentos.

As análises sobre o julgamento são feitas por Diogo Rais, professor de direito do Mackenzie e pesquisador da FGV-Direito em São Paulo. As informações são da Folha de São Paulo.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: